Quarta-feira, 29 de maio de 2019 - Por Thais Oliveira
Evento realizado na COCEN discute a integração da Inova Unicamp aos Centros e Núcleos da Universidade
Mais um encontro do projeto Inova nas Unidades, que visa apresentar as atividades realizadas pela Agência de Inovação da Unicamp à comunidade interna da Universidade, aconteceu ontem (27/05) no auditório da COCEN (Coordenadoria de Centros e Núcleos Interdisciplinares de Pesquisa da Unicamp). O foco do evento foi a discussão sobre como os centros e núcleos podem trabalhar em parceria com a Inova a fim de terem um maior desenvolvimento no campo de inovação e depósito de patentes. O encontro reuniu colaboradores da Inova, membros que compõem diversos centros e núcleos de pesquisa da Universidade e demais interessados em conhecer o trabalho da Agência de Inovação. A abertura ficou à cargo do diretor-executivo da Inova, Newton Frateschi, que destacou ser essencial a coordenadoria e seus núcleos para a formação de alunos multidisciplinares na Unicamp: “Apesar de os centros não serem institutos, participam ativamente no ensino. Através deles, os talentos adquirem uma formação interdisciplinar e multidisciplinar, preparando melhor nossos alunos para o mercado de trabalho”, destacou Frateschi. Apesar dos centros realizarem um importante papel na formação universitária, membros presentes de alguns núcleos, como NUDECRI (Núcleo de Desenvolvimento da Criatividade), CPQBA (Centro Pluridisciplinar de Pesquisas Químicas, Biológicas e Agrícolas) e CEPETRO (Centro de Estudos de Petróleo), apontaram que ainda sentem dificuldade em identificar como transformar as atividades realizadas nos centros em práticas inovadoras. Sobre essa dificuldade, a professora Ana Carolina Maciel, coordenadora da COCEN, explicou que esse foi o motivo do evento: Integrar as atividades da Inova com as unidades da COCEN para a “potencialização da presença de pesquisadores em práticas de inovação”. Durante o encontro, principalmente, centros mais ligados às ciências humanas se mostraram preocupados em como transformar suas pesquisas em depósitos de patentes e/ou produtos ou serviços a serem comercializados no mercado. Sobre isso, a gerente da Incubadora e do Parque Científico Tecnológico da Unicamp, Mariana Zanatta, em sua palestra sobre as atividades da Inova, apontou: “Estamos abertos a estudar e conversar como podemos ampliar a participação das diversas áreas, sobretudo as ciências humanas, em práticas inovadoras. Seja pela Incubadora ou através de palestras direcionadas a alunos”. Em possíveis caminhos para levar a inovação à sociedade em todas as áreas do conhecimento, o Prof. Rangel Arthur, assessor da diretoria executiva da Agência, sugeriu que os centros também se integrem a outros núcleos e institutos em seus projetos. Por exemplo, uma pesquisa no campo da linguística pode não ser viável ao mercado se lançado de forma individual, porém, se for somada a um software desenvolvido pelo Instituto de Computação, pode se tornar um produto inovador e comercializável. Como exemplo de um desses casos de projetos oriundos da Cocen que teve sua pesquisa refletida em uma empresa, também esteve presente no encontro a empresa Solpe, representada por um dos fundadores, Carlos Barreto. A Solpe é uma spin-off do CEPETRO que foi incubada na Incubadora de Base Tecnológica da Unicamp (Incamp) e hoje está hospedada no prédio Vértice do Parque Científico e Tecnológico. Barreto analisou como um grande diferencial o apoio da Inova durante o processo de incubação, uma vez que na Incubadora adquiriu boa parte de seu know how como gestor de empresas.

Fonte: Inova Cocen

Voltar
COCEN
COCEN Coordenadoria de Centros e Núcleos Interdisplinares de Pesquisa Rua Saturnino de Brito, nº 323, 2º andar Cidade Universitária Zeferino Vaz - Barão Geraldo, Campinas - SP CEP: 13.083-889 cocen@reitoria.unicamp.br +55 (19) 3521-4912 Equipe
Links
Voltar ao início Unicamp Serviços Escreva sua matéria
Acesse pelo celular