Projetos de Pesquisa
Fonte: Avaliação Institucional 2009-2013


37 Projetos de Pesquisa

A institucionalização da língua portuguesa como língua escolar no Brasil

Coordenador principal: Claudia Regina Castellanos Pfeiffer Início: 01/2014 Término:
Resumo:

Pesquisa inserida no programa História das Ideias Linguísticas (Diretório do CNPq) coordenado no âmbito do IEL/UNICAMP que busca compreender parte do processo de institucionalização da língua portuguesa como língua nacional e oficial do Brasil no que se refere à sua configuração como língua a ser ensinada na escola. Esta pesquisa trabalha com um arquivo heterogêneo, sob a filiação teórica pecheutiana da análise de discurso, dentro da área da História das Ideias Linguísticas. Procura-se, a partir das diferentes práticas de gramatização da língua portuguesa no Brasil, compreender seus modos de significação enquanto língua escolarizada, olhando para a relação entre a Sociedade, o Estado e o Conhecimento

ocultar

A Política Nacional de Desenvolvimento Regional – diagnóstico da situação recente

Coordenador principal: Roberto Luiz do Carmo Início: 08/2016 Término: 07/2018 Fonte financiadora: IPEA
Resumo:

O objetivo geral dessa proposta é contribuir para a realização de um diagnóstico abrangente do desenvolvimento regional brasileiro no período recente (2000-2015), através da identificação e da caracterização dos seus vetores e das suas dinâmicas, considerando que esses processos podem ser apreendidos através das dinâmicas demográficas. Para tanto serão analisados principalmente os processos migratórios e a mobilidade espacial da população, além dos outros componentes da dinâmica demográfica que interferem na redistribuição espacial da população.
A abordagem será realizada principalmente a partir de dois recortes territoriais principais: as micro-regiões que são objeto da Política Nacional de Desenvolvimento Regional; a rede de cidades médias.

ocultar

Arranjos Urbanos-Rurais Regionais: a população rural no Brasil no século XXI

Coordenador principal: Natália Belmonte Demétrio Início: 08/2017 Término: 07/2018 Fonte financiadora: CNPq
Resumo:

O foco da pesquisa é o estudo das populações rurais nas diferentes regionais do Brasil, a dinâmica migratória e o emprego, a partir da construção de arranjos urbanos-rurais regionais: espacialidades articuladas ao processo de globalização do rural e as commodities.

ocultar

Comunicação, divulgação de conhecimento, educação para sustentabilidade

Coordenador principal: Marcos Barbai; Carolina Cantarino; Alik Wunder; Elenise Pires de Andrade ; Marko Sinésio Monteiro; Antonio Carlos Amorim; Gabriel Cid Garcia Início: 01/2016 Término: Fonte financiadora: Rede Clima-REDE CLIMA INCT
Instituições envolvidas: Rede Clima-REDE CLIMA INCT UNICAMP
Resumo:

: Reflexões interinstitucionais e interdisciplinares em torno das possibilidades de tornar a comunicação-divulgação científica das mudanças climáticas uma potente ferramenta de sensibilização e engajamento público, bem como de constituição de políticas públicas efetivas. Estas reflexões se dão sob um duplo movimento: o diagnóstico e a avaliação dos modos como a comunicação e a divulgação científicas têm se configurado nas diversas mídias já disponíveis; e a investigação de novas formas de divulgar e experimentar suas possibilidades de divulgação por meio de artefatos culturais.

ocultar

Controle neurofisiológico da força muscular: experimentos e simulações computacionais

Coordenador principal: Leonardo Abdala Elias Linha de pesquisa: Neuroengenharia
Início: 03/2018 Término: 02/2021 Fonte financiadora: CNPq (Proc. #312442/2017-3)
Resumo:

O controle da força gerada por músculos esqueléticos é realizado por uma complexa interação entre diferentes elementos dos sistemas nervoso, muscular e esquelético. De um ponto de vista neurofisiológico, a atividade das unidades motoras e de aferentes sensoriais são fundamentais para moldar a saída motora durante a realização de diferentes tarefas. Neste projeto de pesquisa o controle neurofisiológico da força muscular será estudado utilizando-se duas abordagens: i) a experimentação humana; e ii) simulações computacionais a partir de um modelo matemático do sistema neuromuscular. Os experimentos de controle de força serão realizados em sujeitos jovens e saudáveis e terão como objetivos avaliar os efeitos de alterações do ângulo articular e da aplicação de estimulação vibrotátil na variabilidade da força e no comando neural enviado a um músculo intrínseco da mão. Serão registrados e analisados os sinais de força, eletromiograma de superfície e intramuscular, este último possibilitando a análise dos trens de disparos de potenciais de ação de unidades motoras recrutadas durante a realização das tarefas. Para o estudo computacional será utilizado um modelo multiescala e biologicamente plausível do sistema neuromuscular. O uso do modelo será fundamental para prover subsídios teóricos/conceituais acerca dos mecanismos envolvidos nos achados experimentais. Os resultados deste projeto permitirão o avanço no conhecimento sobre o controle neurofisiológico da força muscular, que é de fundamental importância para futuras aplicações clínicas e tecnológicas associadas à reabilitação sensório-motora.

ocultar

Correlações Ritmo-Timbre para Musica Instrumental e Mista: Organização, Complexidade e Informação (Fase 2).

Coordenador principal: Adolfo Maia Jr. Início: 08/2017 Término: 08/2019 Fonte financiadora: CNPq
Instituições envolvidas: NICS/UNICAMP
Resumo:

Neste projeto propomos pesquisar a organização temporal de estruturas timbrísticas e rítmicas
através de duas formulações complementares, Correlações Estatísticas e Teoria da Informação,
com vistas ao desenvolvimento de um método de análise musical e de composição de Música
Instrumental e Mista, assistida por computador. Especificamente, propomos o estudo e
aplicações de modelos formais para organização hierárquica e temporal de estruturas timbrísticas
como, por exemplo, texturas sonoras, correlacionadas a padrões rítmicos em música
instrumental e mista. A organização hierárquica de estruturas será baseada em Medidas de
Similaridade, definidas em trabalho anterior. Como aplicações destes modelos queremos
analisar padrões ritmo-timbristicos de obras de alguns compositores do século XX, partindo de
análise crítica e apoiada pela Teoria da Informação (Shannon e Kolmogorov). Assim
pretendemos estudar correlações estatísticas em três classes de matrizes: Ritmo-Ritmo, Timbre-
Timbre, e Ritmo-Timbre. Os padrões destes modelos serão estendidos e transformados
convenientemente para Composição Musical, a qual será realizada em duas etapas: Précomposição
com a construção, através das matrizes acima mencionadas, de um template Ritmo-
Timbre e a Composição propriamente dita com o sequenciamento temporal das estruturas
sonoras com controle do conteúdo informacional. Com isto em vista, uma das possibilidades que
vamos pesquisar é o sequenciamento temporal através de Cadeias de Markov.
Parte deste projeto foi inspirado e é a continuação natural de um projeto de pesquisa em
andamento (bolsa PQ2, processo 303668/2010-5) financiado pelo CNPq, no qual desenvolvemos
métodos de geração e controle de fluxos de sons granulares, com sua timbristica, ritmos e
espacialização peculiares, com a finalidade de composição com síntese granular correlacionados
a sistemas audiovisuais.
É importante ressaltar aqui que este nosso projeto traz, além dos estudos do ponto de
vista histórico e analítico, propostas de novas técnicas de organização sonora para o seu uso
efetivo em composição de música instrumental e mista,. Assim, estão previstos experimentos
acústicos-musicais bem como a composição de algumas obras instrumentais e mistas para
conjuntos de câmera.

ocultar

Desfibrilador multidirecional transtorácico

Coordenador principal: José Wilson Magalhães Bassani Linha de pesquisa: Estimulação elétrica do coração
Início: Término: Fonte financiadora: CNPq
Resumo:

A fibrilação ventricular (FV) é a arritmia mais grave que se não revertida leva o indivíduo acometido à morte. Para a reversão do quadro de FV, a desfibrilação elétrica é o único procedimento terapêutico eficaz disponível atualmente. Este procedimento consiste na aplicação de um choque elétrico de alta intensidade ao coração, diretamente ou através do tórax. A corrente elétrica que flui pelo coração é função da energia do choque e da impedância dos tecidos. Infelizmente o procedimento de desfibrilação não é isento de efeitos colaterais (e.g. arritmias, morte celular). No presente trabalho propomos a construção e testes de um desfibrilador transtorácico, multidirecional com pulsos bipolares, técnica que já demostramos ser menos lesiva ao coração e eficaz para a desfibrilação.

ocultar

Educação escolar indígena: inovação, saberes aprendidos e ofertas de nível superior

Coordenador principal: Elie George Guimaraes Ghanem Junior/Marta Azevedo Início: 06/2017 Término: 05/2020 Fonte financiadora: CNPq
Instituições envolvidas: USP – Nepo/Unicamp
Resumo:

Este projeto se situa numa linha de investigação orientada pelo seguinte problema de pesquisa: em quais aspectos a educação escolar indígena superou o caráter colonialista da escolarização? Entende-se por colonialista a pretensão civilizatória, catequizadora e o seu pressuposto de que os povos indígenas não têm conhecimentos passíveis de serem objeto de aprendizagem no ambiente escolar.

ocultar

Efeitos agudos sobre miócitos cardíacos isolados de um análogo da doxorrubicina com maior atividade anti-tumoral

Coordenador principal: Rosana A. Bassani Linha de pesquisa: Transporte e regulação de Ca2+ no coração
Início: Término: Fonte financiadora: CAPES, CNPq
Instituições envolvidas: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (USP)
Resumo:

A doxorrubicina é um dos agentes antineoplásicos mais eficientes e utilizados para tratamento de diversos tipos de câncer. No entanto, um sério efeito colateral é a indução de cardiomiopatia aguda e crônica, o que motiva a busca por análogos do composto que sejam menos agressivos ao coração. O objetivo deste trabalho é caracterizar a atividade elétrica, transporte de Ca2+ e atividade contrátil de cardiomiócitos durante a exposição aguda a doxorrubicina e a um análogo cujos testes iniciais indicaram maior atividade antineoplásica. Propõe-se também investigar alguns mecanismos que possam estar envolvidos na cardiotoxicidade das antraciclinas.

ocultar

Efeitos de manipulações sensoriais e biomecânicas no controle neurofisiológico da força muscular: experimentos e simulações computacionais

Coordenador principal: Leonardo Abdala Elias Início: 05/2018 Término: 04/2020 Fonte financiadora: FAPESP (Proc. #2017/22191-3)
Instituições envolvidas: USP, UFABC, Imperial College London (UK), Universi
Resumo:

O controle da força gerada por músculos esqueléticos é realizado por uma complexa interação entre diferentes elementos dos sistemas nervoso, muscular e esquelético. De um ponto de vista neurofisiológico, a atividade das unidades motoras e de aferentes sensoriais são fundamentais para moldar a saída motora durante a realização de diferentes tarefas. Neste projeto de pesquisa o controle neurofisiológico da força muscular será estudado utilizando-se duas abordagens: i) a experimentação humana; e ii) simulações computacionais a partir de um modelo matemático do sistema neuromuscular. Os experimentos de controle de força serão realizados em sujeitos jovens e saudáveis e terão como objetivos avaliar os efeitos de alterações do ângulo articular e da aplicação de estímulos eletrotáteis e vibrotáteis na variabilidade da força e no comando neural enviado a um músculo intrínseco da mão. Serão registrados e analisados os sinais de força e eletromiograma de alta densidade, este último possibilitando a análise dos trens de disparos de potenciais de ação de unidades motoras recrutadas durante a realização das tarefas. Para o estudo computacional será utilizado um modelo multiescala e biologicamente plausível do sistema neuromuscular. O uso do modelo será fundamental para prover subsídios teóricos/conceituais acerca dos mecanismos envolvidos nos achados experimentais. Os resultados deste projeto permitirão o avanço no conhecimento sobre o controle neurofisiológico da força muscular, que é de fundamental importância para futuras aplicações clínicas e tecnológicas associadas à reabilitação sensório-motora.

ocultar

Efeitos de pares na universidade: como o desempenho dos colegas pode influenciar os resultados acadêmicos dos estudantes

Coordenador principal: Laeticia Rodrigues de Souza Início: 01/2018 Término: 12/2019 Fonte financiadora: FAPESP
Resumo:

Há uma extensa e crescente literatura sobre os efeitos dos pares. Diversas pesquisas investigam o papel das interações sociais para explicar uma série de comportamentos individuais. As escolas são ambientes importantes para o estudo destes efeitos. Uma parcela considerável da acumulação de capital humano ocorre nas escolas e isso tem consequências sobre a produtividade individual e os salários, por exemplo. Este projeto propõe-se a investigar a existência de efeitos de pares em indicadores acadêmicos (como o rendimento semestral global (RSG), as notas em cursos obrigatórios, os créditos concluídos, as taxas de abandono e de retenção) em um país em desenvolvimento. Nós exploramos as especificidades do processo de admissão de alunos em uma universidade federal brasileira, o que funciona como um experimento natural. Indivíduos que são comparáveis em termos de seu desempenho acadêmico anterior - de acordo com sua pontuação no Vestibular - acabam tendo colegas com melhor ou pior desempenho na faculdade devido à regra de atribuição de alunos para turmas no primeiro ou no segundo semestre. Assim, nossa estratégia de identificação para estimar os efeitos dos pares sobre os resultados acadêmicos elimina a auto-seleção endógena para determinados grupos, o que de outra forma minaria a inferência causal dos efeitos de pares. Este projeto é um passo necessário para que investiguemos o impacto da qualidade dos pares nos salários usando o mesmo experimento natural. Esta agenda futura nos permitirá aprofundar nossa compreensão de como os efeitos de pares também podem ter impactos no longo prazo.

ocultar

Estudo do transporte celular e subcelular de cálcio no miocárdio durante o envelhecimento

Coordenador principal: Rosana A. Bassani Linha de pesquisa: Transporte e regulação de Ca2+ no coração
Início: Término: Fonte financiadora: CNPq
Resumo:

Neste projeto, pretende-se estimar os fluxos de Ca2+ por diferentes vias de transporte e compartimentos (e.g., retículo sarcoplasmático, mitocôndrias, meio extracelular) em miócitos isolados do coração de ratos idosos, bem como investigar a função de mitocôndrias isoladas desses corações sob diversos aspectos. Pretende-se também avaliar quantitativamente (in vivo) o desenvolvimento de fragilidade anatômica e funcional em cada animal ao longo do envelhecimento desde o estágio de adulto jovem. Busca-se aqui, por meio do estudo das modificações fisiológicas durante o envelhecimento de indivíduos saudáveis, identificar alterações cardíacas que os predisponham ao aparecimento de doenças, e possíveis relações com processo de fragilização que ocorre durante o envelhecimento, porém com considerável variabilidade interindividual.

ocultar

Famílias e Políticas Habitacionais: os arranjos familiares e domiciliares no universo da produção habitacional da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (SP)

Coordenador principal: Cimar Aparicio Início: 04/2018 Término: 03/2019 Fonte financiadora: Sem financiamento
Resumo:

O objetivo deste projeto é o estudo das características sociodemográficas das famílias residentes nas unidades habitacionais da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (SP) no Estado de São Paulo no contexto das mudanças nas famílias contemporâneas.

ocultar

Gestión de agua potable, alcantarillado y saneamento frente a las crisis hídricas en México y Brasil

Coordenador principal: Miguel Hernández Início: 10/2017 Término: 09/2019 Fonte financiadora: Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação da Cidade do México
Instituições envolvidas: Centro de Investigações e Estudos Superiores em Antropologia Social – CIESAS – Nepo/Unicamp
Resumo:

La escasez de agua potable, los deficientes mecanismos de alcantarillado y saneamiento tienen fuertes repercusiones en la vida cotidiana de miles de ciudadanos en toda América Latina. La situación se vuelve más compleja para quienes habitan en las periferias de las ciudades, espacios sociales donde la deficiente calidad de los servicios públicos (agua, alcantarillado, saneamiento, energía eléctrica, pavimentación) es la expresión más evidente de la segregación socioterritorial. El objetivo de esta investigación es analizar cómo los ciudadanos que viven en las periferias de São Paulo y la Ciudad de México enfrentan complejos periodos de crisis hídrica. Por otro lado, se busca identificar la relación entre esos periodos de crisis con los modelos de gestión de agua potable, alcantarillado y saneamiento que se han diseñado y ejecutado desde los ámbitos institucionales en México y Brasil. De esa manera se pretende entender la crisis hídrica en una dimensión sociocultural e institucional.

ocultar

Hipotireoidismo e efeitos cardíacos da tireotrofina

Coordenador principal: Oscar Casis Linha de pesquisa: Transporte e regulação de Ca2+ no coração
Início: Término: Fonte financiadora: Universidad de Pais Vasco e MINECO (Espanha)
Instituições envolvidas: Universidad de Pais Vasco,MINECO,UFRJ, Inst. Nacio
Resumo:

O hipotireoidismo é a disfunção endócrina mais comum em todo o mundo. Enquanto as alterações cardiovasculares decorrentes desta doença têm sido atribuídas à deficiência de hormônios tireoideanos, pouco se conhece sobre o impacto sobre o coração do hormônio tireotrófico hipofisário, cujos níveis plasmáticos estão tipicamente elevados no hipotireoidismo primário. Neste projeto, além de desenvolver-se modelos animais de hipotireoidismo com diferentes perfis de hormônio tireotrófico, investiga-se, utilizando uma variedade de preparações cardíacas e ferramentas metodológicas, a possível participação do hormônio tireoestimulante na geração de alterações elétricas que possam facilitar o aparecimento de arritmias cardíacas.

ocultar

Instrumentação e métodos aplicados a avaliação urodinâmica não-invasiva no homem

Coordenador principal: José Wilson Magalhães Bassani Linha de pesquisa: Instrumentação biomédica
Início: Término: Fonte financiadora: CNPq
Resumo:

A incidência de HBP é de cerca de 50% em homens com idade superior aos 60 anos com sintomas tais como dificuldade para urinar, polaquiúria, noctúria, entre outros. O estudo pressão-fluxo, em que se avalia a pressão vesical e o fluxo urinário, é o exame indicado para o diagnóstico de obstrução infravesical porém é invasivo, demorado, de custo elevado e não está livre de riscos (e.g. dor, infecções). Em trabalho anterior desenvolvemos um dispositivo, denominado conector uretral, que possibilita a medição da pressão vesical de modo minimamente invasivo. Neste projeto os objetivos são: a) desenvolver uma nova versão para medição automática do fluxo urinário e da pressão vesical; b) desenvolver modelos matemáticos do trato urinário inferior, como ferramenta de auxílio ao diagnóstico; c) aplicar o dispositivo e instrumentação em testes clínicos para validação.

ocultar

Laboratório Nacional para Estudo do Cálcio Celular - LabNECC

Coordenador principal: José Wilson Magalhães Bassani Início: 08/2013 Término: 12/2018 Fonte financiadora: Ministério da Saúde - Finep
Instituições envolvidas: FCM – Faculdade de Ciências Médicas; IB - Institu
Resumo:

O íon cálcio tem inúmeras funções no organismo. Cálcio é importante na divisão celular, na expressão genética, na respiração celular, nas atividades elétrica e contrátil muscular, etc. Neste projeto o objetivo geral é desenvolvimento de um laboratório integrado para estudo do transporte e regulação do cálcio celular (LabNECC – Laboratório nacional para estudo do cálcio celular) orbitado por outros 5 laboratórios satélites que juntos irão aplicar técnicas desenvolvidas no CEB-UNICAMP, para estudo do transporte e regulação de cálcio em várias condições experimentais. Os objetivos específicos iniciais são: a) integrar equipes com alta capacitação em diferentes temas para estudar aspectos funcionais em diferentes espécies animais (e.g. mamíferos, répteis e invertebrados), modelos de patologias (e.g. distrofia muscular, epilepsia/enxaqueca, hipertensão arterial/hipertrofia cardíaca), e uma abordagem ao coração humano. Todas as equipes irão atuar no estudo do transporte e regulação do cálcio celular; b) desenvolver métodos e técnicas para as diferentes preparações e condições experimentais; c) formar recursos humanos nos diferentes níveis e capacitar os laboratórios que, a partir do conhecimento adquirido, poderão trabalhar em vários aspectos de pesquisa e apoiar o desenvolvimento de novos medicamentos; d) divulgar o conhecimento em veículos científicos nacionais e internacionais.

ocultar

Laboratório Nacional para Gerenciamento de Tecnologia em Saúde (LNGTS): Teste funcional em EASs da Região de Campinas – SP

Coordenador principal: José Wilson Magalhães Bassani Linha de pesquisa: Gestão de tecnologia em saúde
Início: 12/2011 Término: 05/2019 Fonte financiadora: Ministério da Saúde
Resumo:

Com apoio do Ministério da Saúde (MS), já está em funcionamento na UNICAMP um laboratório denominado de Laboratório Nacional para Gerenciamento de Tecnologia em Saúde (LNGTS, Convênio UNICAMP/FINEP nº 01-08-0637-00), com o propósito de abordar as questões envolvidas na gestão da tecnologia médica instalada no Brasil. Para implementar as ações principais do LNGTS foi desenvolvido e vem sendo otimizado um software para a Gestão de Tecnologia em Saúde (GETS – Convênio Ministério da Saúde/FNS/UNICAMP nº 4368/2005 e Convênio UNICAMP/FUNCAMP/FINEP nº 357/2008) que está em operação no Centro de Engenharia Biomédica (CEB) da UNICAMP desde março de 2010. O LNGTS consiste de uma Central de Informações em Tecnologia em Saúde (CITS), instalada na UNICAMP e Núcleos de Engenharia Clínica (NECs) localizados em vários locais do país. Os objetivos do presente projeto são: a) Criar condições para estabelecimento de novos NECs em EASs selecionados; b) Testar a funcionalidade da CITS para gestão da tecnologia instalada nos NECs, na região de Campinas, SP.

ocultar

Livres, libertos e escravos: dinâmica da população e da família no Brasil Meridional (1772-1872)

Coordenador principal: Ana Silvia Volpi Scott Início: 03/2018 Término: 02/2022
Resumo:

Para contribuir na perspectiva da Demografia Histórica, da História Social e da História da Família do Brasil Meridional, darei continuidade ao estudo sobre o caso da freguesia da Madre de Deus de Porto Alegre, que conta agora com o banco de dados dos assentos paroquiais finalizado, entre 1772 e 1872. Este projeto, incorporará novos conjuntos documentais de caráter nominativo, visando analisar a dinâmica populacional e familiar dos segmentos de estatuto jurídico diferenciado: livres, forros e escravos. Com a finalização do levantamento das três séries de assentos paroquiais (batizados, casamentos e óbitos) o banco de dados, que utiliza o software NACAOB, reúne mais de 75.000 registros. Os dados serão explorados a partir de metodologias quantitativas, para dar subsídios ao estudos das variáveis demográficas, bem como serão utilizadas metodologias inspiradas na micro-história e nos seguimentos nominativos, visando a recomposição de trajetórias individuais e familiares, nos distintos grupos populacionais de estatuto jurídico diferenciado: livres, libertos e cativos.

ocultar

Migração e mobilidade espacial nos limites amazônicos: Maranhão e Tocantins

Coordenador principal: Alberto Augusto Eichman Jakob Início: 03/2017 Término: 02/2020
Resumo:

Este projeto tem como objetivo principal o estudo da mobilidade espacial recente da população na Amazônia brasileira, seja ela expressa por meio da migração (principalmente internacional, mas também interna), ou por meio da mobilidade populacional diária, com especial ênfase em Maranhão e Tocantins e sua relação com os vizinhos Piauí, Goiás e Pará.
O estudo desta mobilidade envolverá também conhecer o perfil das pessoas que realizam tais descolamentos, assim como sua condição ou qualidade de vida atual. Tal conhecimento é de muita importância também para o correto planejamento de políticas públicas específicas para este tipo de migrante na região.

ocultar

Mobilidade espacial da população e a consolidação de novas centralidades nas Regiões de Influência das Áreas de Concentração populacional do Brasil

Coordenador principal: Carlos Lobo Início: 03/2018 Término: 02/2019
Resumo:

A migração e a mobilidade pendular têm sido utilizadas como indicadores de interação entre cidades, especialmente do nível de centralidade exercido pelo core metropolitano. Contudo, os fluxos espaciais da população envolvem um amplo leque processos sociais, que permitem, inclusive, a análise da organização e distribuição regional das atividades econômicas. Esse projeto tem como principal objetivo a avaliação da mobilidade espacial da população e a consolidação de novas centralidades econômicas nas Regiões de Influência (RIs) das Áreas de Concentração Populacional (ACPs), como definido pelo IBGE, tendo como base os fluxos migratórios e os movimentos pendulares intermunicipais identificados pelos censos demográficos de 1991, 2000 e 2010.

ocultar

Mobilidade intra-urbana e segregação sócio-espacial nas Metrópoles Paulistas.

Coordenador principal: José Marcos Pinto da Cunha Início: 06/2013 Término: 05/2018 Fonte financiadora: FAPESP
Resumo:

O plano de pesquisa está estruturado a partir de três linhas de atividades: 1) pesquisa: o objetivo principal do projeto de pesquisa é examinar o papel das políticas governamentais na redução da pobreza e da desigualdade no Brasil. Este objetivo desdobra-se em quatro questões empíricas de pesquisa: a) compreender e mensurar a evolução das desigualdades sociais nos campos da: saúde, raça, migração, mercado de trabalho, renda, moradia e desenvolvimento urbano, educação, gênero e comportamento político. "Como o Brasil mudou-nos. Últimos 50 anos" é o título provisório do livro planejado como primeiro produto do Centro, que se baseia na análise comparada dos dados dos censos produzidos entre de 1960 e 2010; b) examinar o efeito independente das políticas públicas nas condições sociais e na redução das desigualdades. Três áreas receberão atenção especial nessa investigação, devido a sua importância na análise de políticas públicas comparadas: educação, saúde e mercado de trabalho; c) investigar o papel das instituições políticas decisórias no campo das políticas redistributivas, particularmente, em como as instituições afetam o comportamento eleitoral e o processo legislativo. Nesse caso, as políticas públicas (redistributivas) serão tomadas como variável dependente, resultante do processo político; d) mapear formas alternativas de governança das áreas urbanas e suas conexões com o Estado, para compreender melhor "quem governa o quê?". Este componente do projeto objetiva analisar padrões de governança que escapam do controle do Estado e de suas instituições. 2) educação e difusão do conhecimento: os principais objetivos dessa área são: a) aumentar a informação da população acerca das politicas públicas; b) "alfabetizar" jornalistas e decisores políticos sobre o estado da arte das pesquisas em políticas públicas; c) disseminar conhecimento e resultados de pesquisas produzidas no Centro para professores e estudantes do ensino-médio; d) tornar o Centro interlocutor constante e indispensável no debate público, dando mais visibilidade à pesquisa e aos pesquisadores. 3) transferência de tecnologia: os principais objetivos dessa área são: a) prover assessoria técnica e expertise a agências e órgãos governamentais; b) consolidar e aperfeiçoar os recursos de geoprocessamento do Centro; c) atualizar o curso de Terra View Política Social; d) criar um curso a distância de Terra View Politica Social; e) criar um curso de análise de dados como R

ocultar

Modelagem matemática multi-escala do sistema neuromuscular para o estudo da influência da esclerose lateral amiotrófica no controle da força muscular

Coordenador principal: Leonardo Abdala Elias Linha de pesquisa: Neuroengenharia
Início: 06/2017 Término: 05/2020 Fonte financiadora: CNPq e FAEPEX
Instituições envolvidas: USP, UFABC, Università degli Studi di Brescia (Ita
Resumo:

A modelagem matemática e a simulação computacional têm sido utilizadas para estudar o funcionamento do sistema neuromuscular humano, possibilitando um maior entendimento dos mecanismos neurofisiológicos e biomecânicos responsáveis pelo controle do movimento. A vantagem desta abordagem é que, por meio de modelos matemáticos multi-escala, pode-se estudar como mecanismos que operam em um nível celular e/ou molecular podem influenciar os comportamentos motores observados em escalas macroscópicas, como por exemplo, a geração da força muscular e do eletromiograma. Poucos estudos têm utilizado esta abordagem (baseada em neurociência computacional) para investigar como o funcionamento do sistema neuromuscular é alterado quando este está sujeito a patologias neurodegenerativas. Especificamente, no caso da esclerose lateral amiotrófica (ELA) existem modelos matemáticos que representam as características dinâmicas de neurônios motores individuais obtidos de modelos animais da ELA. No entanto, não é de nosso conhecimento um modelo que seja capaz de investigar como as características de neurônios motores individuais, com dinâmicas tipicamente encontradas em modelos animais da ELA, influenciam o controle da força de um dado músculo ou grupo muscular. Neste sentido, este projeto tem por objetivo desenvolver um modelo matemático multi-escala e biologicamente plausível do sistema neuromuscular que permita avaliar como alterações neuromotoras típicas da ELA irão influenciar a geração da força e do eletromiograma. Com isso pretende-se entender de um ponto de vista teórico/conceitual quais mecanismos desta patologia neurodegenerativa têm maior influência no controle de tarefas motoras desempenhadas por pacientes acometidos por ELA. O modelo será desenvolvido em plataformas de software livre e ficará disponível gratuitamente na Internet para que outros grupos possam simulá-lo e aperfeiçoá-lo, tornando-se assim a primeira plataforma de simulação do sistema neuromuscular para estudo da influência de uma patologia neurodegenerativa no controle motor humano.

ocultar

Modelo matemático de potencial de ação ventricular integrado a um modelo de dinâmica de Ca2+ mitocondrial

Coordenador principal: Dra. Natália Ferreira Oshiyama Linha de pesquisa: Eletrofisiologia de células cardíacas
Início: Término: Instituições envolvidas: Centro de Engenharia Biomédica e Faculdade de Enge
Resumo:

Modelos matemáticos de potencial de ação (PA) têm sido comumente utilizados para compreender a eletrofisiologia de miócitos cardíacos e prever como alterações (e.g. na cinética de abertura e fechamento de canais iônicos) podem modificar a atividade elétrica do coração. Se integrados a modelos que descrevem a dinâmica de Ca2+, esses modelos permitem a descrição do fenômeno de acoplamento excitação-contração, uma vez que o Ca2+ é o elemento responsável pelo acoplamento entre a atividade elétrica (excitação) e mecânica (contração) das células. Miócitos cardíacos de mamíferos imaturos diferem funcionalmente de células adultas, tanto no aspecto eletrofisiológico, quanto na dinâmica de Ca2+. Apesar da ampla utilização de cardiomiócitos de ratos neonatos, há poucos modelos descrevendo a função destas células, além de geralmente não ser levada em consideração a participação da mitocôndria na geração do transiente de Ca2+ intracelular. Sabe-se que o transiente de Ca2+ intracelular leva ao aumento da concentração de Ca2+ na mitocôndria e ao consequente aumento da atividade do ciclo de Krebs, o que regula o metabolismo energético em cardiomiócitos. Neste trabalho, será desenvolvido um modelo matemático completo de PA e transporte de Ca2+ no ventrículo de rato neonato, integrado à formulação da concentração de Ca2+ na mitocôndria, a partir de modelos já existentes e de dados obtidos em nosso laboratório e na literatura. Além disso, serão realizados experimentos para medir a corrente do trocador Na+/Ca2+ em células recém-isoladas de ventrículo de ratos neonatos, dado ainda controverso na literatura, e as componentes rápida, lenta e ultra-rápida da corrente retificadora tardia de K+, o que permitirá uma análise mais aprofundada da fase de repolarização da membrana e da restituição da duração do PA.

ocultar

Mudança climática e hidropolítica na Macrometrópole Paulista: uma análise das dimensões político-institucionais e espaço-temporais da "crise hídrica" (2014-2015) a partir do Sistema Cantareira

Coordenador principal: Marcelo Coutinho Vargas Início: 07/2018 Término: 02/2019 Fonte financiadora: Sem financimaneto
Resumo:

O objetivo deste projeto é refletir sobre os desafios teóricos e político-institucionais de uma agenda territorial macrorregional para a governança da água nas bacias hidrográficas mais densamente urbanizadas, em tempos de crise e incertezas relacionadas à mudança climática

ocultar

Observatório das Migrações em São Paulo Migrações Internas e Internacionais Contemporâneas em São Paulo)

Coordenador principal: Rosana Baeninger Início: 10/2014 Término: 09/2018 Fonte financiadora: FAPESP
Resumo:

Trata-se de projeto temático (FAPESP/CNPq). a problemática do Observatório das Migrações em São Paulo emerge a partir da necessidade de aprofundar o conhecimento teórico, metodológico e empírico acerca das configurações e das especificidades que os processos migratórios internos e internacionais assumem em diferentes espaços do território paulista na era da mobilidade . O objetivo principal deste projeto é conhecer e analisar as transformações nos processos migratórios nacionais e nas migrações internacionais para, de e no Estado de São Paulo a partir das diversificadas modalidades migratórias. Nesse sentido, focalizar o contexto estadual das migrações internas e internacionais envolve fortemente as regiões do interior do Estado de São Paulo e as metrópoles, para a compreensão da reprodução social de dinâmicas socioespaciais, econômicas, urbanas, demográficas e de distintos contingentes migratórios presentes. Em uma perspectiva interinstitucional e interdisciplinar, incorporará pesquisadores de diversas formações acadêmicas que dialogam com o fenômeno migratório. Do ponto de vista das competências institucionais-acadêmicas, aglutina pesquisadores paulistas de distintas instituições de ensino superior e pesquisa do Estado de São Paulo (UNICAMP- NEPO/CEPAGRI/IFCH/FCA), UFABC, Fundação Carlos Chagas, Museu do Café e Museu da Imigração). Busca apreender e analisar as modalidades migratórias advindas das novas lógicas da migração e suas configurações no tecido social paulista.

ocultar

Políticas públicas em saúde - um olhar discursivo

Coordenador principal: Claudia Regina Castellanos Pfeiffer Início: 01/2015 Término:
Resumo:

Pesquisa inserida no Grupo Interdisciplinar de Pesquisas em Políticas de Saúde – GIPS (Diretório do CNPq) que tem como meta compreender diferentes processos de significação inscritos em documentos e legislações relativos aos Ministérios da Saúde e do Trabalho que tratem da saúde pública em geral ou da saúde do trabalhador em particular. Trabalha-se sob a filiação teórica pecheutiana da análise de discurso, com um arquivo heterogêneo e com diferentes objetos, dentre eles: a saúde do trabalhador, a política de assistência farmacêutica e a política de avaliação da saúde pública. Busca-se, numa concepção materialista de linguagem, que alia sujeito, língua e ideologia, as relações estabelecidas entre os documentos governamentais e documentos provenientes de instituições como Banco Mundial, Fundo Monetário Internacional, Organização das Nações Unidas, Organização do Tratado do Atlântico Norte e Organização Mundial da Saúde, uma vez que, do ponto de vista teórico em que trabalhamos, estes organismos internacionais fazem parte das condições de produção da formulação das políticas públicas brasileiras. Busca-se ainda compreender os processos de significação inscritos na enunciação do Estado referida à saúde do trabalhador, à assistência farmacêutica e à avaliação da saúde pública.

ocultar

Portal de Blogs Científicos da Unicamp

Coordenador principal: Vera Regina Toledo Camargo Linha de pesquisa: Cultura Científica
Início: Término: Instituições envolvidas: Laboratório de Estudos Avançados em Jornalismo (La
Resumo:

Portal de Blogs de Ciência da Unicamp Projeto de pesquisa iniciado em novembro de 2015, coloca pesquisadores, docentes e alunos da Universidade para falarem diretamente com o público a respeito de seus trabalhos com uma linguagem adequada, tornando os temas científicos acessíveis ao entendimento. A proposta é comunicar ciência estabelecendo relações com o cotidiano e a vida das pessoas possibilitando o entendimento sobre as informações, contextualizando tais conteúdos como: conceitos específicos de área, processos filosóficos, sociais, históricos, construções metodológicas; sempre desafiando o leitor, dialogando e interagindo, enfim contando uma história. O projeto tem por objetivo a criação de uma plataforma ou ferramenta que possibilita agregar blogs diversos de autoria de pesquisadores e docentes da Unicamp. O Portal de Blogs oferece conteúdos nas mais diversas áreas e o nosso propósito foi desafiar tanto o leitor a encontrar suas respostas, descobrindo o mundo científico, quanto o cientista a descobrir a linguagem que facilitaria a compreensão de suas pesquisas. Com cinco edições do curso sobre o Blog, 180 cientistas da Unicamp atenderam o chamado e produziram materiais de divulgação. Conseguimos atingir o número de 35 blogs ativos hospedados no Portal de Blogs Científicos da Unicamp. Produzindo conteúdo diversificado, atingimos 63 mil visualizações (5 mil em média por mês). Somos o primeiro portal, vinculado à uma instituição de ensino e pesquisa, no Brasil e na América Latina, hospedando blogs de ciência.

ocultar

Práticas em prevenção e contracepção de mulheres no município de São Paulo: elaboração de plano de ação a partir da integração de dados de estudos de base populacional e de serviços de saúde

Coordenador principal: Regina Maria Barbosa Início: 06/2018 Término: 11/2018 Fonte financiadora: OPAS
Instituições envolvidas: SMS São Paulo, Instituto de Saúde
Resumo:

O estudo propõe investigar diferenciais sociodemográficos e regionais no acesso a métodos e serviços de prevenção de DST/Aids e de planejamento familiar, a partir de dados secundários coletados por três inquéritos já realizados e, a partir dos resultados, elaborar uma proposta de ação integrada em Saúde Sexual e Reprodutiva para os serviços, considerando os diferentes modelos de atenção: serviços especializados e de atenção básica na perspectiva da Estratégia Saúde da Família.

ocultar

Previsão Imediata de Tempestades Intensas e Entendimento dos Processos Físicos no Interior das Nuvens O SOS- CHUVA (Sistema de Observação e Previsão de Tempo Severo)

Coordenador principal: Roberto Luiz do Carmo Início: 01/2015 Término: 12/2019 Fonte financiadora: FAPESP
Resumo:

O projeto utiliza um radar de dupla polarização para desenvolver pesquisa em previsão imediata de tempestades com base no conhecimento adquirido sobre as propriedades físicas das nuvens no projeto temático CHUVA. A base desta pesquisa é o radar de dupla polarização operando em Campinas, por 24 meses (duas estações chuvosas) para capturar eventos intensos de precipitação que forneçam as bases para o estudo dos processos físicos no interior das nuvens visando aprimorar a previsibilidade em curto prazo, a detecção de severidade e a estimativa de precipitação com radar e satélite em alta resolução temporal e espacial. De forma inédita esse projeto irá instalar detectores de granizo para criar uma base de dados que forneça informações não somente sobre a ocorrência de granizo, mas também do seu tamanho. Além das diversas componentes de estudo, sejam elas ligadas a eletrificação, propagação, crescimento do volume de alguns hidrometeoros, como as taxas de crescimento do topo e dos processos microfísicos, este estudo visa desenvolver o SIGMA-SOS. O SIGMA SOS é um sistema de informações geográficas que integra os dados medidos bem como as previsões em curto prazo e os avisos meteorológicos. O Brasil comprou e está ainda ampliando a rede de radares de dupla polarização para monitorar eventos extremos de tempo. Contudo, o conhecimento sobre esse sistema é ainda incipiente e este projeto irá realizar pesquisa empregando esse tipo de instrumento, formar alunos nessa área e desenvolver ferramentas inéditas para uso deste instrumento.
A atuação da equipe sediada no Núcleo de Estudos da População (Nepo/Unicamp) ocorre em duas frentes. Por um lado, na divulgação científica do projeto, através de uma bolsa do Programa José Reis de Incentivo ao Jornalismo Científico (Mídia Ciência), concedida pela FAPESP. Por outro lado no trabalho de sobre posição das informações demográficas com as informações sobre eventos extremos de pluviosidade capturadas pelo radar instalado em Campinas.

ocultar

Quantificação dos fluxos de cálcio em miócitos atriais humanos isolados: transportadores rápidos e lentos.

Coordenador principal: José Wilson Magalhães Bassani Linha de pesquisa: Transporte e regulação de cálcio no coração
Início: Término: Fonte financiadora: CNPq
Instituições envolvidas: FCM, CNPEM-LNBio
Resumo:

O fluxo de sangue bombeado pelo coração depende da força desenvolvida pelo miocárdio, a qual é fortemente determinada pela amplitude da variação da concentração citosólica de Ca2+ (transiente de Ca2+), que, a cada ciclo de atividade, causa ativação dos miofilamentos. Contribuem para o transiente de Ca2+ tanto o influxo do íon através da membrana plasmática, quanto a liberação do estoque de Ca2+ armazenado no retículo sarcoplasmático (RS). Durante atividade cíclica estável, há equivalência entre influxo sistólico e efluxo diastólico, assim como entre a quantidade do íon que é liberada pelo RS na sístole e aquela recaptada para este compartimento durante a diástole. Assim, é possível inferir-se sobre os fluxos sistólicos a partir da estimativa dos fluxos diastólicos de Ca2+ carreados pelos transportadores rápidos (ATPase de Ca2+ do RS, SERCA, e trocador Na+/Ca2+, NCX), que são responsáveis por, pelo menos, 95% do fluxo total de Ca2+, e lentos (ATPase de Ca2+ do sarcolema, PMCA, e uniporter mitocondrial de Ca2+, MCU). A contribuição relativa de cada sistema de transporte de Ca2+ varia com a espécie animal. Os objetivos deste projeto são: a) estimar a participação relativa dos transportadores de cálcio em miócitos de coração humano; b) estimar a liberação fracional (fração liberada do íon liberada do RS a cada contração) de cálcio no coração humano.

ocultar

Sangue, hormônios e técnicas do corpo

Coordenador principal: Daniela Tonelli Manica Linha de pesquisa: Antropologia da Ciência e da Tecnologia; Gênero, Corpo e Tecnociência
Início: 01/2015 Término: Fonte financiadora: Unicamp, UFRJ, CNPq
Instituições envolvidas: Unicamp, UFRJ, CNPq
Resumo:

Essa pesquisa tem como objetivo pensar diferentes agenciamentos de fluidos e substâncias corporais, como os hormônios sexuais e o sangue menstrual. Seu universo empírico engloba pesquisas socioantropológicas sobre: hormônios sintéticos e suas tecnologias, inclusive contraceptivas; técnicas corporais que envolvem o corpo e fluidos corporais (com enfoque privilegiado sobre seus aspectos reprodutivos, como parto/placenta, amamentação/leite, sêmen, embriões, mas sobretudo o sangue menstrual), a utilização de fluidos e substâncias corporais em pesquisas científicas, manifestações artísticas e práticas religiosas. O enfoque mais atual da pesquisa (2018) envolve o uso de sangue menstrual em pesquisas científicas para o desenvolvimento de células-tronco (estromais mesenquimais), terapia celular e medicina regenerativa.

ocultar

Segregação Racial em Metrópoles Brasileiras

Coordenador principal: Danilo Sales do Nascimento França Início: 04/2018 Término: 03/2020 Fonte financiadora: FAPESP
Resumo:

Desenvolvimento de estudos sobre desigualdades raciais e segregação residencial por raça nas regiões metropolitanas de Fortaleza, Salvador, Campinas e Curitiba, visando compará-los com análises já realizadas na Região Metropolitana de São Paulo.

ocultar

Sobre esquecidos, invisíveis e temidos: O que sabemos sobre a população carcerária no Brasil?

Coordenador principal: Joice Melo Vieira Início: 06/2017 Término: 05/2020
Resumo:

O objetivo central deste projeto é mapear as fontes de dados disponíveis sobre a população carcerária no Brasil, avaliar a qualidade destas informações e a partir delas sistematizar o que sabemos sobre o crescimento e o perfil desta população, bem como sobre sua trajetória. Atenção especial será dada ao censo demográfico de 2010, que pela primeira vez possibilitou a desagregação do contingente de pessoas vivendo em instituições penais. Uma segunda fonte de dados considerada neste estudo é o levantamento sobre população carcerária, realizado pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) em 2013, que capta informação sobre a trajetória familiar, laboral e educacional de detentos de ambos os sexos. Adicionalmente, sistemas de informação do Ministério da Justiça e do Ministério da Previdência Social também serão consultados, embora tenham a limitação de se tratarem de informação divulgada apenas na forma de dados agregados. Identificamos nestas fontes de dados a possiblidade de abordar quatro aspectos fundamentais do debate sobre o sistema penitenciário nos quais a demografia pode oferecer sua contribuição: 1) Explorar diferenciais nas taxas de encarceramento entre os estados e mensurar o quanto estes diferenciais podem ser atribuídos ao efeito da composição etária, considerando que a transição demográfica tem transformado profundamente a estrutura etária brasileira, mas ocorre em tempos e intensidades diversas ao logo do território nacional. Tal como ocorre com as taxas de homicídio, o encarceramento também é mais acentuado entre os mais jovens. Áreas com proporção maior de jovens podem ter taxas de encarceramento mais altas na ausência de influência de outros fatores. Tal objetivo poderia ser cumprido aplicando-se técnicas de padronização e de decomposição da diferença entre duas taxas. 2) Investigar os diferenciais nas taxas de encarceramento entre brancos e negros e quais fatores poderiam estar a eles associados. A padronização e a decomposição da diferença entre as taxas de encarceramento de brancos e negros também poderiam ser realizadas como estratégia de investigação destes diferenciais. 3) Explorar a trajetória educacional, laboral e familiar dos detentos e se existe relação entre especificidades destas trajetórias e o tipo de crime que cometeram. Embora este objetivo possa parecer excessivamente ambicioso, o levantamento realizado pelo PNUD permite este tipo de abordagem. Esta base de dados foi bem pouco utilizada até o momento. Seu uso foi em grande parte restrito a análises descritivas e relatórios. Entretanto, como veremos a seguir, ela tem potencial para responder ao objetivo aqui delineado. 4) Avaliar o acesso e a evolução dos gastos previdenciários destinados aos dependentes dos detentos via auxílio reclusão em comparação com outros gastos previdenciários.

ocultar

SOS chuva - temático Fapesp

Coordenador principal: Daniel A. Vila; Luiz F. Sapucci; Rachel I. Albrecht; Thiago S. Biscaro; Roberto do Carmo; Luiz Teixeira Início: 01/2015 Término: Fonte financiadora: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo-FAPESP
Instituições envolvidas: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Pau
Resumo:

: Este projeto visa aproveitar a oportunidade de extensão do “leasing” do radar de dupla polarização para desenvolver pesquisa em previsão imediata de tempestades com base no conhecimento adquirido sobre as propriedades físicas das nuvens no projeto temático CHUVA. A base desta pesquisa é o radar de dupla polarização operando em São José dos Campos, por 12 meses para capturar eventos intensos de precipitação que forneçam as bases para o estudo dos processos físicos no interior das nuvens visando aprimorar a previsibilidade em curto prazo e a detecção de severidade. De forma inédita esse projeto irá instalar detectores de granizo para criar uma base de dados que forneça informações não somente sobre a ocorrência de granizo, mas também do seu tamanho. Além das diversas componentes de estudo, sejam elas ligadas a eletrificação, propagação, crescimento do volume de alguns hidrometeoros, como as taxas de crescimento do topo e dos processos microfísicos, este estudo visa desenvolver o SIGMA-SOS. O SIGMA SOS é um sistema de informações geográficas que integra os dados medidos bem como as previsões em curto prazo e os avisos meteorológicos. O Brasil comprou e está ainda ampliando a rede de radares de dupla polarização para monitorar eventos extremos de tempo. Contudo, o conhecimento sobre esse sistema é ainda incipiente e este projeto irá realizar pesquisa empregando esse tipo de instrumento, formar alunos nessa área e desenvolver ferramentas inéditas para uso deste instrumento. OBS: Parte deste projeto implica no trabalho de pesquisa na área da linguagem, sobretudo no que se refere à divulgação científica e os diferentes sentidos sobre percepção de eventos e riscos. Essa parte está sendo feito a partir da análise de discurso e está sob minha coordenação.

ocultar

Uso de software de apoio a diagnóstico de obstrução uretral baseado em lógica paraconsistente anotada

Coordenador principal: Dra. Natália Ferreira Oshiyama Linha de pesquisa: Sistemas de apoio à tomada de decisão
Início: Término: Instituições envolvidas: Centro de Engenharia Biomédica, Faculdade de Engen
Resumo:

Estudos urodinâmicos de pressão e fluxo são geralmente realizados para diagnosticar obstrução infravesical em homens, e os dados urodinâmicos são comumente analisados pelo nomograma de Abrams-Griffiths para propósito de diagnóstico. O nomograma define três zonas de diagnóstico: obstruído, dúvida e normal. Pacientes que apresentam dados na região de dúvida necessitam que o médico analise outras informações e exames para que um diagnóstico final seja dado. Neste trabalho, será testada uma ferramenta de suporte ao diagnóstico de obstrução infravesical baseada em lógica paraconsistente anotada, que permite o estudo de sistemas que contêm indeterminações e/ou inconsistências, que é o caso de dados clínicos que se encontram na região de dúvida do nomograma. O objetivo do trabalho será avaliar se o programa desenvolvido em ExcelTM é robusto para classificação de dados de avaliação urodinâmica medidos por diferentes equipes, em diferentes condições. Caso o teste seja positivo, o programa poderá se tornar uma ferramenta importante de apoio ao diagnóstico de obstrução uretral, já que pode indicar ao médico a necessidade de análise mais aprofundada nos casos em que os estados lógicos dos diagnósticos apresentam algum tipo de inconsistência.

ocultar

Viabilidade e Aceitabilidade do Autoteste do HIV em Espaços Comunitários na cidade de São Paulo- Projeto FAST

Coordenador principal: Regina Maria Barbosa Início: 07/2018 Término: 06/2019 Fonte financiadora: NIH/UCSD
Instituições envolvidas: UCSD, UFGRs, ABIA, NEPO/UNICAMP
Resumo:

A transmissão heterossexual do HIV é responsável, no Brasil, por 97% das novas infecções nas mulheres. E apesar da redução significativa da transmissão materno-infantil do HIV com a testagem no pré-natal, o acesso ao teste é ainda um obstáculo fundamental para a prevenção e o cuidado do HIV. Apenas 13% dos brasileiros relatam ser testados para o HIV nos últimos 12 meses e apenas 33% já foram testados para o HIV na vida. A recente aprovação do uso de kits de autoteste de HIV no Brasil oferece uma oportunidade para desenvolver uma estratégia voltada para jovens heterossexuais e comunidades urbanas de forma a ampliar o acesso. Face a este contexto, o presente estudo tem por objetivo avaliar a viabilidade e aceitação do autoteste de HIV entre mulheres jovens (18-24 anos) que vivem em comunidades com alta prevalência de HIV nas cidades de Porto Alegre e São Paulo. Será realizada uma pesquisa de tipo formativa, com metodologia qualitativa de investigação. Para a coleta de dados serão utilizadas diferentes técnicas: 1) observação etnográfica para mapear áreas de interação social - em termos de lazer (baile funk / raves, bares, clubes, futebol e grupos de jovens), trabalho e atividades da vida diária (mercados, escolas, salões de beleza) onde ocorrem riscos sexuais; 2) entrevistas informais com indivíduos da comunidade; 3) entrevistas semiestruturadas com informantes-chave; e 4) grupos focais com profissionais da saúde e representantes de organizações comunitárias.

ocultar