Projetos
89 Projetos de Pesquisa (Em andamento) Fonte: Avaliação Institucional 2009-2013
"QUANTO SEXO É O SUFICIENTE?": COPRODUÇÃO DE CONHECIMENTO, DISCURSOS MÉDICO-CIENTÍFICOS E CONTROVÉRSIAS ACERCA DO IMPULSO SEXUAL EXCESSIVO

Coordenador Principal: Marko Synésio Alves Monteiro

Início: 03/2018

Término: 02/2021


Resumo:

As indagações acerca da patologização/despatologização de sexualidades ditas desviantes informam as preocupações deste projeto, que toma como objeto empírico as controvérsias envolvidas na produção de conhecimento científico no Brasil acerca do diagnóstico do Impulso Sexual Excessivo. Nesse sentido, insere-se nos Estudos sobre Gênero e Sexualidade, na interface com a Antropologia da Ciência. Tem por objetivo geral analisar a emergência da categoria Impulso Sexual Excessivo e sua relação com os campos da biomedicina, da ciência e da sociedade. Focaliza a trajetória, as controvérsias e disputas de sentidos em relação à categoria no campo médico-científico nacional, inclusive a partir dos debates em âmbito internacional acerca da inclusão/exclusão do Hypersexual Disorder nos manuais diagnósticos como o DSM e o CID. Pretende-se analisar também a maneira pela qual convenções acerca de gênero e de sexualidade emergem dos discursos biomédicos e jurídicos sobre o tema, bem como as controvérsias em torno do Impulso Sexual Excessivo envolvendo o HIV/AIDS, práticas homossexuais e bissexuais e as noções de risco e vulnerabilidade. A metodologia proposta lança mão de técnicas qualitativas, integrando: 1) o mapeamento das redes e dos atores envolvidos nas controvérsias; 2) a realização de etnografia em espaços de produção e divulgação do conhecimento científico sobre o tema; 3) a análise documental da produção científica e jurídica, nacional e internacional acerca do diagnóstico; 4) observação online; 5) a realização de entrevistas em profundidade. (AU)

Ocultar
A INSTITUCIONALIZAÇÃO DA LÍNGUA PORTUGUESA COMO LÍNGUA ESCOLAR NO BRASIL

Coordenador Principal: Claudia Regina Castellanos Pfeiffer

Início: 01/2014


Resumo:

Pesquisa inserida no programa História das Ideias Linguísticas (Diretório do CNPq) coordenado no âmbito do IEL/UNICAMP que busca compreender parte do processo de institucionalização da língua portuguesa como língua nacional e oficial do Brasil no que se refere à sua configuração como língua a ser ensinada na escola. Esta pesquisa trabalha com um arquivo heterogêneo, sob a filiação teórica pecheutiana da análise de discurso, dentro da área da História das Ideias Linguísticas. Procura-se, a partir das diferentes práticas de gramatização da língua portuguesa no Brasil, compreender seus modos de significação enquanto língua escolarizada, olhando para a relação entre a Sociedade, o Estado e o Conhecimento

Ocultar
A POLÍTICA NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO REGIONAL – DIAGNÓSTICO DA SITUAÇÃO RECENTE

Coordenador Principal: Roberto Luiz do Carmo

Início: 08/2016

Término: 07/2018


Resumo:

O objetivo geral dessa proposta é contribuir para a realização de um diagnóstico abrangente do desenvolvimento regional brasileiro no período recente (2000-2015), através da identificação e da caracterização dos seus vetores e das suas dinâmicas, considerando que esses processos podem ser apreendidos através das dinâmicas demográficas. Para tanto serão analisados principalmente os processos migratórios e a mobilidade espacial da população, além dos outros componentes da dinâmica demográfica que interferem na redistribuição espacial da população.
A abordagem será realizada principalmente a partir de dois recortes territoriais principais: as micro-regiões que são objeto da Política Nacional de Desenvolvimento Regional; a rede de cidades médias.

Ocultar
AN INTEGRATED APPROACH TO EXPLORE A NOVEL PARADIGM FOR BIOFUEL PRODUCTION FROM LIGNOCELLULOSIC FEEDSTOCKS

Coordenador Principal: Telma Teixeira Franco

Início: 11/2016

Término: 10/2021


Resumo:

Neste projeto de pesquisa as leveduras serão modificadas para adquirir capacidade de converter diretamente açúcares oligoméricos em bioprodutos. Uma outra classe de organismos, Geobacillus extensivamente estudada pelo grupo da Universidade de Bath, possui habilidade de transportar e utilizar estes açúcares oligoméricos. Assim, neste projeto de pesquisa iremos utilizar uma cepa de Geobacillus para comparar o desempenho com as leveduras recombinantes, otimizadas para a mesma função. Três matérias-primas (MP) lignocelulósicas diferentes, todas com potencial para serem usadas na obtenção de biocombustíveis e de produtos químicos: sustentáveis serão estudadas: a palha de cana (geralmente deixada no campo após a colheita), o Miscanthus - cultivado no Reino Unido para co-incineração e geração de energia e os resíduos de florestas de eucaliptos, muito abundantes no Brasil. O uso das 3 MP lignocelulósicas representa uma nova e original oportunidade para se avaliar os mesmos. Parte da equipe dos dois países deverá trabalhar no desenvolvimento de métodos para converter as matérias primas em oligossacarídeos para utilização pelas novas cepas desenhadas de leveduras. Pré-tratamento menos drásticos, seletivos e específicos bem como o uso de enzimas escolhidas para a geração dos oligossacarídeos serão desenvolvidos no grupo de trabalho 1. Outro grupo de trabalho irá se concentrar na produção das enzimas necessárias para a geração dos oligossacarídeos derivados das MPs. Um terceiro grupo irá projetar as cepas de leveduras para utilizarem os oligossacarídeos derivado da lignocelulose. Visando aumentar ainda mais a eficiência energética das MPs nas novas usinas de conversão de lignocelulose, pretende se obter ainda novos produtos químicos e biogás a partir dos efluentes, de vinhaça e da hemicelulose hidrolisados. Assim, será desenvolvido a integração da digestão anaeróbica (AD) para o processo integrado de Biorrefinaria de LC. AD e fermentação com culturas mistas podem melhorar a relação energética do bioprocesso com a produção de biogás e fertilizantes como produtos secundários. Além disso, serão necessários estudos de sustentabilidade e analises técnico econômicas para garantir que os resultados deste trabalho alcancem relevante impacto para os setores industriais aonde as MP se originam. Assim, o quarto grupo de trabalho, especializado nestes dois amplos temas de pesquisa e em LCA deverá garantir a escolha das matérias-primas, as quantidades a serem coletadas, a localização das coletas bem como as rotas industriais de obtenção dos produtos. Otimização das rotas de obtenção propostas pelo projeto deverá refletir positivamente no projeto bem como identificar os pontos para serem alterados/modificados. (AU)

Ocultar
ANÁLISES GENÉTICAS E GENÔMICAS NO GÊNERO HEVEA VISANDO CONTRIBUIR PARA O MELHORAMENTO GENÉTICO DE HEVEA BRASILIENSIS

Coordenador Principal: Anete Pereira de Souza

Início: 7/2017

Término: 2/2020


Resumo:

A seringueira, planta que possui grande importância econômica por ser a maior fonte de borracha natural. A borracha serve como matéria-prima para grande quantidade de produtos, incluindo cerca de 50.000 produtos, incluindo 400 produtos médico-hospitalares. Possuindo características que dificilmente são conseguidas por polímeros artificiais, muitos produtos necessitam de borracha natural em sua composição, como, pneumáticos de alta resistência e materiais médicos, como luvas de procedimentos. A existência da doença do mal das folhas, causada pelo fungo Microcyclos ulei limita a produção de borracha. O controle desta doença pode ser realizado através de plantios em área de escape (sem problemas com doenças foliares), no qual a seleção de clones resistentes ao frio e altamente produtivos se torna necessária ou a seleção de clones resistentes à doença para plantação em regiões afetadas. O emprego de técnicas de biologia molecular pode resultar em uma diminuição do longo ciclo de melhoramento da espécie, que pode chegar até 30 anos. Neste contexto, surgem os marcadores moleculares SNPs (Single Nucleotide Polymorphism), que podem auxiliar programas de melhoramento genético de seringueira. O emprego de uma técnica, conhecida como genotipagem-por-sequenciamento (GBS), permite a descoberta de marcadores SNPs em grande quantidade e, através destes dados, é possível obter mapas genéticos de grande resolução. Os mapas genéticos ou de ligação podem auxiliar na descoberta de regiões cromossômicas que controlam caracteres com padrão contínuo de variação fenotípica, conhecidas como QTLs (Quantitative Trait Loci). Além disso, por apresentarem resistência natural ao M. ulei, duas espécies aliadas do gênero Hevea, H. benthamiana e H. pauciflora, apresentam grande importância no melhoramento genético de seringueira. Devido à falta de informações genético-genômicas sobre tais espécies, o estudo de seus transcriptomas mostra-se de vital importância para conhecimento do potencial para emprego delas no melhoramento visando a obtenção de resistência ao fungo Microcyclus ulei. O presente projeto visa, de duas formas distintas, auxiliar no desenvolvimento da heveicultura, contribuindo com conhecimentos genéticos e genômicos para o aumento da resolução do mapa de ligação para uma população característica de áreas de escape, apresentando um dos genitores altamente produtivo e outro resistente ao frio e a injúrias, e também, por meio da análise evolutiva dos transcriptomas de espécies resistentes ao fungo causador da doença do Mal-das-Folhas, podendo auxiliar no desenvolvimento da cultura em regiões em que a doença ocorra. (AU)

Ocultar
ANGOSTURA: MEMÓRIAS, ESQUECIMENTOS, PRESENÇAS, VIDA

Coordenador Principal: Renato Ferracini

Início: 11/2018

Término: 10/2020


Resumo:

A pesquisa é uma iniciativa integrada que, por meio da metodologia cartográfica e da tensão gerada entre a filosofia da diferença e a arte presencial visa a problematização, conceituação e produção sistematizada de um conjunto de práticas cujo foco é a construção de efeitos de presença. Para tanto o projeto divide-se em duas etapas complementares. 1) Uma pesquisa prático-artística que tem como objetivo a ampliação e redimensionamento tanto do conceito como dos procedimentos práticos da Mímesis Corpórea e do chamamos de Treinamento do Ator a partir de um acompanhamento do processo criativo chamado, inicialmente, de "Projeto Angostura" com a participação de 4 atores-pesquisadores do LUME,2)Uma pesquisa prático-teórica envolvendo pesquisadores de mestrado e doutorado cujo tema básico a ser investigado será o da "Construção de Efeitos de Presença" a partir de pontos de vista variados. (AU)

Ocultar
ARRANJOS URBANOS-RURAIS REGIONAIS: A POPULAÇÃO RURAL NO BRASIL NO SÉCULO XXI

Coordenador Principal: Natália Belmonte Demétrio

Início: 08/2017

Término: 07/2018


Resumo:

O foco da pesquisa é o estudo das populações rurais nas diferentes regionais do Brasil, a dinâmica migratória e o emprego, a partir da construção de arranjos urbanos-rurais regionais: espacialidades articuladas ao processo de globalização do rural e as commodities.

Ocultar
CARACTERIZAÇÃO MOLECULAR DOS GENES QUIMIOSSENSORIAIS E TRANSCRIPTOMA DA ANTENA DA MOSCA DA BICHEIRA, COCHLIOMYIA HOMINIVORAX (DIPTERA: CALLIPHORIDAE)

Coordenador Principal: Ana Maria Lima de Azeredo-Espin

Início: 10/2018

Término: 9/2020


Resumo:

A espécie Cochliomyia hominivorax (Diptera: Calliphoridae), popularmente conhecida como a mosca da bicheira, é um importante ectoparasita obrigatório causador de miíases traumáticas em vertebrados de sangue quente, especialmente em animais domésticos. As fêmeas grávidas da espécie localizam feridas expostas no hospedeiro, onde depositam seus ovos. Após a eclosão, as larvas passam a se alimentar dos tecidos vivos do hospedeiro, o que representa um importante obstáculo para a criação animal, gerando prejuízos em torno de US$ 300 milhões ao ano à pecuária brasileira. A localização e escolha dos sítios de oviposição pelas fêmeas de C. hominivorax é mediada pela percepção quimiossensorial de moléculas químicas emitidas pelo hospedeiro durante a colonização das feridas por agentes bacterianos. Em insetos, voláteis químicos (odores) são identificados por duas famílias multigênicas de receptores: os Receptores Olfativos (ORs) e os Receptores Ionotrópicos (IRs). Esses receptores identificam as moléculas de odor transportadas pelas Proteínas de Ligação a Odores (OBPs) e estão presentes em estruturas quimiossensoriais chamadas sensilas, as quais estão distribuídas em estruturas periféricas do inseto, como antenas. Embora saibamos que a localização dos sítios de oviposição pelas fêmeas de C. hominivorax é mediada pela identificação de compostos químicos, ainda não se sabe quais os receptores envolvidos neste comportamento. A mosca da bicheira é a única espécie causadora de miíases obrigatórias na região Neotropical. Este tipo de comportamento não é observado na maior parte das espécies filogeneticamente próximas da mosca da bicheira, como Chrysomya megacephala que é saprófaga. Esta última deposita seus ovos em matéria orgânica em decomposição, onde as larvas irão se desenvolver. Neste contexto, nossa hipótese é que genes quimiossensoriais, principalmente olfativos, tiveram um papel crítico na transição do hábito de vida-livre (como observado em Ch. megacephala) para o parasitismo obrigatório, presente em C. hominivorax, sendo cruciais na detecção de sítios para oviposição. Diante disso, o presente projeto busca investigar se a expressão de genes quimiossensoriais pode estar relacionada ao hábito ectoparasitário obrigatório da mosca da bicheira. Para este fim, o projeto tem como principais objetivos (i) anotar, caracterizar e comparar as principais famílias de genes quimiossensoriais olfativos (ORs e IRs) e Proteínas de Ligação a Odores (OBPs) no genoma de C. hominivorax e Ch. megacephala; e (ii) analisar o perfil de expressão desses genes na antena (principal órgão olfativo em insetos) de fêmeas de C. hominivorax e Ch. megacephala em resposta a odores emitidos de potenciais sítios de oviposição, utilizando sequenciamento em larga-escala de mRNAs (RNA-Seq). Outras famílias gênicas que estiverem diferencialmente expressas também serão investigadas, mas os esforços serão concentrados em ORs, IRs e OBPs. Em conjunto, essas investigações serão fundamentais para uma melhor compreensão dos mecanismos moleculares responsáveis pelas respostas comportamentais mediadas por genes olfativos em C. hominivorax, principalmente relativos aos mecanismos responsáveis pela localização de sítios para oviposição. Os dados gerados por este projeto irão contribuir para os estudos de genômica funcional, comparativa e evolutiva na família Calliphoridae, atualmente em desenvolvimento no LabGEA, gerando informações cruciais para o melhor entendimento da evolução do ectoparasitismo obrigatório em C. hominivorax. Além disso, os resultados deste projeto possuem o potencial de refinar nosso atual conhecimento acerca de como esta espécie reconhece, localiza e infesta de forma tão eficiente um hospedeiro vivo, auxiliando futuramente no desenvolvimento de novas estratégias de controle no Brasil e em outras regiões da América do Sul e Central, onde os prejuízos econômicos à saúde e produção animal persistem. (AU)

Ocultar
CEM - CENTRO DE ESTUDOS DA METRÓPOLE

Coordenador Principal: Marta Teresa da Silva Arretche

Início: 06/2013

Término: 05/2024


Resumo:

O plano de pesquisa está estruturado a partir de três linhas de atividades: 1) pesquisa: o objetivo principal do projeto de pesquisa é examinar o papel das políticas governamentais na redução da pobreza e da desigualdade no Brasil. Este objetivo desdobra-se em quatro questões empíricas de pesquisa: a) compreender e mensurar a evolução das desigualdades sociais nos campos da: saúde, raça, migração, mercado de trabalho, renda, moradia e desenvolvimento urbano, educação, gênero e comportamento político. "Como o Brasil mudou-nos. Últimos 50 anos" é o título provisório do livro planejado como primeiro produto do Centro, que se baseia na análise comparada dos dados dos censos produzidos entre de 1960 e 2010; b) examinar o efeito independente das políticas públicas nas condições sociais e na redução das desigualdades. Três áreas receberão atenção especial nessa investigação, devido a sua importância na análise de políticas públicas comparadas: educação, saúde e mercado de trabalho; c) investigar o papel das instituições políticas decisórias no campo das políticas redistributivas, particularmente, em como as instituições afetam o comportamento eleitoral e o processo legislativo. Nesse caso, as políticas públicas (redistributivas) serão tomadas como variável dependente, resultante do processo político; d) mapear formas alternativas de governança das áreas urbanas e suas conexões com o Estado, para compreender melhor "quem governa o quê?". Este componente do projeto objetiva analisar padrões de governança que escapam do controle do Estado e de suas instituições. 2) educação e difusão do conhecimento: os principais objetivos dessa área são: a) aumentar a informação da população acerca das politicas públicas; b) "alfabetizar" jornalistas e decisores políticos sobre o estado da arte das pesquisas em políticas públicas; c) disseminar conhecimento e resultados de pesquisas produzidas no Centro para professores e estudantes do ensino-médio; d) tornar o Centro interlocutor constante e indispensável no debate público, dando mais visibilidade à pesquisa e aos pesquisadores. 3) transferência de tecnologia: os principais objetivos dessa área são: a) prover assessoria técnica e expertise a agências e órgãos governamentais; b) consolidar e aperfeiçoar os recursos de geoprocessamento do Centro; c) atualizar o curso de Terra View Política Social; d) criar um curso a distância de Terra View Politica Social; e) criar um curso de análise de dados como R. (AU)

Ocultar
CENTRO DE BIOLOGIA QUÍMICA DE PROTEÍNAS QUINASES: ALAVANCANDO DESENVOLVIMENTO DE FÁRMACOS ATRAVÉS DE PESQUISA DE ACESSO ABERTO

Coordenador Principal: Paulo Arruda

Início: 03/2015

Término: 02/2020


Resumo:

The > 500 protein kinases in the human genome are key regulators of virtually every physiological process. Kinases can be targeted by highly potent and selective small molecules. However, despite their importance and suitability for drug discovery, most academic and pharmaceutical research has focused on a small fraction of kinases; most kinases are ?under-explored?. These under-explored kinases represent a rich source of new biology and are the focus of this proposal. The UNICAMP proposes to partner with the Structural Genomics Consortium (SGC) to focus on a target list of 26 under-explored kinases implicated in the regulation of RNA splicing and chromatin biology, and that linked to neurological diseases, angiogenesis, and cancer. From these kinases, SGC-UNICAMP aims to generate selective small molecule inhibitors (?chemical probes?) for at least 8. To accomplish this, we will establish a ?structure-guided medicinal chemistry? platform (SGC-UNICAMP), with funding and advice from the SGC and its eight pharmaceutical partners and an external advisory board comprising leaders in chemical biology. The platform in collaboration with a network of academics in Campinas and around the world, will characterize the probes in biochemical assays to establish potency and selectivity, and in cellular assays to demonstrate ?on-target engagement? in cells. Once the chemical probes meet stringent quality criteria, we will make them available to Brazilian and international scientists without restriction on use. The availability of these chemical probes will uncover new biological pathways and identify new opportunities for therapeutic intervention. By establishing the open access chemistry platform at UNICAMP, we hope to establish UNICAMP as one of the world center of kinase chemical biology. (AU)

Ocultar
CENTRO DE PESQUISA EM GENÔMICA APLICADA ÀS MUDANÇAS CLIMÁTICAS

Coordenador Principal: Paulo Arruda

Início: 08/2018

Término: 07/2028


Resumo:

As mudanças climáticas globais representam uma grande ameaça à produção agrícola e à segurança alimentar em todo o mundo, especialmente nos trópicos. Os esforços de pesquisa e desenvolvimento que utilizam ferramentas biotecnológicas avançadas para a adaptação genética das culturas agrícolas a diferentes tipos de estresses abióticos estão muito concentrados nas empresas transnacionais de agrobiotecnologia. A presente proposta é o resultado de uma iniciativa conjunta entre a EMBRAPA e a UNICAMP e construída com o apoio de uma rede de pesquisadores nacional e internacional para a criação e operação a longo prazo de um pipeline de biotecnologia vegetal com o objetivo de promover a inovação, a geração e a transferência dos ativos biotecnológicos resultantes da adaptação de plantas às mudanças climáticas para a sociedade através do setor agrícola. (AU)

Ocultar
CHARACTERIZING AND PREDICTING BIOMASS PRODUCTION IN SUGARCANE AND EUCALYPTUS PLANTATIONS IN BRAZIL

Coordenador Principal: Rubens Augusto Camargo Lamparelli

Início: 03/2016

Término: 02/2020


Resumo:

For major emerging countries with significant land resources such as Brazil, the Agriculture, Forestry and Land Use (AFOLU) sector is one of the major sources of greenhouse gas (GHG) emissions. At the same time, this sector offers a large potential for climate change mitigation through best management practices. São Paulo state is the main producer of both eucalyptus and sugarcane in Brazil, and there is potential for expansion in the area managed under both crops. These land uses can have a large impact on the regional carbon balance, both though carbon fixation in the vegetation and soils and though offsetting fossil fuel emissions by the production and consumption of biofuels. Process-based models, calibrated and validated previously, and applied spatially could help quantifying the fluxes and stocks of carbon at the field level, with different time scales (from years to decades) and spatial scales (from stands to regions). The main objective of this project is to take advantage of satellite and field data collected in the past decade; state-of-the-art process-based models; and computational tools that allow processing large amounts of data to assess the carbon dynamics of eucalyptus and sugarcane in São Paulo state. A bottom-up approach will be used, by parameterizing and testing process models based on field measurements, and then upscaling to São Paulo State. Images from Landsat will CBERS, Terra and Aqua satellites will be registered, radiometrically corrected and organized into a data set covering the 2000-2015 period in São Paulo State, with the associated metadata. Soils data will be compiled from published soil surveys, and meteorological variables will be collected from weather stations and global models. Different vegetation indices time-series will be produced, like the normalized difference vegetation index (NDVI) and the enhanced vegetation index (EVI). A time-series classification method will be used, in which the algorithm will use the seasonal and/or pluriannual vegetation indices profiles to classify the vegetation through time series pattern analysis. Estimation of vegetation structural parameters and in particular Leaf Area Index (LAI) and/or the fraction of absorbed photosynthetically active radiation (FAPAR) will also be derived from remote sensing data. Data collected over the last decade by EMBRAPA, CIRAD and CTBE on Eucalyptus plantations and sugarcane fields will be used to calibrate and validate models such as the G'Day process-based model. Both the remote sensing correction and processing, the classification procedure (calibration and application), process-based modelling at the site scale and the upscaling procedures will require a large amount of calculations and data processing. Therefore, novel computer science tools and techniques will be used in this project, including cloud-based computing, machine learning and visualization interfaces for spatial data. The expected outcome of accurate predictions of carbon fluxes and dynamics with satellite-data constrained crop models is in high demand from the scientific community, policy makers, and the forestry and agricultural sectors. Additionally, the science developed in this project will be useful as input to applications in other crops and regions. (AU)

Ocultar
CIÊNCIA, POLÍTICA E SUBJETIVIDADE: CONTROVÉRSIAS EM TORNO DO DIREITO ÀS TRANSFORMAÇÕES CORPORAIS DO SEXO

Coordenador Principal: Regina Facchini

Início: 03/2016

Término: 02/2020


Resumo:

Esta proposta de pesquisa visa compreender as relações entre ciência, política e subjetividade através das controvérsias em torno do direito às transformações corporais do sexo. O corpus de análise a produção científica da medicina, psicologia e ciências sociais brasileiras no período de 1970 até 2015 e outros documentos como políticas públicas, resoluções do Conselho Federal e Estadual de Medicina, documentos internacionais de Direitos Humanos, manuais internacionais de patologias e documentos produzidos pelos movimentos sociais. Acredito que o mapeamento destas controvérsias é uma forma de investigar: (1) regulações classificatórias; (2) relações de poder estabelecidas entre saberes e sujeitos; (3) a geopolítica da circulação global de categorias e convenções; (4) disputas e tensões entre diversos campos científicos e a reivindicação de direitos pelos movimentos sociais. Aproveitando o material documental colhido durante o doutorado, a pesquisa investirá em um levantamento de teses, dissertações, livros e artigos das áreas citadas acima. O levantamento será realizado tanto online em plataformas virtuais de periódicos científicos e banco de teses de dissertações, quanto in loco em bibliotecas de universidades brasileiras. A proposta tem por objetivo relacionar esta produção científica com as discussões em torno das políticas públicas e a reivindicação de direitos dos movimentos sociais, procurando construir intertextualidades e evidenciar tensões e disputas entre os diferentes atores envolvidos na controvérsia. (AU)

Ocultar
CIÊNCIA, POLÍTICA E SUBJETIVIDADE: CONTROVÉRSIAS EM TORNO DO DIREITO ÀS TRANSFORMAÇÕES CORPORAIS DO SEXO

Coordenador Principal: Regina Facchini

Início: 03/2016

Término: 02/2020


Resumo:

Esta proposta de pesquisa visa compreender as relações entre ciência, política e subjetividade através das controvérsias em torno do direito às transformações corporais do sexo. O corpus de análise a produção científica da medicina, psicologia e ciências sociais brasileiras no período de 1970 até 2015 e outros documentos como políticas públicas, resoluções do Conselho Federal e Estadual de Medicina, documentos internacionais de Direitos Humanos, manuais internacionais de patologias e documentos produzidos pelos movimentos sociais. Acredito que o mapeamento destas controvérsias é uma forma de investigar: (1) regulações classificatórias; (2) relações de poder estabelecidas entre saberes e sujeitos; (3) a geopolítica da circulação global de categorias e convenções; (4) disputas e tensões entre diversos campos científicos e a reivindicação de direitos pelos movimentos sociais. Aproveitando o material documental colhido durante o doutorado, a pesquisa investirá em um levantamento de teses, dissertações, livros e artigos das áreas citadas acima. O levantamento será realizado tanto online em plataformas virtuais de periódicos científicos e banco de teses de dissertações, quanto in loco em bibliotecas de universidades brasileiras. A proposta tem por objetivo relacionar esta produção científica com as discussões em torno das políticas públicas e a reivindicação de direitos dos movimentos sociais, procurando construir intertextualidades e evidenciar tensões e disputas entre os diferentes atores envolvidos na controvérsia. (AU)

Ocultar
COMUNICAÇÃO, DIVULGAÇÃO DE CONHECIMENTO, EDUCAÇÃO PARA SUSTENTABILIDADE

Coordenador Principal: Marcos Barbai; Carolina Cantarino; Alik Wunder; Elenise Pires de Andrade ; Marko Sinésio Monteiro; Antonio Carlos Amorim; Gabriel Cid Garcia

Início: 01/2016


Resumo:

: Reflexões interinstitucionais e interdisciplinares em torno das possibilidades de tornar a comunicação-divulgação científica das mudanças climáticas uma potente ferramenta de sensibilização e engajamento público, bem como de constituição de políticas públicas efetivas. Estas reflexões se dão sob um duplo movimento: o diagnóstico e a avaliação dos modos como a comunicação e a divulgação científicas têm se configurado nas diversas mídias já disponíveis; e a investigação de novas formas de divulgar e experimentar suas possibilidades de divulgação por meio de artefatos culturais.

Ocultar
CONGELAMENTO/DESCONGELAMENTO DE LEITE DE OVELHA: ALTERAÇÕES INDUZIDAS NO LEITE, ALTERNATIVAS PARA MINIMIZAR ESSAS MODIFICAÇÕES E IMPACTO NA PRODUÇÃO DE IOGURTE

Coordenador Principal: Alline Artigiani Lima Tribst

Início: 09/2017

Término: 02/2020


Resumo:

A produção de derivados de leite de ovelha, especialmente de iogurte, é uma opção interessante para a agropecuária familiar brasileira, com crescente agregação de valor aos produtos. Entretanto, a baixa produtividade leiteira por animal obriga o pequeno produtor a congelar o leite de vários dias até obter um volume compatível com o processamento. Apesar de justificável, o congelamento do leite pode reduzir a estabilidade de proteínas, romper os glóbulos de gordura e modificar o equilíbrio salino. Essas alterações podem afetar a qualidade do leite e impactar negativamente os produtos obtidos a partir dele. O uso de tecnologias de mistura e homogeneização podem minimizar os efeitos negativos induzidos pelo congelamento do leite, melhorando a dispersão de proteínas e promovendo emulsificação da gordura coalescida. Assim, o presente trabalho se propõe a avaliar: (i) as alterações induzidas no leite integral e desnatado por condições de congelamento/ descongelamento comumente utilizadas, (ii) como técnicas de mistura e homogeneização podem solucionar os impactos negativos causados pelo congelamento, (iii) como estes processos afetam as características de iogurte. Estes resultados poderão ser utilizados para criação de legislação específica para leite de ovelha no Brasil, ajudarão pequenos produtores a conhecer e minimizar os impactos do processo de congelamento de leite e, adicionalmente, ajudarão a comunidade científica a entender as alterações biofísicas envolvidos no congelamento/ descongelamento do leite e se/como é possível reestabelecer o equilibro dessa emulsão através de técnicas de mistura e homogeneização. (AU)

Ocultar
CONTROLE NEUROFISIOLÓGICO DA FORÇA MUSCULAR: EXPERIMENTOS E SIMULAÇÕES COMPUTACIONAIS

Coordenador Principal: Leonardo Abdala Elias

Início: 03/2018

Término: 02/2021


Resumo:

O controle da força gerada por músculos esqueléticos é realizado por uma complexa interação entre diferentes elementos dos sistemas nervoso, muscular e esquelético. De um ponto de vista neurofisiológico, a atividade das unidades motoras e de aferentes sensoriais são fundamentais para moldar a saída motora durante a realização de diferentes tarefas. Neste projeto de pesquisa o controle neurofisiológico da força muscular será estudado utilizando-se duas abordagens: i) a experimentação humana; e ii) simulações computacionais a partir de um modelo matemático do sistema neuromuscular. Os experimentos de controle de força serão realizados em sujeitos jovens e saudáveis e terão como objetivos avaliar os efeitos de alterações do ângulo articular e da aplicação de estimulação vibrotátil na variabilidade da força e no comando neural enviado a um músculo intrínseco da mão. Serão registrados e analisados os sinais de força, eletromiograma de superfície e intramuscular, este último possibilitando a análise dos trens de disparos de potenciais de ação de unidades motoras recrutadas durante a realização das tarefas. Para o estudo computacional será utilizado um modelo multiescala e biologicamente plausível do sistema neuromuscular. O uso do modelo será fundamental para prover subsídios teóricos/conceituais acerca dos mecanismos envolvidos nos achados experimentais. Os resultados deste projeto permitirão o avanço no conhecimento sobre o controle neurofisiológico da força muscular, que é de fundamental importância para futuras aplicações clínicas e tecnológicas associadas à reabilitação sensório-motora.

Ocultar
CORPO, GÊNERO E TECNOCIÊNCIAS: AS "CÉLULAS-TRONCO" DO SANGUE MENSTRUAL

Coordenador Principal: Daniela Tonelli Manica

Início: 03/2019

Término: 02/2021


Resumo:

Essa pesquisa tem como objetivo geral pensar diferentes agenciamentos de fluidos e substâncias corporais, em especial o sangue menstrual. Partindo de uma discussão sobre as formas como corpos e narrativas estão inseridos no universo das tecnociências contemporâneas, esta pesquisa indaga sobre os agenciamentos, as "multiplas ontologias" do sangue menstrual. Neste recorte, trata-se de pensar o sangue menstrual como substrato para a produção de células em laboratório, com a finalidade de produzir pesquisas científicas, e eventualmente terapêuticas nas áreas de medicina regenerativa, terapia celular e bioengenharia. No Laboratorio de Cardiologia Celular e Molecular (LCCM) do Instituto de Biofisica Carlos Chagas Filho, da Universidade Federal do Rio de Janeiro, onde se realizam as pesquisas, espera-se que o sangue menstrual se converta nas "CeSaM" - "celulas-tronco/estromais mesenquimais derivadas do sangue menstrual". A proposta desta pesquisa tem sido colocar em evidencia, a partir de um trabalho de cunho socioantropologico, essas narrativas - inclusive visuais - sobre a vida celular das CeSaM, e suas potencias. O projeto se engaja numa proposta de abordar etnograficamente a ciência "em ação", com um enfoque politicamente situado. Propomos uma "simpoiese" com as CeSaM, o que envolve acompanhar a vida dessas células dentro e fora do laboratório, e fazer isso "com" as pesquisadoras que cultivam essas células em suas vidas profissionais. Pretende-se também analisar a divulgação e repercussão de artigos científicos nacionais e internacionais sobre as CeSaM nas redes sociais e notícias de jornais através de uso de indicadores alternativos, a chamada altmetria, assim como avaliar a forma como a temática dessas pesquisas tende a (e pode) ser divulgada pelos comunicadores de ciência. Espera-se que essa abordagem etnográfica coletivamente constituída permita contribuir criticamente, e criativamente, para a discussao e a divulgacao desse tipo de tecnociencia brasileira contemporanea. (AU)

Ocultar
CORRELAÇÕES RITMO-TIMBRE PARA MUSICA INSTRUMENTAL E MISTA: ORGANIZAÇÃO, COMPLEXIDADE E INFORMAÇÃO (FASE 2).

Coordenador Principal: Adolfo Maia Jr.

Início: 08/2017

Término: 08/2019


Resumo:

Neste projeto propomos pesquisar a organização temporal de estruturas timbrísticas e rítmicas através de duas formulações complementares, Correlações Estatísticas e Teoria da Informação, com vistas ao desenvolvimento de um método de análise musical e de composição de Música Instrumental e Mista, assistida por computador. Especificamente, propomos o estudo e aplicações de modelos formais para organização hierárquica e temporal de estruturas timbrísticas como, por exemplo, texturas sonoras, correlacionadas a padrões rítmicos em música instrumental e mista. A organização hierárquica de estruturas será baseada em Medidas de Similaridade, definidas em trabalho anterior. Como aplicações destes modelos queremos analisar padrões ritmo-timbristicos de obras de alguns compositores do século XX, partindo de análise crítica e apoiada pela Teoria da Informação (Shannon e Kolmogorov). Assim pretendemos estudar correlações estatísticas em três classes de matrizes: Ritmo-Ritmo, Timbre-Timbre, e Ritmo-Timbre. Os padrões destes modelos serão estendidos e transformados convenientemente para Composição Musical, a qual será realizada em duas etapas: Précomposição com a construção, através das matrizes acima mencionadas, de um template Ritmo-Timbre e a Composição propriamente dita com o sequenciamento temporal das estruturas sonoras com controle do conteúdo informacional. Com isto em vista, uma das possibilidades que vamos pesquisar é o sequenciamento temporal através de Cadeias de Markov.
Parte deste projeto foi inspirado e é a continuação natural de um projeto de pesquisa em andamento (bolsa PQ2, processo 303668/2010-5) financiado pelo CNPq, no qual desenvolvemos métodos de geração e controle de fluxos de sons granulares, com sua timbristica, ritmos e espacialização peculiares, com a finalidade de composição com síntese granular correlacionados a sistemas audiovisuais.
É importante ressaltar aqui que este nosso projeto traz, além dos estudos do ponto de vista histórico e analítico, propostas de novas técnicas de organização sonora para o seu uso efetivo em composição de música instrumental e mista,. Assim, estão previstos experimentos acústicos-musicais bem como a composição de algumas obras instrumentais e mistas para conjuntos de câmera.

Ocultar
DESCOBERTA DE NOVAS QUINASES ASSOCIADAS À RESPOSTA AO ESTRESSE HÍDRICO EM MILHO

Coordenador Principal: Paulo Arruda

Início: 06/2018

Término: 05/2020


Resumo:

A resposta de plantas ao estresse hídrico tornou-se o grande foco da biologia vegetal em função dos desafios da produção de alimentos e energia frente à escassez de água e aumento da temperatura impostos pelas mudanças climáticas. Atualmente são conhecidos vários mecanismos envolvidos na resposta à seca, mas mais de 90% da literatura na área concentra-se em algumas poucas vias metabólicas, notadamente aquelas sinalizadas por ácido abscísico (ABA) e ácido jasmônico (JA). Embora as proteínas quinases sejam conhecidas por desempenhar papel regulatório pós-traducional fundamental, não mais que 50 das mais de 1000 codificadas pelo genoma vegetal possuem algum estudo publicado na literatura. Este projeto faz parte do esforço do Centro de Proteínas Quinases do SGC-UNICAMP em utilizar a plataforma "do gene ao probe" para a descoberta de novas quinases de plantas, pouco ou nada estudadas na literatura. Para isso, utilizamos ferramentas de genômica e transcriptômica para identificar novos genes de quinases cuja expressão é alterada em plantas submetidas ao estresse hídrico. Os domínios quinase dessas proteínas são clonados, expressos, purificados e caracterizados quanto a propriedades cinéticas e identificação de inibidores com auxílio da estrutura cristalográfica. Os inibidores são em seguida utilizados para estudar o papel de cada uma dessas quinases na resposta à seca. Posteriormente a genética clássica, a transgenia e a edição genômica serão utilizadas para criar genótipos testáveis em experimentos de campo. Neste projeto, a genética clássica e a edição genômica serão utilizadas para estudar o papel das quinases PAN2, SIRK1, MRH1, BSK5, MRH1, e uma potencial candidata codificada pelo gene GRMZM2G113373, na resposta a seca em milho. Os trabalhos de biologia estrutural e química biológica dessas proteínas já estão em estágio bastante avançados. Todas as metodologias, e reagentes bem como as plantas obtidas serão disponibilizadas para a comunidade científica, cumprindo assim o objetivo principal de nosso INCT. (AU)

Ocultar
DESENVOLVIMENTO DE PIPELINES DE BIOINFORMÁTICA PARA IDENTIFICAÇÃO DE MICRO-ORGANISMOS-CHAVE NA PROMOÇÃO DE RESISTÊNCIA À SECA EM PLANTAS

Coordenador Principal: Paulo Arruda

Início: 11/2018

Término: 10/2020


Resumo:

O bolsista a ser contratado para o Centro de Pesquisa em Genômica Aplicada às Mudanças Climáticas (GCCRC) dará suporte às atividades de bioinformática desenvolvidas nos projetos de pesquisa na área de microbioma, cujo objetivo central é a investigação de micro-organismos promotores de tolerância à seca em plantas. Os objetivos principais do trabalho são: (1) mapear a diversidade de comunidades microbianas associadas a plantas nativas tolerantes à seca; (2) construir um pipeline de bioinformática para anotação e identificação de micro-organismos em coleções microbianas isolados de espécies nativas tolerantes à seca; (4) desenhar comunidades microbianas sintéticas capazes de induzir a de tolerância à seca em plantas; (5) avaliar o fenótipo e o perfil de colonização de plantas inoculadas com as comunidades microbianas sintéticas; (6) sequenciar, montar e anotar genomas completos dos microrganismos identificados como promotores do crescimento vegetal e identificar as vias metabólicas que determinam a associação benéfica com as plantas. Nesse contexto, será papel do bolsista implementar pipelines de bioinformática que permitam a avaliação da diversidade microbiana por meio de sequenciamento de metagenomas e marcadores moleculares (como 16S e ITS) de amostras de plantas nativas coletadas em ambientes extremos. Além disso, o bolsista terá como função implementar um pipeline para a identificação dos micro-organismos constituintes da coleção microbiana, seleção de membros potencialmente envolvidos na indução de tolerância à seca em plantas e desenho de comunidades sintéticas microbianas a serem avaliadas em experimentação em campo quanto a suas atividades desempenhadas. Com isso, os pipelines desenvolvidos também terão como objetivo aprofundar os estudos do genoma de grupos microbianos de interesse objetivando o acesso a genes-candidatos na indução da tolerância à seca e suprindo o pipeline de melhoramento genético por transformação, desempenhado pelo centro de pesquisa.

Ocultar
DESENVOLVIMENTO DE UM PROCESSO DE PRÉ-TRATAMENTO DE BAIXA SEVERIDADE PARA PRODUÇÃO DE OLIGOSSACARÍDEOS DE PALHA DE CANA-DE-AÇÚCAR

Coordenador Principal: Telma Teixeira Franco

Início: 09/2017

Término: 08/2020


Resumo:

A palha de cana-de-açúcar, constituída por topos verdes e folhas secas, pode ser mantida no campo para melhorar a qualidade do solo ou recolhida para ser aplicada em diferentes processos, seja para geração de energia através da sua queima em caldeiras, seja para produção de etanol de segunda geração (E2G). Uma condição ideal entre estas aplicações ainda é incerta e requer muitos estudos. Considerando sua aplicação em processos de fracionamento para obtenção de açúcares, investigações experimentais de suas alterações físico-químicas são importantes para o desenvolvimento de modelos que posam ser utilizados em um projeto racional de pré-tratamento. Além disso, condições operacionais podem ser desenvolvidas sob medida para se obter características químicas e estruturais específicas, como é o caso da produção de oligossacarídeos. Sabe-se que a etapa de pré-tratamento representa aproximadamente 40% de todo custo de investimento em uma planta de E2G e, por isso, alterações nas condições de processo e características do produto de interesse podem trazer grandes benefícios em termos técnico-econômicos para a tecnologia. Neste sentido, este projeto tem como objetivo estudar e desenvolver uma rota de pré-tratamento de baixa severidade para a palha de cana-de-açúcar. Condições operacionais serão estudadas a fim de maximizar a produção e recuperação dos xilooligossacarídeo, além de gerar uma biomassa pré-tratada proprícia para a obtenção de celuloligossacarídeos por meio de rotas enzimáticas. Esta proposta está inserida no plano de desenvolvimento do projeto FAPESP, convênio RCUK "An integrated approach to explore a novel paradigm for biofuel production from lignocellulosic feedstocks (FAPESP 15/50612-8)". Os oligossacarídeos produzidos, xilo e celooligossacarídeos, com graus de polimerização específicos, serão empregados em processos fermentativos utilizando um microrganismo geneticamente modificado a ser desenvolvido no projeto temático, podendo proporcionar vantagens competitivas nas aplicações de bioprocessos devido a sua especificidade de consumo. (AU)

Ocultar
DESFIBRILADOR MULTIDIRECIONAL TRANSTORÁCICO

Coordenador Principal: José Wilson Magalhães Bassani


Resumo:

A fibrilação ventricular (FV) é a arritmia mais grave que se não revertida leva o indivíduo acometido à morte. Para a reversão do quadro de FV, a desfibrilação elétrica é o único procedimento terapêutico eficaz disponível atualmente. Este procedimento consiste na aplicação de um choque elétrico de alta intensidade ao coração, diretamente ou através do tórax. A corrente elétrica que flui pelo coração é função da energia do choque e da impedância dos tecidos. Infelizmente o procedimento de desfibrilação não é isento de efeitos colaterais (e.g. arritmias, morte celular). No presente trabalho propomos a construção e testes de um desfibrilador transtorácico, multidirecional com pulsos bipolares, técnica que já demostramos ser menos lesiva ao coração e eficaz para a desfibrilação.

Ocultar
DETECÇÃO DE GENES DE INTERESSE AGRONÔMICO E ENVOLVIDOS NA HETEROSE EM UROCHLOA SPP

Coordenador Principal: Anete Pereira de Souza

Início: 12/2018

Término: 11/2020


Resumo:

O gênero Urochloa (sinonímia Brachiaria) compreende espécies de gramíneas forrageiras predominantemente poliploides e apomíticas que são a base da produção de bovinos de corte e de leite no Brasil. Apesar da grande importância econômica, conhecimentos a respeito da regulação da expressão gênica envolvida no controle de caracteres de interesse agronômico e comercial nessas espécies, tais como a apomixia e a resistência às cigarrinhas-das-pastagens, bem como os mecanismos moleculares que determinam a heterose, são inexistentes. Dessa forma, o objetivo do presente trabalho é comparar os transcriptomas de folhas da cultivar Ipyporã e seus genitores, visando aumentar o conhecimento genético-genômico do gênero Urochloa. A análise comparativa dos transcriptomas possibilitará a identificação de transcritos compartilhados e exclusivos, vias metabólicas, locos e/ou genes envolvidos em caracteres agronômicos relevantes, bem como a identificação de marcadores moleculares funcionais. Em paralelo, serão investigadas as bases moleculares da heterose presente na cultivar em estudo, a partir da qual também serão identificados marcadores moleculares exclusivos para fingerprinting. Estas informações serão inéditas e importantes para o delineamento de estratégias moleculares nos programas de melhoramento de forrageiras poliploides tropicais, e contribuirão para que o setor da bovinicultura de corte brasileira consiga suprir demandas atuais e futuras.

Ocultar
DOENÇAS DOS GLÓBULOS VERMELHOS: FISIOPATOLOGIA E NOVAS ABORDAGENS TERAPÊUTICAS

Coordenador Principal: Fernando Ferreira Costa

Início: 12/2014

Término: 11/2020


Resumo:

Esta nova proposta de Projeto Temático será desenvolvida pelo Grupo de Pesquisa em Glóbulos Vermelhos formado por pesquisadores do Hemocentro, do Departamento de Patologia Clínica da Faculdade de Ciências Médicas e do Centro de Biologia Molecular e Engenharia Genética (CBMEG) da UNICAMP em colaboração com vários pesquisadores brasileiros e internacionais. O novo projeto representa uma grande expansão da proposta anterior com a inclusão de temas novos e inéditos que sem dúvida resultarão em dados extremamente significativos do ponto de vista científico e na terapia das doenças estudadas. Este projeto tem como objetivo desvendar aspectos importantes da fisiopatologia das doenças dos glóbulos vermelhos e descobrir novas formas de tratamento com a utilização de equipamentos e tecnologia que estão na fronteira do conhecimento, além de ampliar as colaborações internacionais formadas nestes últimos anos. Serão introduzidos novos métodos e equipamentos; uma plataforma de microscopia intravital para investigação da microcirculação in vivo, o equipamento Amnis ImageStream para a visualização de interações e alterações celulares, estudos com utilização de iPS e técnicas de sequenciamento e função gênica de última geração. Em seu conjunto, o projeto propõe estudos em cinco grandes áreas relacionadas às alterações das hemácias e das doenças daí derivadas; a identificação de genes associados a eritropoese e fatores moleculares que regulam a produção de HbF, os efeitos da hemólise e identificação de alvos terapêuticos, alterações estruturais e funcionais da molécula de hemoglobina, aspectos da fisiopatologia das doenças relacionadas aos glóbulos vermelhos e novas drogas e alvos terapêuticos nas hemoglobinopatias. A excepcional equipe de pesquisadores brasileiros e estrangeiros envolvidos na proposta aliada ao uso dos métodos e equipamentos descritos representa uma abordagem multidisciplinar moderna com o emprego de métodos in vitro e in vivo para a investigação de aspectos ainda não esclarecidos das doenças dos glóbulos vermelhos. Acreditamos que este enfoque fornecerá dados fundamentais para o conhecimento e o desenvolvimento de novas terapias para o tratamento destas doenças. (AU)

Ocultar
EDUCAÇÃO ESCOLAR INDÍGENA: INOVAÇÃO, SABERES APRENDIDOS E OFERTAS DE NÍVEL SUPERIOR

Coordenador Principal: Elie George Guimaraes Ghanem Junior/Marta Azevedo

Início: 06/2017

Término: 05/2020


Resumo:

Este projeto se situa numa linha de investigação orientada pelo seguinte problema de pesquisa: em quais aspectos a educação escolar indígena superou o caráter colonialista da escolarização? Entende-se por colonialista a pretensão civilizatória, catequizadora e o seu pressuposto de que os povos indígenas não têm conhecimentos passíveis de serem objeto de aprendizagem no ambiente escolar.

Ocultar
EDUCAÇÃO ESCOLAR INDÍGENAS: SABERES APRENDIDOS E INOVAÇÃO: PROJETO DE PESQUISA

Coordenador Principal: Elie George Guimaraes Ghanem Junior

Início: 09/2018

Término: 08/2020


Resumo:

Este projeto se situa numa linha de investigação orientada pelo seguinte problema: em quais aspectos a educação escolar indígena superou o caráter colonialista da escolarização? Sem a identificação de tais aspectos, a elaboração, implementação e avaliação de políticas educacionais adequadas às características e necessidades dos povos indígenas será desprovida de fundamentação. Projetos anteriores de nossa equipe foram realizados nos últimos cinco anos, na região do alto rio Negro, AM. Contaram com apoio do CNPq e da Fapesp. Centraram-se na hipótese de que a superação da escolarização colonialista ocorre, mas, mesmo com o avanço da pesquisa, ainda não está disponível uma resposta suficiente ao problema de fundo. Confirmamos que tal superação ocorreu naquela região, embora com significativas limitações. Ainda não se sabe em que escala isso ocorreu porque é uma área muito grande. Em três das quatro comunidades onde a pesquisa incidiu, há convergência entre os saberes estudados e as aspirações de futuro das comunidades. Este projeto pretende acrescentar uma contribuição à abordagem do problema de investigação, focalizando a escolha de saberes a ensinar na escola básica e sua identificação como prática de inovação educacional. Tendo em vista alcançar uma imagem mais abrangente de modificações que venham ocorrendo na educação escolar indígena, desta vez, o trabalho incidirá em escolas de São Gabriel da Cachoeira, AM; Dourados e Caarapó, MS; São Paulo e Bertioga, SP. Serão comparadas práticas de educação escolar de comunidades de três povos, respectivamente, Baniwa, Guarani-Kaiowá e Guarani-Mbya. (AU)

Ocultar
EFEITOS AGUDOS SOBRE MIÓCITOS CARDÍACOS ISOLADOS DE UM ANÁLOGO DA DOXORRUBICINA COM MAIOR ATIVIDADE ANTI-TUMORAL

Coordenador Principal: Rosana A. Bassani


Resumo:

A doxorrubicina é um dos agentes antineoplásicos mais eficientes e utilizados para tratamento de diversos tipos de câncer. No entanto, um sério efeito colateral é a indução de cardiomiopatia aguda e crônica, o que motiva a busca por análogos do composto que sejam menos agressivos ao coração. O objetivo deste trabalho é caracterizar a atividade elétrica, transporte de Ca2+ e atividade contrátil de cardiomiócitos durante a exposição aguda a doxorrubicina e a um análogo cujos testes iniciais indicaram maior atividade antineoplásica. Propõe-se também investigar alguns mecanismos que possam estar envolvidos na cardiotoxicidade das antraciclinas.

Ocultar
EFEITOS DA SUPEREXPRESSÃO DA PROTEÍNA DESACOPLADORA MITOCONDRIAL (UCP1) NA RESPOSTA A ESTRESSE ABIÓTICO E METABOLISMO FOTOSSINTÉTICO EM MILHO (ZEA MAYS)

Coordenador Principal: Paulo Arruda

Início: 11/2017

Término: 07/2020


Resumo:

A exposição das plantas a estresses ambientais induz a produção de espécies reativas de oxigênio (ROS). Em células eucarióticas a Cadeia Transportadora de Elétrons (CTE) localizada na membrana interna da mitocôndria é a maior fonte geradora de ROS. A Proteína Desacopladora Mitocondrial 1 (UCP1) também se localiza na membrana interna mitocondrial, onde dissipa o potencial de membrana entre o espaço intermembranas e a matriz mitocondrial, independente da produção de ATP. Desta maneira o fluxo de elétrons da CTE é estimulado e a produção de ROS é reduzida. Plantas de Nicotiana tabacum superexpressando a UCP1 de Arabidopsis thaliana (AtUCP1) apresentam elevada tolerância ao estresse hídrico e salino quando comparadas às plantas selvagens. Além disso, essas plantas têm um aumento na condutância estomática e na taxa fotossintética em condições normais ou sob estresse abiótico. A superexpressão da AtUCP1 leva a alterações metabólicas importantes associadas aos efeitos benéficos observados quando as plantas são submetidas a estresses. Essas plantas possuem elevada biogênese mitocondrial que, através da sinalização mitocôndria-núcleo, induz a expressão de centenas de genes nucleares e mitocondriais, associados a respostas a estresses. Em virtude dos efeitos de resistência a estresse abiótico observado nas plantas modelo, propomos nesse projeto estudar o efeito da superexpressão de UCP1 de Sorgo (Sorghum bicolor) em milho, uma das principais culturas agrícolas do mundo, avaliando sua produtividade sob condições de estresse hídrico. Além disso, como as plantas modelo em que a UCP1 foi estudada apresentam metabolismo fotossintético C3, o estudo da UCP1 em milho proveria novas informações em relação a função dessa proteína em plantas de metabolismo C4. (AU)

Ocultar
EFEITOS DE MANIPULAÇÕES SENSORIAIS E BIOMECÂNICAS NO CONTROLE NEUROFISIOLÓGICO DA FORÇA MUSCULAR: EXPERIMENTOS E SIMULAÇÕES COMPUTACIONAIS

Coordenador Principal: Leonardo Abdala Elias

Início: 05/2018

Término: 04/2020


Resumo:

O controle da força gerada por músculos esqueléticos é realizado por uma complexa interação entre diferentes elementos dos sistemas nervoso, muscular e esquelético. De um ponto de vista neurofisiológico, a atividade das unidades motoras e de aferentes sensoriais são fundamentais para moldar a saída motora durante a realização de diferentes tarefas. Neste projeto de pesquisa o controle neurofisiológico da força muscular será estudado utilizando-se duas abordagens: i) a experimentação humana; e ii) simulações computacionais a partir de um modelo matemático do sistema neuromuscular. Os experimentos de controle de força serão realizados em sujeitos jovens e saudáveis e terão como objetivos avaliar os efeitos de alterações do ângulo articular e da aplicação de estímulos eletrotáteis e vibrotáteis na variabilidade da força e no comando neural enviado a um músculo intrínseco da mão. Serão registrados e analisados os sinais de força e eletromiograma de alta densidade, este último possibilitando a análise dos trens de disparos de potenciais de ação de unidades motoras recrutadas durante a realização das tarefas. Para o estudo computacional será utilizado um modelo multiescala e biologicamente plausível do sistema neuromuscular. O uso do modelo será fundamental para prover subsídios teóricos/conceituais acerca dos mecanismos envolvidos nos achados experimentais. Os resultados deste projeto permitirão o avanço no conhecimento sobre o controle neurofisiológico da força muscular, que é de fundamental importância para futuras aplicações clínicas e tecnológicas associadas à reabilitação sensório-motora.

Ocultar
EFEITOS DE MANIPULAÇÕES SENSORIAIS E BIOMECÂNICAS NO CONTROLE NEUROFISIOLÓGICO DA FORÇA MUSCULAR: EXPERIMENTOS E SIMULAÇÕES COMPUTACIONAIS

Coordenador Principal: Leonardo Abdala Elias

Início: 05/2018

Término: 04/2020


Resumo:

O controle da força gerada por músculos esqueléticos é realizado por uma complexa interação entre diferentes elementos dos sistemas nervoso, muscular e esquelético. De um ponto de vista neurofisiológico, a atividade das unidades motoras e de aferentes sensoriais são fundamentais para moldar a saída motora durante a realização de diferentes tarefas. Neste projeto de pesquisa o controle neurofisiológico da força muscular será estudado utilizando-se duas abordagens: i) a experimentação humana; e ii) simulações computacionais a partir de um modelo matemático do sistema neuromuscular. Os experimentos de controle de força serão realizados em sujeitos jovens e saudáveis e terão como objetivos avaliar os efeitos de alterações do ângulo articular e da aplicação de estímulos eletrotáteis e vibrotáteis na variabilidade da força e no comando neural enviado a um músculo intrínseco da mão. Serão registrados e analisados os sinais de força e eletromiograma de alta densidade, este último possibilitando a análise dos trens de disparos de potenciais de ação de unidades motoras recrutadas durante a realização das tarefas. Para o estudo computacional será utilizado um modelo multiescala e biologicamente plausível do sistema neuromuscular. O uso do modelo será fundamental para prover subsídios teóricos/conceituais acerca dos mecanismos envolvidos nos achados experimentais. Os resultados deste projeto permitirão o avanço no conhecimento sobre o controle neurofisiológico da força muscular, que é de fundamental importância para futuras aplicações clínicas e tecnológicas associadas à reabilitação sensório-motora. (AU)

Ocultar
EFEITOS DE PARES NA UNIVERSIDADE: COMO O DESEMPENHO DOS COLEGAS PODE INFLUENCIAR OS RESULTADOS ACADÊMICOS DOS ESTUDANTES

Coordenador Principal: Laeticia Rodrigues de Souza

Início: 01/2018

Término: 12/2019


Resumo:

Há uma extensa e crescente literatura sobre os efeitos dos pares. Diversas pesquisas investigam o papel das interações sociais para explicar uma série de comportamentos individuais. As escolas são ambientes importantes para o estudo destes efeitos. Uma parcela considerável da acumulação de capital humano ocorre nas escolas e isso tem consequências sobre a produtividade individual e os salários, por exemplo. Este projeto propõe-se a investigar a existência de efeitos de pares em indicadores acadêmicos (como o rendimento semestral global (RSG), as notas em cursos obrigatórios, os créditos concluídos, as taxas de abandono e de retenção) em um país em desenvolvimento. Nós exploramos as especificidades do processo de admissão de alunos em uma universidade federal brasileira, o que funciona como um experimento natural. Indivíduos que são comparáveis em termos de seu desempenho acadêmico anterior - de acordo com sua pontuação no Vestibular - acabam tendo colegas com melhor ou pior desempenho na faculdade devido à regra de atribuição de alunos para turmas no primeiro ou no segundo semestre. Assim, nossa estratégia de identificação para estimar os efeitos dos pares sobre os resultados acadêmicos elimina a auto-seleção endógena para determinados grupos, o que de outra forma minaria a inferência causal dos efeitos de pares. Este projeto é um passo necessário para que investiguemos o impacto da qualidade dos pares nos salários usando o mesmo experimento natural. Esta agenda futura nos permitirá aprofundar nossa compreensão de como os efeitos de pares também podem ter impactos no longo prazo.

Ocultar
EFEITOS DE PARES NA UNIVERSIDADE: COMO O DESEMPENHO DOS COLEGAS PODE INFLUENCIAR OS RESULTADOS ACADÊMICOS DOS ESTUDANTES

Coordenador Principal: Laeticia Rodrigues de Souza

Início: 01/2018

Término: 03/2020


Resumo:

Há uma extensa e crescente literatura sobre os efeitos dos pares. Diversas pesquisas investigam o papel das interações sociais para explicar uma série de comportamentos individuais. As escolas são ambientes importantes para o estudo destes efeitos. Uma parcela considerável da acumulação de capital humano ocorre nas escolas e isso tem consequências sobre a produtividade individual e os salários, por exemplo. Este projeto propõe-se a investigar a existência de efeitos de pares em indicadores acadêmicos (como o rendimento semestral global (RSG), as notas em cursos obrigatórios, os créditos concluídos, as taxas de abandono e de retenção) em um país em desenvolvimento. Nós exploramos as especificidades do processo de admissão de alunos em uma universidade federal brasileira, o que funciona como um experimento natural. Indivíduos que são comparáveis em termos de seu desempenho acadêmico anterior - de acordo com sua pontuação no Vestibular - acabam tendo colegas com melhor ou pior desempenho na faculdade devido à regra de atribuição de alunos para turmas no primeiro ou no segundo semestre. Assim, nossa estratégia de identificação para estimar os efeitos dos pares sobre os resultados acadêmicos elimina a auto-seleção endógena para determinados grupos, o que de outra forma minaria a inferência causal dos efeitos de pares. Este projeto é um passo necessário para que investiguemos o impacto da qualidade dos pares nos salários usando o mesmo experimento natural. Esta agenda futura nos permitirá aprofundar nossa compreensão de como os efeitos de pares também podem ter impactos no longo prazo. (AU)

Ocultar
ESTUDO DAS INTERAÇÕES E FUNÇÕES MICROBIANAS EM RESERVATÓRIOS DE PETRÓLEO BRASILEIROS

Coordenador Principal: Valeria Maia Merzel

Início: 11/2015

Término: 02/2020


Resumo:

O petróleo é uma mistura complexa de hidrocarbonetos e outros compostos orgânicos. Devido à sua importância econômica e energética, o petróleo tornou-se extremamente importante para o funcionamento de nossa sociedade. O petróleo brasileiro tem características muito próprias, com uma predominância de óleos pesados, qualidade esta, relacionada com a atividade microbiana, visto que os micro-organismos presentes no petróleo podem atuar na degradação de hidrocarbonetos leves, modificando as características físico-químicas do óleo. Assim, torna-se necessário conhecer a microbiologia dos reservatórios de petróleo brasileiros, a fim de criar e melhorar as estratégias de recuperação e utilização destes óleos. Os métodos clássicos de microbiologia, apesar de importantes e rotineiramente utilizados, fornecem informações sobre apenas 0,01 a 3% dos micro-organismos presentes em ambientes naturais. Neste sentido, a aplicação de metodologias de biologia molecular para estudar micro-organismos em ambientes naturais sem a necessidade de isolamento e cultivo prévios tem se disseminado amplamente nas últimas décadas. Este projeto propõe, portanto, a utilização de técnicas independentes de cultivo para a avaliação da composição da microbiota e da expressão de genes em amostras de petróleo de reservatórios brasileiros a fim entender os processos metabólicos responsáveis pela degradação do óleo, assim como as interações entre os micro-organismos e seus mecanismos de sobrevivência neste ambiente inóspito.

Ocultar
ESTUDO DE PROPRIEDADES REOLÓGICAS E TERMODINÂMICAS DE FORMULAÇÕES ÁCIDAS AUTO DIVERGENTES OU EMULSIONADAS PARA UTILIZAÇÃO EM OPERAÇÕES DE ESTIMULAÇÃO DE POÇOS EM RESERVATÓRIOS CARBONÁTICOS.

Coordenador Principal: Edvaldo Sabadini

Início: 05/2016

Término: 05/2020


Resumo:

Estudar as propriedades reológicas e termodinâmicas de formulações ácidas auto divergentes ou emulsionadas em estimulação de poços em reservatórios carbonáticos.

Ocultar
ESTUDO DO TRANSPORTE CELULAR E SUBCELULAR DE CÁLCIO NO MIOCÁRDIO DURANTE O ENVELHECIMENTO

Coordenador Principal: Rosana A. Bassani


Resumo:

Neste projeto, pretende-se estimar os fluxos de Ca2+ por diferentes vias de transporte e compartimentos (e.g., retículo sarcoplasmático, mitocôndrias, meio extracelular) em miócitos isolados do coração de ratos idosos, bem como investigar a função de mitocôndrias isoladas desses corações sob diversos aspectos. Pretende-se também avaliar quantitativamente (in vivo) o desenvolvimento de fragilidade anatômica e funcional em cada animal ao longo do envelhecimento desde o estágio de adulto jovem. Busca-se aqui, por meio do estudo das modificações fisiológicas durante o envelhecimento de indivíduos saudáveis, identificar alterações cardíacas que os predisponham ao aparecimento de doenças, e possíveis relações com processo de fragilização que ocorre durante o envelhecimento, porém com considerável variabilidade interindividual.

Ocultar
ESTUDO MOLECULAR E FUNCIONAL DA SÍNDROME DE USHER UTILIZANDO SEQUENCIAMENTO MASSIVO, ZEBRAFISH E SISTEMA CRISPR/CAS9

Coordenador Principal: Edi Lúcia Sartorato

Início: 11/2017

Término: 01/2020


Resumo:

Síndrome de Usher é uma doença hereditária autossômica recessiva caracterizada por deficiência auditiva e perda progressiva da visão. A perda da visão se dá devido à retinose pigmentar, uma doença degenerativa da retina que geralmente aparece na adolescência ou início da idade adulta. Um protocolo global de diagnóstico molecular para a síndrome de Usher tem sido dificultado pela heterogeneidade genética, pelo grande número de éxons de cada gene a analisar e pelos altos custos associados com a aplicação de técnicas convencionais. Tecnologias de alto desempenho desenvolvidas recentemente são, portanto, necessárias para facilitar a detecção do gene e mutações envolvidos, fornecer uma estimativa de sua prevalência na população, lançando assim uma base para a sua constituição como um complemento para o diagnóstico clínico e prognóstico em programas de triagem auditiva neonatal. É importante destacar que não há, até o momento, dados na literatura envolvendo um amplo estudo dos genes associados à síndrome de Usher em pacientes brasileiros. Dessa forma, neste estudo pretende-se fazer a identificação de alterações envolvidas na Síndrome de Usher e as consequências funcionais dessas alterações por meio das seguintes estratégias: 1 - Inicialmente utilização de técnica high-througput (whole exome) para identificação das alterações; 2 - Validação do fenótipo utilizando estudo in vivo em zebrafish (peixe paulistinha) por meio de knock-in com o sistema CRISPR/cas9 para observação das consequências das alterações no fenótipo desses animais. As alterações encontradas também serão analisadas com objetivo de compreender origem e distribuição destas mutações na população brasileira. Assim, pretende-se analisar ancestralidade dos indivíduos definindo os componentes étnicos nos genomas dos indivíduos portadores destas mutações; avaliar índices de identidade por descendência entre as pares dos indivíduos e localizar os segmentos genômicos de homozigose estendida; eventualmente estimar a idade de mutações, o tempo em gerações do ancestral comum mais recente de uma determinada mutação, evidentemente este último ítem ficará condicionado aos achados do projeto. Os resultados contribuirão para a elucidação dos casos de etiologia desconhecida, identificação precoce das famílias de risco e otimização de testes de diagnóstico molecular para a triagem da perda auditiva em indivíduos brasileiros surdos com suspeita de Usher para melhor prognóstico, tratamento e aconselhamento genético, além de poder entender as bases genéticas dessa condição. (AU)

Ocultar
FAMÍLIAS E POLÍTICAS HABITACIONAIS: OS ARRANJOS FAMILIARES E DOMICILIARES NO UNIVERSO DA PRODUÇÃO HABITACIONAL DA COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO HABITACIONAL E URBANO (SP)

Coordenador Principal: Cimar Aparicio

Início: 04/2018

Término: 03/2019


Resumo:

O objetivo deste projeto é o estudo das características sociodemográficas das famílias residentes nas unidades habitacionais da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (SP) no Estado de São Paulo no contexto das mudanças nas famílias contemporâneas.

Ocultar
FEMINISMOS NEGROS CONTEMPORÂNEOS E MERCADO: O DISCURSO DO EMPODERAMENTO COMO MEDIADOR DE ESPAÇOS DE ENUNCIAÇÃO

Coordenador Principal: Regina Facchini

Início: 12/2018

Término: 11/2020


Resumo:

Este projeto tem como tema a relação entre algumas formas contemporâneas de engajamento e a ampliação dos espaços de aparição e diálogo entre mulheres negras brasileiras propiciados, sobretudo, pelas redes sociais e pelas novas mídias. O objetivo específico da pesquisa é refletir de forma mais sistemática a respeito do modo como o termo empoderamento tem sido utilizado enquanto um dispositivo discursivo que agrega um conjunto bastante diverso de experiências de inserção feminina e negra nos espaços de poder, tendo em vista as ambivalências e conflitos inscritos nestes processos. Interessa-me, portanto, compreender como a circulação do termo empoderamento em variados discursos torna-se um instrumento retórico eficaz para uma diversidade de práticas que se situam entre o fortalecimento e difusão do feminismo negro e a legitimação de certas práticas de perfil "empreendedor". A análise se dará em duas etapas: pela reconstrução histórica da categoria empoderamento, por meio de uma revisão bibliográfica, e pela pesquisa de campo com o acompanhamento dos discursos sobre empoderamento, em ambientes on/off-line, envolvendo três redes de mulheres, quais sejam, (a) a rede colaborativa online Blogueiras Negras; (b) a rede Negras Empoderadas, dedicada ao fortalecimento de um grupo de debates entre mulheres negras "bem-sucedidas"; e (c) o projeto Plano de Menina, que desenvolve cursos de formação para jovens habitantes das regiões periféricas da zona sul de São Paulo. Minha hipótese é de que o amplo uso da categoria empoderamento tem desempenhado um papel central na mediação e enunciação de demandas de um sujeito político cada vez mais complexo e multifacetado, cujas formas de subjetividade e consciência estão implicadas com as transformações nas dinâmicas de trabalho propiciadas pelos avanços do chamado "capitalismo flexível".

Ocultar
FOMENTO À FORMAÇÃO DE RECURSOS HUMANOS EM GEOFÍSICA POR MEIO DA CRIAÇÃO DO PRHPB 230.

Coordenador Principal: Joerg Dietrich Schleicher

Início: 06/2013

Término: 09/2021


Resumo:

Visa complementar a formação dos alunos nos cursos de graduação, mestrado e doutorado, em temas relacionados à Geofísica, da UNICAMP; gerar pesquisa aplicada e promover a especialização de profissionais para atender a demanda do setor de Petróleo, Gás, Energia e Biocombustíveis.

Ocultar
FORMAÇÃO DE RECURSOS HUMANOS EM GESTÃO DE INCERTEZAS E TOMADAS DE DECISÕES.

Coordenador Principal: Denis José Schiozer

Início: 05/2015

Término: 05/2020


Resumo:

Fomento à formação de recursos humanos em gestão de incertezas e tomada de decisão: um programa BG/Shell fellowship

Ocultar
GESTIÓN DE AGUA POTABLE, ALCANTARILLADO Y SANEAMENTO FRENTE A LAS CRISIS HÍDRICAS EN MÉXICO Y BRASIL

Coordenador Principal: Miguel Hernández

Início: 10/2017

Término: 09/2019


Resumo:

La escasez de agua potable, los deficientes mecanismos de alcantarillado y saneamiento tienen fuertes repercusiones en la vida cotidiana de miles de ciudadanos en toda América Latina. La situación se vuelve más compleja para quienes habitan en las periferias de las ciudades, espacios sociales donde la deficiente calidad de los servicios públicos (agua, alcantarillado, saneamiento, energía eléctrica, pavimentación) es la expresión más evidente de la segregación socioterritorial. El objetivo de esta investigación es analizar cómo los ciudadanos que viven en las periferias de São Paulo y la Ciudad de México enfrentan complejos periodos de crisis hídrica. Por otro lado, se busca identificar la relación entre esos periodos de crisis con los modelos de gestión de agua potable, alcantarillado y saneamiento que se han diseñado y ejecutado desde los ámbitos institucionales en México y Brasil. De esa manera se pretende entender la crisis hídrica en una dimensión sociocultural e institucional.

Ocultar
GOVERNANÇA DA AMAZÔNIA PARA VIABILIZAR TRANSFORMAÇÕES PARA A SUSTENTABILIDADE

Coordenador Principal: Celia Regina Tomiko Futemma

Início: 11/2018

Término: 10/2021


Resumo:

A Bacia Amazônica é uma região considerada chave e única globalmente: em termos locais, continental e global, esta região hospeda um leque enorme de serviços ambientais, diversidade cultural e atividades econômicas. Governar essas múltiplas dimensões em meio às pressões socioambientais, mudanças "climáticas é um dos desafios mais prementes e preocupantes para a sustentabilidade. Enquanto soluções com aval do governo são comumente vistas como rotas para a sustentabilidade, muitas das iniciativas de manejo florestal sustentável na Amazônia são de indivíduos (cidadãos) ou da coletividade. Esta proposta contribuirá com abordagens e ferramentas analíticas de modo a catalisar o reconhecimento e as contribuições de soluções já existentes - mas que estão frequentemente dispersas, e voltadas para a proteção e governança da biodiversidade e das paisagens. Organizado em três grandes Working Packages (Pacotes de Trabalho), o projeto inclui o engajamento dos vários stakeholders (agentes sociais), análises multi-temporais de mudanças da terra em múltiplas unidades de análise, modelos de previsão de ações de conservação local, modelos prognósticos de cenários potenciais de conectividade da paisagem e cenários de participação e desenvolvimento que representem as diferentes visões dos stakeholders. O projeto desenvolverá metodologias inovadoras e transversais para avaliar, mapear e quantificar o papel dos agentes sociais civis e das ações individuais e coletivas voltado para a conservação e usar esses resultados para envolver e informar os tomadores de decisão. O projeto visa responder à Convenção da Diversidade Biológica COP 13, a qual exigiu que os países signatários contribuam com a sociedade civil na conservação da biodiversidade. Lições da bacia Amazônica, portanto, serão relevantes para as várias regiões do Hemisfério Sul uma vez que elas compartilham semelhanças no contexto nacional e global. (AU)

Ocultar
HIPOTIREOIDISMO E EFEITOS CARDÍACOS DA TIREOTROFINA

Coordenador Principal: Oscar Casis


Resumo:

O hipotireoidismo é a disfunção endócrina mais comum em todo o mundo. Enquanto as alterações cardiovasculares decorrentes desta doença têm sido atribuídas à deficiência de hormônios tireoideanos, pouco se conhece sobre o impacto sobre o coração do hormônio tireotrófico hipofisário, cujos níveis plasmáticos estão tipicamente elevados no hipotireoidismo primário. Neste projeto, além de desenvolver-se modelos animais de hipotireoidismo com diferentes perfis de hormônio tireotrófico, investiga-se, utilizando uma variedade de preparações cardíacas e ferramentas metodológicas, a possível participação do hormônio tireoestimulante na geração de alterações elétricas que possam facilitar o aparecimento de arritmias cardíacas.

Ocultar
INCT 2014: CENTRO DE QUÍMICA MEDICINAL DE ACESSO ABERTO

Coordenador Principal: Paulo Arruda

Início: 07/2017

Término: 06/2023


Resumo:

Muitas das descobertas da área em rápida expansão da genômica não são efetivamente utilizadas na medicina, agricultura e indústria. Isto acontece em parte por causa da falta de cooperação entre cientistas de disciplinas diferentes e também pelo fato de muito da pesquisa translacional feita na indústria e academia ser protegida por patentes e, portanto, não publicada no tempo oportuno. Nossa proposta INCT procura atacar estes problemas de duas formas. A primeira através da criação de uma rede altamente integrada de pesquisadores de diferentes disciplinas (genética, bioquímica, química medicinal, biologia celular e do desenvolvimento) e a segunda através do comprometimento com a pesquisa de livre acesso: todos os dados e reagentes gerados serão de livre acesso a qualquer pesquisador, dentro ou fora de nossa proposta, sem nenhuma restrição. Nossa proposta INCT visa explorar o potencial de genes relevantes medicamente focando nas proteínas codificadas por estes genes e desenvolvendo um pacote de ferramentas que permitirão a pesquisa nessas proteínas. Esse pacote de ferramentas incluirá clones de expressão gênica, protocolos de purificação de proteínas, anticorpos, estruturas cristalográficas e inibidores químicos. Esses conjuntos de reagentes (ou pacotes) irão permitir com que a comunidade cientifica expanda muito sua capacidade. A fim de garantir que os cientistas locais se beneficiem dessas ferramentas, nosso INCT apresenta o compromisso de disponibilizá-Ias livremente a todos cientistas interessados. Nosso projeto está focado na facilitação da pesquisa em proteínas pois proteínas específicas frequentemente representam o "elo perdido" entre a genética e estudos funcionais/médicos. O estudo detalhado das proteínas codificadas por um gene selvagem e o correspondente mutado em doenças ou proteínas-alvo em doenças parasitárias, são frequentemente pouco estudadas. Nosso INCT será formado em torno de um laboratório central na UNICAMP, em colaboração com o Consórcio de Genômica Estrutural (Structural Genomics Consortium - SGC; www.thesgc.org) e seus laboratórios nas universidades de Oxford e Toronto. Os grupos colaboradores componentes da rede do INCT irão escolher uma lista de genes alvo relacionados a sua pesquisa, conjuntamente com indicações de grupos colaboradores da parte de genética médica. Nosso laboratório central irá clonar, purificar, cristalizar e determinar as estruturas atômicas das proteínas codificadas. Nossos grupos componentes irão colaborar no desenvolvimento de ensaios funcionais para cada uma das proteínas de interesse (por exemplo: ensaios de atividade enzimática, interação com ligantes e/ou outras proteínas), buscando o entendimento da função destas proteínas alvo. Além disto, nosso laboratório central irá otimizar e realizar ensaios de rastreamento de pequenas moléculas para encontrar moléculas de ponto de partida para desenvolvimento de inibidores. Os laboratórios colaboradores irão usar o conhecimento e reagentes gerados pelos estudos proteicos para formular e testar hipóteses no contexto celular e fisiológico relevante. O objetivo chave de nosso INCT será a geração de 15 kit facilitadores de descoberta (ou do inglês Target Enabling Packages - TEPs), os quais consistem de: clones; métodos para purificação e cristalização de proteínas; ensaios de atividade; pequenas moléculas ponto de partida para desenvolvimento de sondas químicas e novas drogas; além de um conjunto de informação tais como: proteômica, impacto das mutações na função da proteína e fisiologia da proteína alvo. Os TEPs serão utilizados imediatamente pelos grupos do INCT para desenvolvimento seguinte de moléculas ainda mais potentes e ensaios celulares ainda mais complexos. Entretanto, um ponto chave de nossa proposta é o acesso irrestrito aos dados: uma vez que o kit estiver montado, ele será publicado no website de nosso INCT e em revistas científicas, com um mecanismo de distribuição de clones e reagentes sem restrição de uso. Adicionalmente aos projetos dos grupos envolvidos neste INCT, nós iremos criar um mecanismo de nomeação aberto de alvos para desenvolvimento de TEPs, de forma que qualquer laboratório do Brasil possa sugerir novos genes. Estas sugestões serão avaliadas e prioritarizadas pelo grupo gestor do INCT, que usará critérios que permitam exploração mesmo de alvos mais especulativos. Os laboratórios que nomearem genes poderão usar o expertise e infraestrutura criada por nosso INCT para gerar proteínas, estrutura inicial e ensaios funcionais. Após experimentos exploratórios iniciais, cada projeto será avaliado e, quando apropriado, desenvolvido e um projeto completo. Todos laboratórios que quiserem nomear genes terão que concordar com a liberação de dados e reagentes no final da execução do projeto. Uma das inovações de nossa proposta consiste na transposição do conhecimento adquirido no desenvolvimento de TEP da biomedicina para a agricultura. Alvos chaves em plantas, majoritariamente proteínas da classe das quinases, potencialmente relacionadas com a resposta a stress abiótico, irão entrar no nosso pipeline. As ferramentas desenvolvidas para estas proteínas serão usadas para responder questões relacionadas a resposta da planta a stress abiótico. Estas ferramentas serão disponibilizadas para a comunidade que estuda plantas sem nenhuma restrição. Em resumo, nosso INCT propõe criar uma rede coordenada de grupos em colaboração com o consórcio internacional altamente bem-sucedido e estabelecido Structural Genomics Consortium para promover o uso das descobertas genéticas no desenvolvimento da Medicina, da agricultura e da indústria. (AU)

Ocultar
INSTRUMENTAÇÃO E MÉTODOS APLICADOS A AVALIAÇÃO URODINÂMICA NÃO-INVASIVA NO HOMEM

Coordenador Principal: José Wilson Magalhães Bassani


Resumo:

A incidência de HBP é de cerca de 50% em homens com idade superior aos 60 anos com sintomas tais como dificuldade para urinar, polaquiúria, noctúria, entre outros. O estudo pressão-fluxo, em que se avalia a pressão vesical e o fluxo urinário, é o exame indicado para o diagnóstico de obstrução infravesical porém é invasivo, demorado, de custo elevado e não está livre de riscos (e.g. dor, infecções). Em trabalho anterior desenvolvemos um dispositivo, denominado conector uretral, que possibilita a medição da pressão vesical de modo minimamente invasivo. Neste projeto os objetivos são: a) desenvolver uma nova versão para medição automática do fluxo urinário e da pressão vesical; b) desenvolver modelos matemáticos do trato urinário inferior, como ferramenta de auxílio ao diagnóstico; c) aplicar o dispositivo e instrumentação em testes clínicos para validação.

Ocultar
LABORATÓRIO NACIONAL PARA ESTUDO DO CÁLCIO CELULAR - LABNECC

Coordenador Principal: José Wilson Magalhães Bassani

Início: 08/2013

Término: 12/2018


Resumo:

O íon cálcio tem inúmeras funções no organismo. Cálcio é importante na divisão celular, na expressão genética, na respiração celular, nas atividades elétrica e contrátil muscular, etc. Neste projeto o objetivo geral é desenvolvimento de um laboratório integrado para estudo do transporte e regulação do cálcio celular (LabNECC – Laboratório nacional para estudo do cálcio celular) orbitado por outros 5 laboratórios satélites que juntos irão aplicar técnicas desenvolvidas no CEB-UNICAMP, para estudo do transporte e regulação de cálcio em várias condições experimentais. Os objetivos específicos iniciais são: a) integrar equipes com alta capacitação em diferentes temas para estudar aspectos funcionais em diferentes espécies animais (e.g. mamíferos, répteis e invertebrados), modelos de patologias (e.g. distrofia muscular, epilepsia/enxaqueca, hipertensão arterial/hipertrofia cardíaca), e uma abordagem ao coração humano. Todas as equipes irão atuar no estudo do transporte e regulação do cálcio celular; b) desenvolver métodos e técnicas para as diferentes preparações e condições experimentais; c) formar recursos humanos nos diferentes níveis e capacitar os laboratórios que, a partir do conhecimento adquirido, poderão trabalhar em vários aspectos de pesquisa e apoiar o desenvolvimento de novos medicamentos; d) divulgar o conhecimento em veículos científicos nacionais e internacionais.

Ocultar
LABORATÓRIO NACIONAL PARA GERENCIAMENTO DE TECNOLOGIA EM SAÚDE (LNGTS): TESTE FUNCIONAL EM EASS DA REGIÃO DE CAMPINAS – SP

Coordenador Principal: José Wilson Magalhães Bassani

Início: 12/2011

Término: 05/2019


Resumo:

Com apoio do Ministério da Saúde (MS), já está em funcionamento na UNICAMP um laboratório denominado de Laboratório Nacional para Gerenciamento de Tecnologia em Saúde (LNGTS, Convênio UNICAMP/FINEP nº 01-08-0637-00), com o propósito de abordar as questões envolvidas na gestão da tecnologia médica instalada no Brasil. Para implementar as ações principais do LNGTS foi desenvolvido e vem sendo otimizado um software para a Gestão de Tecnologia em Saúde (GETS – Convênio Ministério da Saúde/FNS/UNICAMP nº 4368/2005 e Convênio UNICAMP/FUNCAMP/FINEP nº 357/2008) que está em operação no Centro de Engenharia Biomédica (CEB) da UNICAMP desde março de 2010. O LNGTS consiste de uma Central de Informações em Tecnologia em Saúde (CITS), instalada na UNICAMP e Núcleos de Engenharia Clínica (NECs) localizados em vários locais do país. Os objetivos do presente projeto são: a) Criar condições para estabelecimento de novos NECs em EASs selecionados; b) Testar a funcionalidade da CITS para gestão da tecnologia instalada nos NECs, na região de Campinas, SP.

Ocultar
LIVRES, LIBERTOS E ESCRAVOS: DINÂMICA DA POPULAÇÃO E DA FAMÍLIA NO BRASIL MERIDIONAL (1772-1872)

Coordenador Principal: Ana Silvia Volpi Scott

Início: 03/2018

Término: 02/2022


Resumo:

Para contribuir na perspectiva da Demografia Histórica, da História Social e da História da Família do Brasil Meridional, darei continuidade ao estudo sobre o caso da freguesia da Madre de Deus de Porto Alegre, que conta agora com o banco de dados dos assentos paroquiais finalizado, entre 1772 e 1872. Este projeto, incorporará novos conjuntos documentais de caráter nominativo, visando analisar a dinâmica populacional e familiar dos segmentos de estatuto jurídico diferenciado: livres, forros e escravos. Com a finalização do levantamento das três séries de assentos paroquiais (batizados, casamentos e óbitos) o banco de dados, que utiliza o software NACAOB, reúne mais de 75.000 registros. Os dados serão explorados a partir de metodologias quantitativas, para dar subsídios ao estudos das variáveis demográficas, bem como serão utilizadas metodologias inspiradas na micro-história e nos seguimentos nominativos, visando a recomposição de trajetórias individuais e familiares, nos distintos grupos populacionais de estatuto jurídico diferenciado: livres, libertos e cativos.

Ocultar
MAPA GENÉTICO INTEGRADO E SELEÇÃO GENÔMICA AMPLA VISANDO CARACTERES DE IMPORTÂNCIA ECONÔMICA EM SERINGUEIRA

Coordenador Principal: Anete Pereira de Souza

Início: 12/2018

Término: 02/2022


Resumo:

A seringueira (Hevea brasiliensis), espécie originária da região Amazônica, apresenta grande importância para o cenário econômico mundial, sendo a maior fonte de borracha natural, matéria-prima de grande importância em diversos setores industriais devido à sua qualidade superior ao produto sintético. Um dos principais problemas encontrados no cultivo da seringueira é a Doença do Mal-das-Folhas, causada pelo fungo Pseudocercospora ulei. Uma alternativa encontrada para contornar esse problema foi o cultivo da seringueira em áreas de escape, nas quais esse fungo não se desenvolve, no entanto essas áreas apresenta condições adversas para o cultivo dessa espécie. O melhoramento genético de H. brasiliensis pode ajudar no desenvolvimento de clones melhores adaptados às condições de áreas de escape, por ser uma cultura perene, tem um longo ciclo de melhoramento. Neste contexto, muitos autores discutem que técnicas que possibilitem uma redução nesse tempo, sem reduzir os ganhos genéticos, podem ser de grande importância nos programas de melhoramento. A construção de um mapa genético integrando três populações de mapeamento, avaliadas em diferentes ambientes, contribuirá para o mapeamento de muitos outros genes de importância econômica também chamados de QTLs (Quantitative Trait Loci), e para isso os SNPs (Single Nucleotide Polymorphism), podem ser ferramentas importantes. Neste projeto temos o objetivo de desenvolver um mapa genético integrado utilizando marcadores SSRs e SNPs para a identificação de QTLs, que podem ser utilizados para seleção de seringueiras que apresentam melhor desempenho em áreas de escape. Além dessa estratégia de melhoramento molecular, ainda propomos aplicar pela primeira vez a Seleção Genômica (GS) em seringueira com o objetivo de predizer a performance fenotípica dos indivíduos e identificar marcadores moleculares associados à característica de importância econômica para a espécie. A aplicação das diferentes técnicas de análise permitirá uma comparação entre os marcadores identificados associados aos QTLs no mapa genético de ligação foi também identificada pela GS, avaliando assim a acurácia das metodologias utilizadas. Além disso, avaliaremos a possibilidade da aplicação de GS nos programas de melhoramento de seringueira. (AU)

Ocultar
MAPEAMENTO DE ASSOCIAÇÃO EM CANA-DE-AÇÚCAR VISANDO À TOLERÂNCIA AO VÍRUS DO AMARELECIMENTO FOLIAR

Coordenador Principal: Anete Pereira de Souza

Início: 01/2019

Término: 02/2020


Resumo:

O cultivo de cana-de-açúcar (Saccharum spp.) tem importância indiscutível na economia brasileira, somando mais de 11 bilhões de dólares em exportações em 2016. O melhoramento desta cultura é marcado por sua complexidade genética - além de altamente poliploide, seu genoma frequentemente apresenta aneuploidias, o que dificulta pesquisas na área e contribui para que o desenvolvimento de novas cultivares seja um processo longo e laborioso. Uma das principais viroses que afeta esta cultura é o amarelecimento foliar da cana-de-açúcar, causada pelo vírus homônimo (SCYLV, do inglês Sugarcane Yellow Leaf Virus). Os sintomas mais comuns decorrentes da infecção são o amarelecimento das nervuras foliares e a clorose foliar, mas casos assintomáticos são frequentes. Na década de 1990, o amarelecimento foliar causou perdas de 50% da produção brasileira de cana-de-açúcar, e atualmente seu agente causal é endêmico nas principais regiões sucroalcooleiras do Brasil e do mundo. Por consequência, a resistência ao SCYLV é de grande relevância no melhoramento da cana-de-açúcar, mas são poucos os estudos genéticos que investigaram a fundo este assunto, em especial no Brasil. O presente projeto propõe, portanto, a realização de um estudo de associação genômica ampla em um painel de cana-de-açúcar do Instituto Agronômico de Campinas, visando à resistência à infecção pelo SCYLV. Os indivíduos serão genotipados pelo método recente de genotipagem-por-sequenciamento (GBS), que permitirá a estimativa da dosagem alélica de uma grande quantidade de marcadores. Para a fenotipagem, a titulação viral será determinada por ensaios de transcrição reversa seguida de reação em cadeia de polimerase quantitativa (RT-qPCR), que estimará os níveis de infecção com grande precisão. Com o emprego de abordagens diversas na análise de associação, pretendemos identificar marcadores e genes associados à resistência ao SCYLV que contribuirão para a compreensão geral deste processo e que poderão ser futuramente empregados no melhoramento da cana-de-açúcar.

Ocultar
MECANISMOS DE ADAPTAÇÃO AO ESTRESSE EM MICROBIOMA DE SEDIMENTOS DA ILHA VULCÂNICA DECEPTION NA ANTÁRTICA MARÍTIMA

Coordenador Principal: Valeria Maia Merzel

Início: 06/2017

Término: 05/2021


Resumo:

A Ilha Deception possui características peculiares, uma vez que esta ilha é um vulcão em atividade cuja cratera foi inundada pela água do mar. Devido à extensão limitada no espaço e no tempo das estações de pesquisa que existiram na ilha Deception, esta apresenta-se bastante preservada, sendo mínimo o impacto antrópico. Dentre as diferentes pressões seletivas do ambiente Antártico, estão: baixa temperatura, dessecação, hipersalinidade, elevada radiação UVA e UVB, além de baixa concentração de nutrientes. Assim, mecanismos de tolerância aos diferentes fatores ambientais "extremos" são necessários à sobrevivência no Continente Antártico. Dentre essas estratégias, se destacam proteínas e chaperonas de estresse especializadas neste tipo de ambiente, como proteínas de estresse em baixa temperatura (cold stress response proteins), proteínas de choque-térmico (Heat Shock Proteins - HSP), e antioxidantes produzidos em resposta ao estresse oxidativo, além dos genes de resistência a antibióticos (ARGs). Neste sentido, o objetivo deste projeto é a análise comparativa do microbioma de solos da Ilha Deception - Antártica, sob diferentes temperaturas, com enfoque em genes de resposta ao estresse. Para isto, será empregada uma abordagem integrada de metagenômica e metatranscriptômica, baseada em sequenciamento em larga escala de amostras ambientais e de clones fosmidiais, e subsequentes análises de bioinformática para montagem, predição e anotação em bancos de dados específicos. Os resultados esperados incluem a obtenção de informações inéditas acerca da diversidade filogenética e funcional presente nas amostras em estudo de maneira a contribuir para a compreensão das interações microbianas e mecanismos moleculares que suportam a vida nas condições extremas dos ambientes Antárticos. (AU)

Ocultar
METODOLOGIAS PARA DESENVOLVIMENTO DE CAMPOS DE PETRÓLEO COM FOCO EM INTEGRAÇÃO COM SISTEMAS DE PRODUÇÃO.

Coordenador Principal: Denis José Schiozer

Início: 12/2016

Término: 12/2020


Resumo:

Aprofundar o desenvolvimento, aplicação e avaliação de metodologias para o processo de análise de decisão ligado ao desenvolvimento de reservatórios de petróleo.

Ocultar
MÉTODOS MULTI-ESCALA PARA A SIMULAÇÃO NUMÉRICA DE RESERVATÓRIOS DE PETRÓLEO.

Coordenador Principal: Eduardo Cardoso de Abreu

Início: 12/2016

Término: 11/2020


Resumo:

Desenvolvimento de um simulador multifásico que faça uso de métodos multi-escala tendo em vista a sua utilização em reservatórios de petróleo discretizados por malhas grandes, podendo chegar a bilhão de células.

Ocultar
MIGRAÇÃO E MOBILIDADE ESPACIAL NOS LIMITES AMAZÔNICOS: MARANHÃO E TOCANTINS

Coordenador Principal: Alberto Augusto Eichman Jakob

Início: 03/2017

Término: 02/2020


Resumo:

Este projeto tem como objetivo principal o estudo da mobilidade espacial recente da população na Amazônia brasileira, seja ela expressa por meio da migração (principalmente internacional, mas também interna), ou por meio da mobilidade populacional diária, com especial ênfase em Maranhão e Tocantins e sua relação com os vizinhos Piauí, Goiás e Pará.
O estudo desta mobilidade envolverá também conhecer o perfil das pessoas que realizam tais descolamentos, assim como sua condição ou qualidade de vida atual. Tal conhecimento é de muita importância também para o correto planejamento de políticas públicas específicas para este tipo de migrante na região.

Ocultar
MOBILIDADE ESPACIAL DA POPULAÇÃO E A CONSOLIDAÇÃO DE NOVAS CENTRALIDADES NAS REGIÕES DE INFLUÊNCIA DAS ÁREAS DE CONCENTRAÇÃO POPULACIONAL DO BRASIL

Coordenador Principal: Carlos Lobo

Início: 03/2018

Término: 02/2019


Resumo:

A migração e a mobilidade pendular têm sido utilizadas como indicadores de interação entre cidades, especialmente do nível de centralidade exercido pelo core metropolitano. Contudo, os fluxos espaciais da população envolvem um amplo leque processos sociais, que permitem, inclusive, a análise da organização e distribuição regional das atividades econômicas. Esse projeto tem como principal objetivo a avaliação da mobilidade espacial da população e a consolidação de novas centralidades econômicas nas Regiões de Influência (RIs) das Áreas de Concentração Populacional (ACPs), como definido pelo IBGE, tendo como base os fluxos migratórios e os movimentos pendulares intermunicipais identificados pelos censos demográficos de 1991, 2000 e 2010.

Ocultar
MOBILIDADE INTRA-URBANA E SEGREGAÇÃO SÓCIO-ESPACIAL NAS METRÓPOLES PAULISTAS.

Coordenador Principal: José Marcos Pinto da Cunha

Início: 06/2013

Término: 05/2018


Resumo:

O plano de pesquisa está estruturado a partir de três linhas de atividades: 1) pesquisa: o objetivo principal do projeto de pesquisa é examinar o papel das políticas governamentais na redução da pobreza e da desigualdade no Brasil. Este objetivo desdobra-se em quatro questões empíricas de pesquisa: a) compreender e mensurar a evolução das desigualdades sociais nos campos da: saúde, raça, migração, mercado de trabalho, renda, moradia e desenvolvimento urbano, educação, gênero e comportamento político. "Como o Brasil mudou-nos. Últimos 50 anos" é o título provisório do livro planejado como primeiro produto do Centro, que se baseia na análise comparada dos dados dos censos produzidos entre de 1960 e 2010; b) examinar o efeito independente das políticas públicas nas condições sociais e na redução das desigualdades. Três áreas receberão atenção especial nessa investigação, devido a sua importância na análise de políticas públicas comparadas: educação, saúde e mercado de trabalho; c) investigar o papel das instituições políticas decisórias no campo das políticas redistributivas, particularmente, em como as instituições afetam o comportamento eleitoral e o processo legislativo. Nesse caso, as políticas públicas (redistributivas) serão tomadas como variável dependente, resultante do processo político; d) mapear formas alternativas de governança das áreas urbanas e suas conexões com o Estado, para compreender melhor "quem governa o quê?". Este componente do projeto objetiva analisar padrões de governança que escapam do controle do Estado e de suas instituições. 2) educação e difusão do conhecimento: os principais objetivos dessa área são: a) aumentar a informação da população acerca das politicas públicas; b) "alfabetizar" jornalistas e decisores políticos sobre o estado da arte das pesquisas em políticas públicas; c) disseminar conhecimento e resultados de pesquisas produzidas no Centro para professores e estudantes do ensino-médio; d) tornar o Centro interlocutor constante e indispensável no debate público, dando mais visibilidade à pesquisa e aos pesquisadores. 3) transferência de tecnologia: os principais objetivos dessa área são: a) prover assessoria técnica e expertise a agências e órgãos governamentais; b) consolidar e aperfeiçoar os recursos de geoprocessamento do Centro; c) atualizar o curso de Terra View Política Social; d) criar um curso a distância de Terra View Politica Social; e) criar um curso de análise de dados como R

Ocultar
MODELAGEM MATEMÁTICA MULTI-ESCALA DO SISTEMA NEUROMUSCULAR PARA O ESTUDO DA INFLUÊNCIA DA ESCLEROSE LATERAL AMIOTRÓFICA NO CONTROLE DA FORÇA MUSCULAR

Coordenador Principal: Leonardo Abdala Elias

Início: 06/2017

Término: 05/2020


Resumo:

A modelagem matemática e a simulação computacional têm sido utilizadas para estudar o funcionamento do sistema neuromuscular humano, possibilitando um maior entendimento dos mecanismos neurofisiológicos e biomecânicos responsáveis pelo controle do movimento. A vantagem desta abordagem é que, por meio de modelos matemáticos multi-escala, pode-se estudar como mecanismos que operam em um nível celular e/ou molecular podem influenciar os comportamentos motores observados em escalas macroscópicas, como por exemplo, a geração da força muscular e do eletromiograma. Poucos estudos têm utilizado esta abordagem (baseada em neurociência computacional) para investigar como o funcionamento do sistema neuromuscular é alterado quando este está sujeito a patologias neurodegenerativas. Especificamente, no caso da esclerose lateral amiotrófica (ELA) existem modelos matemáticos que representam as características dinâmicas de neurônios motores individuais obtidos de modelos animais da ELA. No entanto, não é de nosso conhecimento um modelo que seja capaz de investigar como as características de neurônios motores individuais, com dinâmicas tipicamente encontradas em modelos animais da ELA, influenciam o controle da força de um dado músculo ou grupo muscular. Neste sentido, este projeto tem por objetivo desenvolver um modelo matemático multi-escala e biologicamente plausível do sistema neuromuscular que permita avaliar como alterações neuromotoras típicas da ELA irão influenciar a geração da força e do eletromiograma. Com isso pretende-se entender de um ponto de vista teórico/conceitual quais mecanismos desta patologia neurodegenerativa têm maior influência no controle de tarefas motoras desempenhadas por pacientes acometidos por ELA. O modelo será desenvolvido em plataformas de software livre e ficará disponível gratuitamente na Internet para que outros grupos possam simulá-lo e aperfeiçoá-lo, tornando-se assim a primeira plataforma de simulação do sistema neuromuscular para estudo da influência de uma patologia neurodegenerativa no controle motor humano.

Ocultar
MODELAGEM MATEMÁTICA MULTI-ESCALA DO SISTEMA NEUROMUSCULAR PARA O ESTUDO DA INFLUÊNCIA DA ESCLEROSE LATERAL AMIOTRÓFICA NO CONTROLE DA FORÇA MUSCULAR

Coordenador Principal: André Fabio Kohn


Resumo:

A modelagem matemática e a simulação computacional têm sido utilizadas para estudar o funcionamento do sistema neuromuscular humano e têm auxiliado no entendimento dos mecanismos neurofisiológicos e biomecânicos por trás do controle do movimento. A vantagem desta abordagem é que, por meio de modelos matemáticos multi-escala, pode-se estudar como mecanismos que operam em um nível celular e/ou molecular podem influenciar os comportamentos motores observados em escalas macroscópicas, como por exemplo, a geração da força muscular e do eletromiograma. Poucos estudos têm utilizado esta abordagem (baseada em Neurociência Computacional) para investigar como o funcionamento do sistema neuromuscular é alterado quando este está sujeito a patologias neurodegenerativas. Especificamente, no caso da esclerose lateral amiotrófica (ELA) existem modelos matemáticos de neurônios motores individuais que representam as características dinâmicas de células individuais obtidas de modelos animais da ELA. No entanto, não é de nosso conhecimento nenhum modelo que tenha investigado como as características de neurônios motores individuais com dinâmicas tipicamente encontradas em modelos animais da ELA influenciam o controle da força de um dado músculo ou grupo muscular. Neste sentido, este projeto tem por objetivo desenvolver um modelo matemático multi-escala e biologicamente plausível do sistema neuromuscular que permita avaliar como alterações neuromotoras típicas da ELA irão influenciar a geração da força e do eletromiograma muscular. Com isso pretende-se entender de um ponto de vista teórico/conceitual quais mecanismos desta patologia neurodegenerativa têm maior influência no controle motor humano. O modelo será desenvolvido em plataformas de software livre e ficará disponível gratuitamente na internet para que outros grupos possam simulá-lo e aperfeiçoá-lo, tornando-se assim a primeira plataforma de simulação do sistema neuromuscular para estudo da influência de uma patologia neurodegenerativa no controle motor..

Ocultar
MODELO MATEMÁTICO DE POTENCIAL DE AÇÃO VENTRICULAR INTEGRADO A UM MODELO DE DINÂMICA DE CA2+ MITOCONDRIAL

Coordenador Principal: Dra. Natália Ferreira Oshiyama


Resumo:

Modelos matemáticos de potencial de ação (PA) têm sido comumente utilizados para compreender a eletrofisiologia de miócitos cardíacos e prever como alterações (e.g. na cinética de abertura e fechamento de canais iônicos) podem modificar a atividade elétrica do coração. Se integrados a modelos que descrevem a dinâmica de Ca2+, esses modelos permitem a descrição do fenômeno de acoplamento excitação-contração, uma vez que o Ca2+ é o elemento responsável pelo acoplamento entre a atividade elétrica (excitação) e mecânica (contração) das células. Miócitos cardíacos de mamíferos imaturos diferem funcionalmente de células adultas, tanto no aspecto eletrofisiológico, quanto na dinâmica de Ca2+. Apesar da ampla utilização de cardiomiócitos de ratos neonatos, há poucos modelos descrevendo a função destas células, além de geralmente não ser levada em consideração a participação da mitocôndria na geração do transiente de Ca2+ intracelular. Sabe-se que o transiente de Ca2+ intracelular leva ao aumento da concentração de Ca2+ na mitocôndria e ao consequente aumento da atividade do ciclo de Krebs, o que regula o metabolismo energético em cardiomiócitos. Neste trabalho, será desenvolvido um modelo matemático completo de PA e transporte de Ca2+ no ventrículo de rato neonato, integrado à formulação da concentração de Ca2+ na mitocôndria, a partir de modelos já existentes e de dados obtidos em nosso laboratório e na literatura. Além disso, serão realizados experimentos para medir a corrente do trocador Na+/Ca2+ em células recém-isoladas de ventrículo de ratos neonatos, dado ainda controverso na literatura, e as componentes rápida, lenta e ultra-rápida da corrente retificadora tardia de K+, o que permitirá uma análise mais aprofundada da fase de repolarização da membrana e da restituição da duração do PA.

Ocultar
MONITORAMENTO DE SISTEMAS INTEGRADOS LAVOURA-PECUÁRIA POR MEIO DE SENSORIAMENTO REMOTO E AGRICULTURA DE PRECISÃO PARA UMA PRODUÇÃO MAIS SUSTENTÁVEL - RUMO À AGRICULTURA DE BAIXO CARBONO

Coordenador Principal: Paulo Sergio Graziano Magalhães

Início: 07/2018

Término: 06/2022


Resumo:

O objetivo do estudo proposto é fornecer apoio ao programa brasileiro de agricultura de baixo carbono relacionado à sustentabilidade do ponto de vista da eficiência do uso da água, da produtividade e da qualidade do solo, explorando as capacidades dos dados de sensoriamento remoto e análise de precisão da agricultura. Este programa, criado em 2010, visa reduzir as emissões de gases de efeito estufa em 160 milhões de toneladas de dióxidos de carbono equivalentes anualmente até 2020 (CGIAR, 2017). Três principais medidas propostas incluem a estimulação de sistemas integrados de colheita-pecuária-silvicultura (ILPF), a recuperação de 15 milhões de pastagens degradadas em sistemas agrícolas mais produtivos e a fixação biológica de nitrogênio (EMBRAPA, 2017, IPAM, 2012). Através de dados de sensoriamento remoto e agricultura de precisão, buscamos comparar a eficiência do uso da água, a produtividade da biomassa e a qualidade do solo dos sistemas ILPF com os sistemas de produção agrícolas e de pastagens convencionais. A análise baseada em dados de sensoriamento remoto tem a vantagem única de determinar estados quantitativos e qualitativos (específicos para esta proposta) de processos relacionados com a agricultura em grandes áreas e longas séries temporais com altas resoluções espaciais. Os dados de sensoriamento remoto podem ser analisados em combinação com parâmetros de qualidade do solo. Essas análises podem ser usadas para delinear os benefícios de sustentabilidade relacionados aos sistemas ILPF e estimar o potencial de recuperação de pastagens (degradadas). Consequentemente, as autoridades brasileiras podem usar essas informações para reavaliar o sucesso e o potencial do programa e estimular o uso dos recursos oferecidos pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) pelos agricultores para adotar as medidas do programa através da disseminação dos nossos científicos e estudos de caso. (AU)

Ocultar
MONITORAMENTO DE SISTEMAS INTEGRADOS LAVOURA-PECUÁRIA POR MEIO DE SENSORIAMENTO REMOTO E AGRICULTURA DE PRECISÃO PARA UMA PRODUÇÃO MAIS SUSTENTÁVEL - RUMO À AGRICULTURA DE BAIXO CARBONO

Coordenador Principal: Paulo Sergio Graziano Magalhães

Início: 07/2018

Término: 06/2022


Resumo:

O objetivo do estudo proposto é fornecer apoio ao programa brasileiro de agricultura de baixo carbono relacionado à sustentabilidade do ponto de vista da eficiência do uso da água, da produtividade e da qualidade do solo, explorando as capacidades dos dados de sensoriamento remoto e análise de precisão da agricultura. Este programa, criado em 2010, visa reduzir as emissões de gases de efeito estufa em 160 milhões de toneladas de dióxidos de carbono equivalentes anualmente até 2020 (CGIAR, 2017). Três principais medidas propostas incluem a estimulação de sistemas integrados de colheita-pecuária-silvicultura (ILPF), a recuperação de 15 milhões de pastagens degradadas em sistemas agrícolas mais produtivos e a fixação biológica de nitrogênio (EMBRAPA, 2017, IPAM, 2012). Através de dados de sensoriamento remoto e agricultura de precisão, buscamos comparar a eficiência do uso da água, a produtividade da biomassa e a qualidade do solo dos sistemas ILPF com os sistemas de produção agrícolas e de pastagens convencionais. A análise baseada em dados de sensoriamento remoto tem a vantagem única de determinar estados quantitativos e qualitativos (específicos para esta proposta) de processos relacionados com a agricultura em grandes áreas e longas séries temporais com altas resoluções espaciais. Os dados de sensoriamento remoto podem ser analisados em combinação com parâmetros de qualidade do solo. Essas análises podem ser usadas para delinear os benefícios de sustentabilidade relacionados aos sistemas ILPF e estimar o potencial de recuperação de pastagens (degradadas). Consequentemente, as autoridades brasileiras podem usar essas informações para reavaliar o sucesso e o potencial do programa e estimular o uso dos recursos oferecidos pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) pelos agricultores para adotar as medidas do programa através da disseminação dos nossos científicos e estudos de caso. (AU)

Ocultar
MONTAGEM E ANOTAÇÃO DO GENOMA DE DUAS PLANTAS NATIVAS BRASILEIRAS: DESVENDANDO ADAPTAÇÕES À SECA E AQUISIÇÃO DE FÓSFORO NOS CAMPOS RUPESTRES

Coordenador Principal: Paulo Arruda

Início: 11/2018

Término: 10/2020


Resumo:

O Centro de Pesquisa em Genômica Aplicada a Mudanças Climáticas (The Genomics for Climate Change Research Center - GCCRC), cuja missão principal é a criação de ativos biotecnológicos para a adaptação de culturas agrícolas a estresses abióticos, desenvolve esforços de descoberta de genes por meio de várias "estratégias ômicas". Entre essas estão genômica e transcriptômica comparativas de espécies vegetais selvagens adaptadas a ambientes extremos. O presente plano de trabalho descreve as atividades de montagem, anotação, comparação de genomas e análise dos transcriptomas de duas espécies de Velloziaceae, que serão realizadas para a identificação de genes, alelos e promotores associados à adaptação dessas espécies a condições de estresse hídrico. Velloziaceae é a família de angiospermas que contém mais espécies tolerantes à dessecação (aproximadamente 200 de 270 espécies). Mais de 80% das espécies de Velloziaceae ocorrem na América do Sul, onde a maior diversidade morfológica também é encontrada. O maior gênero, Vellozia, compreende espécies tanto tolerantes quanto sensíveis à dessecação, oferecendo um excelente modelo para estudos de evolução dos caracteres de tolerância à dessecação e à seca nos genomas de plantas. Vellozia nivea e Vellozia intermedia, espécies respectivamente tolerante e sensível à dessecação, são ambas tolerantes à seca, endêmicas dos campos rupestres brasileiros e altamente adaptadas às suas condições extremas. Os campos rupestres são caracterizados por uma estação seca prolongada, que geralmente ocorre de abril a setembro, incidência de alta radiação solar e solos rochosos, rasos e pobres em nutrientes, com disponibilidade particularmente baixa de fósforo (P). Ao contrário da maioria das plantas modelo que vêm de ambientes onde nitrogênio (N) é o principal nutriente limitante, Vellozia spp. evoluíram em um ambiente onde P é o nutriente mais limitante, característica adaptativa de interesse para variedades agrícolas cultivadas em solos tropicais. Espera-se, com os resultados gerados neste trabalho, prover o pipeline de descoberta de genes do GCCRC com elementos de DNA que possibilitará a geração de novos genótipos de culturas agrícolas mais tolerantes à seca e mais eficientes na aquisição e uso de fósforo.

Ocultar
MUDANÇA CLIMÁTICA E HIDROPOLÍTICA NA MACROMETRÓPOLE PAULISTA: UMA ANÁLISE DAS DIMENSÕES POLÍTICO-INSTITUCIONAIS E ESPAÇO-TEMPORAIS DA "CRISE HÍDRICA" (2014-2015) A PARTIR DO SISTEMA CANTAREIRA

Coordenador Principal: Marcelo Coutinho Vargas

Início: 07/2018

Término: 02/2019


Resumo:

O objetivo deste projeto é refletir sobre os desafios teóricos e político-institucionais de uma agenda territorial macrorregional para a governança da água nas bacias hidrográficas mais densamente urbanizadas, em tempos de crise e incertezas relacionadas à mudança climática

Ocultar
NOVAS ABORDAGENS PARA INIBIDORES DE PROTEÍNAS QUINASES MRCKA, MRCKB E MRCKG

Coordenador Principal: Katlin Brauer Massirer

Início: 10/2018

Término: 09/2020


Resumo:

Proteínas quinases são uma família de enzimas intimamente envolvidas no controle de uma variedade de processos biológicos. Sua atividade catalítica compreende na transferência de um grupo fosfato da adenosina trifosfatada (ATP) para substratos proteicos contendo resíduos de aminoácidos tirosina, serina e/ou treonina. Para entender a função de cada uma das ~500 qinases e seu efeito nos substratos, pesquisadores tem usado abordagens genéticas de forma a inibir a ação de quinases. Uma das classes de quinases menos estudas são as MRCKs, que estão envolvidas no processo de regulação do citoesqueleto actomiosina, necessário no processo associado com a invasão e metástase celular. Neste projeto usaremos a química medicinal como estratégia para inibição química, a fim de investigarmos o significado terapêutico das quinases subexploradas MRCKa, MRCKb, MRCKg (DMPK2). Nosso objetivo será planejar e sintetizar moléculas que possam interagir de forma potente e seletiva com as quinases MRCKs, a fim de compreender seu papel biológico. Nos últimos seis meses, iniciamos testes de ligação em proteínas para candidatos a inibidores de quinases MRCKs e selecionamos potenciais candidatos químicos. Com base nessa triagem, supomos que os derivados pteridínicos e piralozo[3,4-d]pirimidínicos podem atuar como inibidores potentes e seletivos para as quinases MRCKs. A biblioteca de compostos será avaliada através de estudos de relação estrutura-atividade e da co-cristalização com a proteína alvo. Após otimização, os compostos líderes serão avaliados por ensaios biológicos in vitro e em linhagens de células. A seletividade dos compostos líderes será investigada frente a um painel de quinases, cobrindo diferentes ramos no kinoma. Todo o projeto será desenvolvido nos laboratórios do Structural Genomics Consortium (SGC-FAPESP@Unicamp). A síntese dos compostos será feita em estreita interação com a equipe de biologia estrutural, para assim acelerar a descoberta de inibidores de proteínas quinases. Como resultado do projeto, pretendemos gerar potenciais candidatos a sondas químicas e publicá-los no contexto de ciência aberta.

Ocultar
OBSERVATÓRIO DAS MIGRAÇÕES EM SÃO PAULO MIGRAÇÕES INTERNAS E INTERNACIONAIS CONTEMPORÂNEAS EM SÃO PAULO)

Coordenador Principal: Rosana Baeninger

Início: 10/2014

Término: 09/2018


Resumo:

Trata-se de projeto temático (FAPESP/CNPq). a problemática do Observatório das Migrações em São Paulo emerge a partir da necessidade de aprofundar o conhecimento teórico, metodológico e empírico acerca das configurações e das especificidades que os processos migratórios internos e internacionais assumem em diferentes espaços do território paulista na era da mobilidade . O objetivo principal deste projeto é conhecer e analisar as transformações nos processos migratórios nacionais e nas migrações internacionais para, de e no Estado de São Paulo a partir das diversificadas modalidades migratórias. Nesse sentido, focalizar o contexto estadual das migrações internas e internacionais envolve fortemente as regiões do interior do Estado de São Paulo e as metrópoles, para a compreensão da reprodução social de dinâmicas socioespaciais, econômicas, urbanas, demográficas e de distintos contingentes migratórios presentes. Em uma perspectiva interinstitucional e interdisciplinar, incorporará pesquisadores de diversas formações acadêmicas que dialogam com o fenômeno migratório. Do ponto de vista das competências institucionais-acadêmicas, aglutina pesquisadores paulistas de distintas instituições de ensino superior e pesquisa do Estado de São Paulo (UNICAMP- NEPO/CEPAGRI/IFCH/FCA), UFABC, Fundação Carlos Chagas, Museu do Café e Museu da Imigração). Busca apreender e analisar as modalidades migratórias advindas das novas lógicas da migração e suas configurações no tecido social paulista.

Ocultar
PACEP-GRUPO DE PESQUISA MATHEMATICAL GEOPHYSICS

Coordenador Principal: Martin Tygel

Início: 03/2000

Término: 12/2020


Resumo:

Programa de apoio à pesquisa por empresas afiliadas na área de ciências em engenharia do petróleo da
Universidade Estadual de Campinas.

Ocultar
PAPEL ANTIOXIDANTE DA TRANSIDROGENASE DE NUCLEOTÍDEOS DE NICOTINAMIDA (NNT) NO SISTEMA NERVOSO CENTRAL - CARACTERIZAÇÃO MORFOFUNCIONAL EM CAMUNDONGOS CONTROLES E ESPONTANEAMENTE MUTANTES PARA O GENE NNT

Coordenador Principal: Roger Frigério Castilho

Início: 03/2016

Término: 02/2020


Resumo:

A transidrogenase de nucleotídeos de nicotinamida (NNT) é uma proteína transmembrana localizada na membrana mitocondrial interna que catalisa a redução de NADP+ pelo NADH, com formação de NADPH e NAD+, acoplada à entrada de um próton proveniente do espaço intermembranas para a matriz mitocondrial. Trata-se de uma proteína de expressão ubíqua em mamíferos cuja função está relacionada à manutenção de mecanismos homeostáticos mitocondriais e celulares, como o metabolismo de espécies reativas de oxigênio pelos sistemas glutationa redutase/peroxidase e tioredoxina/peroxiredoxina. A deficiência de NNT se relaciona a alterações patológicas como deficiência familiar de glicocorticóides e mineralocorticóides em humanos e sua atividade também possui relevância no metabolismo e proliferação de células tumorais. Embora tenha havido avanço nas pesquisas acerca do papel da NNT no metabolismo celular, detalhes de sua fisiologia e sua influência em estados fisiopatológicos ainda precisam ser elucidados. Diante disso, o presente projeto tem como objetivo caracterizar a expressão e atividade de NNT em cérebro de camundongos, avaliar o papel da NNT na geração de espécies reativas de oxigênio por mitocôndrias de cérebro e, por fim, investigar a importância da NNT em um modelo experimental para a doença de Parkinson. Para tal, serão conduzimos estudos comparativos utilizando-se camundongos C57BL/6 que possuem uma mutação espontânea no gene da NNT (C57Unib.B6-NNT-/-), que resulta em ausência de expressão da proteína, e camundongos congênicos com expressão de NNT (C57Unib.B6-NNT+/+). Colônias destes camundongos já estão estabelecidas em nosso laboratório e constituem um modelo adequado para se estudar aspectos fisiopatológicos da NNT.

Ocultar
POLÍTICAS PÚBLICAS EM SAÚDE - UM OLHAR DISCURSIVO

Coordenador Principal: Claudia Regina Castellanos Pfeiffer

Início: 01/2015


Resumo:

Pesquisa inserida no Grupo Interdisciplinar de Pesquisas em Políticas de Saúde – GIPS (Diretório do CNPq) que tem como meta compreender diferentes processos de significação inscritos em documentos e legislações relativos aos Ministérios da Saúde e do Trabalho que tratem da saúde pública em geral ou da saúde do trabalhador em particular. Trabalha-se sob a filiação teórica pecheutiana da análise de discurso, com um arquivo heterogêneo e com diferentes objetos, dentre eles: a saúde do trabalhador, a política de assistência farmacêutica e a política de avaliação da saúde pública. Busca-se, numa concepção materialista de linguagem, que alia sujeito, língua e ideologia, as relações estabelecidas entre os documentos governamentais e documentos provenientes de instituições como Banco Mundial, Fundo Monetário Internacional, Organização das Nações Unidas, Organização do Tratado do Atlântico Norte e Organização Mundial da Saúde, uma vez que, do ponto de vista teórico em que trabalhamos, estes organismos internacionais fazem parte das condições de produção da formulação das políticas públicas brasileiras. Busca-se ainda compreender os processos de significação inscritos na enunciação do Estado referida à saúde do trabalhador, à assistência farmacêutica e à avaliação da saúde pública.

Ocultar
PORTAL DE BLOGS CIENTÍFICOS DA UNICAMP

Coordenador Principal: Vera Regina Toledo Camargo


Resumo:

Portal de Blogs de Ciência da Unicamp Projeto de pesquisa iniciado em novembro de 2015, coloca pesquisadores, docentes e alunos da Universidade para falarem diretamente com o público a respeito de seus trabalhos com uma linguagem adequada, tornando os temas científicos acessíveis ao entendimento. A proposta é comunicar ciência estabelecendo relações com o cotidiano e a vida das pessoas possibilitando o entendimento sobre as informações, contextualizando tais conteúdos como: conceitos específicos de área, processos filosóficos, sociais, históricos, construções metodológicas; sempre desafiando o leitor, dialogando e interagindo, enfim contando uma história. O projeto tem por objetivo a criação de uma plataforma ou ferramenta que possibilita agregar blogs diversos de autoria de pesquisadores e docentes da Unicamp. O Portal de Blogs oferece conteúdos nas mais diversas áreas e o nosso propósito foi desafiar tanto o leitor a encontrar suas respostas, descobrindo o mundo científico, quanto o cientista a descobrir a linguagem que facilitaria a compreensão de suas pesquisas. Com cinco edições do curso sobre o Blog, 180 cientistas da Unicamp atenderam o chamado e produziram materiais de divulgação. Conseguimos atingir o número de 35 blogs ativos hospedados no Portal de Blogs Científicos da Unicamp. Produzindo conteúdo diversificado, atingimos 63 mil visualizações (5 mil em média por mês). Somos o primeiro portal, vinculado à uma instituição de ensino e pesquisa, no Brasil e na América Latina, hospedando blogs de ciência.

Ocultar
PRÁTICAS EM PREVENÇÃO E CONTRACEPÇÃO DE MULHERES NO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO: ELABORAÇÃO DE PLANO DE AÇÃO A PARTIR DA INTEGRAÇÃO DE DADOS DE ESTUDOS DE BASE POPULACIONAL E DE SERVIÇOS DE SAÚDE

Coordenador Principal: Regina Maria Barbosa

Início: 06/2018

Término: 11/2018


Resumo:

O estudo propõe investigar diferenciais sociodemográficos e regionais no acesso a métodos e serviços de prevenção de DST/Aids e de planejamento familiar, a partir de dados secundários coletados por três inquéritos já realizados e, a partir dos resultados, elaborar uma proposta de ação integrada em Saúde Sexual e Reprodutiva para os serviços, considerando os diferentes modelos de atenção: serviços especializados e de atenção básica na perspectiva da Estratégia Saúde da Família.

Ocultar
PREVISÃO IMEDIATA DE TEMPESTADES INTENSAS E ENTENDIMENTO DOS PROCESSOS FÍSICOS NO INTERIOR DAS NUVENS O SOS- CHUVA (SISTEMA DE OBSERVAÇÃO E PREVISÃO DE TEMPO SEVERO)

Coordenador Principal: Roberto Luiz do Carmo

Início: 01/2015

Término: 12/2019


Resumo:

O projeto utiliza um radar de dupla polarização para desenvolver pesquisa em previsão imediata de tempestades com base no conhecimento adquirido sobre as propriedades físicas das nuvens no projeto temático CHUVA. A base desta pesquisa é o radar de dupla polarização operando em Campinas, por 24 meses (duas estações chuvosas) para capturar eventos intensos de precipitação que forneçam as bases para o estudo dos processos físicos no interior das nuvens visando aprimorar a previsibilidade em curto prazo, a detecção de severidade e a estimativa de precipitação com radar e satélite em alta resolução temporal e espacial. De forma inédita esse projeto irá instalar detectores de granizo para criar uma base de dados que forneça informações não somente sobre a ocorrência de granizo, mas também do seu tamanho. Além das diversas componentes de estudo, sejam elas ligadas a eletrificação, propagação, crescimento do volume de alguns hidrometeoros, como as taxas de crescimento do topo e dos processos microfísicos, este estudo visa desenvolver o SIGMA-SOS. O SIGMA SOS é um sistema de informações geográficas que integra os dados medidos bem como as previsões em curto prazo e os avisos meteorológicos. O Brasil comprou e está ainda ampliando a rede de radares de dupla polarização para monitorar eventos extremos de tempo. Contudo, o conhecimento sobre esse sistema é ainda incipiente e este projeto irá realizar pesquisa empregando esse tipo de instrumento, formar alunos nessa área e desenvolver ferramentas inéditas para uso deste instrumento.
A atuação da equipe sediada no Núcleo de Estudos da População (Nepo/Unicamp) ocorre em duas frentes. Por um lado, na divulgação científica do projeto, através de uma bolsa do Programa José Reis de Incentivo ao Jornalismo Científico (Mídia Ciência), concedida pela FAPESP. Por outro lado no trabalho de sobre posição das informações demográficas com as informações sobre eventos extremos de pluviosidade capturadas pelo radar instalado em Campinas.

Ocultar
PRODUÇÃO DE BIOGÁS EM BIORREFINARIAS DE CANA-DE-AÇÚCAR INTEGRADAS DE 1ª E 2ª GERAÇÃO: ASPECTOS FUNDAMENTAIS E OPERACIONAIS DO PROCESSO

Coordenador Principal: Bruna de Souza Moraes

Início: 07/2017

Término: 06/2020


Resumo:

O aumento da produtividade do etanol e a geração de bioenergia nas biorrefinarias de cana-de-açúcar são algumas das alternativas para aliviar a crise do setor sucroalcooleiro frente ao atual cenário político-econômico do país. Neste cenário, esforços em P&D vêm sendo concentrados para a produção de etanol de 2ª geração (2G), obtido a partir do bagaço proveniente da moenda da cana utilizada para o tradicional etanol de 1ª geração (1G). A integração da produção de etanol de 1ª e 2ª geração (1G2G) eleva a produtividade do biocombustível por hectare de cana plantada, assim como o volume das correntes líquidas residuais, notadamente vinhaça (proveniente da destilação do etanol) e licor de pentoses (proveniente do pré-tratamento do bagaço para a produção de etanol 2G). Como forma sustentável de dispor tais resíduos, tem-se a produção de biogás a partir da biodigestão dessas correntes, que além de promover sua adequação ambiental, possibilita a geração de energia através do uso do biogás, que deve ser previamente purificado. Esta abordagem estimula a produção de etanol 2G, já que o aproveitamento energético do biogás possibilita a liberação de parte do bagaço da cogeração. Embora existam pesquisas acerca da biodigestão anaeróbia da tradicional vinhaça da cana-de-açúcar, o mesmo não ocorre para a vinhaça gerada no processo 2G e para o licor de pentoses, havendo lacunas consideráveis na literatura a respeito. Dessa forma, esta pesquisa propõe a investigação da biodigestão anaeróbia da vinhaça 1G2G e licor de pentoses, sob aspectos fundamentais e operacionais, com vistas a contribuir para a aplicação e expansão desta tecnologia sustentável. Uma nova proposta para purificação do biogás, integrada ao cultivo de microalgas, também será explorada, com vistas a expandir a possibilidades de obtenção de produtos de valor agregado no conceito de biorrefinarias de cana-de-açúcar. O desenvolvimento do presente projeto deverá se constituir em uma das primeiras fontes de conhecimento para a produção brasileira de bioetanol 1G2G aliada à responsabilidade ambiental. (AU)

Ocultar
PRODUÇÃO DE BIOGÁS INTEGRADA AO CONCEITO DE BIORREFINARIA PARA BIOMASSA LIGNOCELULÓSICA: ASPECTOS OPERACIONAIS E USO DE NANOPARTÍCULAS

Coordenador Principal: Bruna de Souza Moraes

Início: 11/2018

Término: 05/2021


Resumo:

No contexto desafiador do Acordo de Paris (COP21 - 2015), a produção de biogás volta a receber destaque mundial e, consequentemente, iniciativas governamentais e industriais. A produção ocorre através da Digestão Anaeróbia (DA), que permite a recuperação energética da fonte orgânica através do uso do metano (CH4) presente no biogás, além da possível geração de subprodutos com valor para a agroindústria. Em um cenário de elevada expectativa, substratos provenientes da atividade sucroalcooleira são considerados potenciais facilitadores do desenvolvimento de biorrefinarias, tornando o sistema mais resiliente e versátil. É notório o quão intenso tem sido o interesse no uso de subprodutos lignocelulósicos para a produção de CH4. No entanto, existem lacunas na literatura em relação à DA de resíduos da produção de etanol lignocelulósico (ou de segunda geração, 2G), mas é sabido que sua recalcitrância pode ser um obstáculo ao processo biológico. Neste cenário, a co-digestão com substratos mais facilmente biodegradáveis surge como uma alternativa interessante, podendo suavizar os efeitos inibitórios daqueles resíduos à DA. Junto a isso, existem parâmetros e condições cruciais a serem investigadas que poderiam fornecer melhor compreensão e otimização da co-digestão anaeróbia, como o potencial redox, a identificação do proteoma e do consórcio microbiano e o uso de nanopartículas na produção de biogás. Tais informações são escassas na literatura, e mesmo inexistentes no que diz respeito ao uso de subprodutos da produção de etanol 2G para a produção de biogás. Neste contexto, o presente projeto visa explorar a produção de biogás em um conceito inovador de biorrefinaria para o etanol lignocelulósico integrado à produção tradicional de etanol de cana-de-açúcar a partir da co-digestão de seus resíduos (e.g., vinhaça, torta de filtro e resíduos de pré-tratamento), sendo avaliado, neste contexto, o potencial de produção de CH4. O projeto inclui o acompanhamento do potencial redox e análises de proteoma e identificação do consórcio microbiano por meio de técnicas de Biologia Molecular durante os experimentos de co-digestão, além da investigação da produção contínua de metano com o uso de nanopartículas, abrindo possibilidades alternativas para otimização de processos em biorrefinarias de cana-de-açúcar. O desenvolvimento do presente projeto deverá se constituir em uma das primeiras fontes de conhecimento para a produção brasileira de etanol 2G aliada à responsabilidade ambiental. Este projeto está vinculado ao projeto temático FAPESP-BBSRC n° 15/50612-8. (AU)

Ocultar
QUANTIFICAÇÃO DOS FLUXOS DE CÁLCIO EM MIÓCITOS ATRIAIS HUMANOS ISOLADOS: TRANSPORTADORES RÁPIDOS E LENTOS.

Coordenador Principal: José Wilson Magalhães Bassani


Resumo:

O fluxo de sangue bombeado pelo coração depende da força desenvolvida pelo miocárdio, a qual é fortemente determinada pela amplitude da variação da concentração citosólica de Ca2+ (transiente de Ca2+), que, a cada ciclo de atividade, causa ativação dos miofilamentos. Contribuem para o transiente de Ca2+ tanto o influxo do íon através da membrana plasmática, quanto a liberação do estoque de Ca2+ armazenado no retículo sarcoplasmático (RS). Durante atividade cíclica estável, há equivalência entre influxo sistólico e efluxo diastólico, assim como entre a quantidade do íon que é liberada pelo RS na sístole e aquela recaptada para este compartimento durante a diástole. Assim, é possível inferir-se sobre os fluxos sistólicos a partir da estimativa dos fluxos diastólicos de Ca2+ carreados pelos transportadores rápidos (ATPase de Ca2+ do RS, SERCA, e trocador Na+/Ca2+, NCX), que são responsáveis por, pelo menos, 95% do fluxo total de Ca2+, e lentos (ATPase de Ca2+ do sarcolema, PMCA, e uniporter mitocondrial de Ca2+, MCU). A contribuição relativa de cada sistema de transporte de Ca2+ varia com a espécie animal. Os objetivos deste projeto são: a) estimar a participação relativa dos transportadores de cálcio em miócitos de coração humano; b) estimar a liberação fracional (fração liberada do íon liberada do RS a cada contração) de cálcio no coração humano.

Ocultar
QUANTIFICAÇÃO DOS FLUXOS E ESTOQUES DE CARBONO NA CULTURA DA CANA-DE-AÇÚCAR E DO EUCALIPTO NO ESTADO DE SÃO PAULO

Coordenador Principal: Rubens Augusto Camargo Lamparelli

Início: 11/2018

Término: 02/2020


Resumo:

O entendimento dos fluxos de carbono para a atmosfera e da atmosfera e como ele é armazenado são de extrema importância na agricultura. No contexto do Brasil a agricultura oferece um potencial de mitigação dos impactos nas mudanças climáticas globais se tiver políticas públicas bem fundamentadas.O Estado de São Paulo (250.000 km2) é um dos Estados onde a vegetação natural tem sido trocada por outros usos da terra como cana, eucalipto, culturas anuais, citrus, pastos e etc desde a longo tempo. Dois destes usos a cana-de-açúcar e eucalipto foram predominantes nos últimos 15 anos provocando grandes impactos no balanço de carbono. Assim o principal objetivo deste plano de trabalho de posDoc é aplicar um modelo biofísico para quantificar fluxos e estoques de carbono, nas culturas de cana e eucalipto, em diferentes tempos e diferentes escalas (talhão a regional). A metodologia considera dois modelos GDay e AgroIbis os quais serão integrados. Portanto a metodologia considera três partes:- Implementação do GDay no AgroIbis- Calibração e validação para o Eucalipto- Rodar o modelo para o Estado de São Paulo

Ocultar
RECURSOS GENÔMICOS DE MANDIOCA (MANIHOT ESCULENTA) VISANDO O ESTUDO DA EVOLUÇÃO DE VARIEDADES CULTIVADAS E A BUSCA DE GENES IMPORTANTES PARA O MELHORAMENTO

Coordenador Principal: Anete Pereira de Souza

Início: 11/2018

Término: 10/2020


Resumo:

A mandioca (Manihot esculenta Crantz) é o cultivo alimentício de origem amazônica que alcançou a maior importância para o mundo, sendo o oitavo cultivo individual mais produzido. A forma cultivada (ssp. esculenta) foi domesticada a partir de M. esculenta ssp. flabellifolia, e atualmente dois grandes grupos de variedades (mandiocas mansas e bravas) são cultivados. O objetivo desta proposta é gerar novos recursos genômicos para mandioca a partir do ressequenciamento do genoma inteiro de acessos do ancestral silvestre lançando mão de tecnologias de sequenciamento de nova geração (SNG). Pretende-se ainda avaliar a variação molecular de genes com assinaturas de seleção entre variedades cultivadas já ressequenciadas e o ancestral silvestre. Por meio da técnica de target-sequencing serão identificados marcadores SNPs nas porções codificantes e não codificantes dos genes para a caracterização da variação genética funcional. Novas variantes alélicas e estruturais poderão ser detectadas aumentando o conhecimento sobre a biologia da espécie. A caracterização funcional de genes poderá evidenciar quais processos celulares podem ter sido afetados durante a evolução do cultivo. O ressequenciamento do genoma inteiro facilitará ainda o descobrimento de marcadores moleculares que podem ser utilizados, em abordagens de mapeamento aplicadas ao melhoramento genético do cultivo.

Ocultar
SANGUE, HORMÔNIOS E TÉCNICAS DO CORPO

Coordenador Principal: Daniela Tonelli Manica

Início: 01/2015


Resumo:

Essa pesquisa tem como objetivo pensar diferentes agenciamentos de fluidos e substâncias corporais, como os hormônios sexuais e o sangue menstrual. Seu universo empírico engloba pesquisas socioantropológicas sobre: hormônios sintéticos e suas tecnologias, inclusive contraceptivas; técnicas corporais que envolvem o corpo e fluidos corporais (com enfoque privilegiado sobre seus aspectos reprodutivos, como parto/placenta, amamentação/leite, sêmen, embriões, mas sobretudo o sangue menstrual), a utilização de fluidos e substâncias corporais em pesquisas científicas, manifestações artísticas e práticas religiosas. O enfoque mais atual da pesquisa (2018) envolve o uso de sangue menstrual em pesquisas científicas para o desenvolvimento de células-tronco (estromais mesenquimais), terapia celular e medicina regenerativa.

Ocultar
SEGREGAÇÃO RACIAL EM METRÓPOLES BRASILEIRAS

Coordenador Principal: Danilo Sales do Nascimento França

Início: 04/2018

Término: 03/2020


Resumo:

Desenvolvimento de estudos sobre desigualdades raciais e segregação residencial por raça nas regiões metropolitanas de Fortaleza, Salvador, Campinas e Curitiba, visando compará-los com análises já realizadas na Região Metropolitana de São Paulo.

Ocultar
SEGREGAÇÃO RACIAL EM METRÓPOLES BRASILEIRAS

Coordenador Principal: Jose Marcos Pinto da Cunha

Início: 04/2018

Término: 03/2021


Resumo:

Este projeto propõe desenvolvimento de pesquisas sobre desigualdades raciais e segregação entre negros e brancos nas regiões metropolitanas de Campinas, Curitiba, Fortaleza e Salvador, comparando-as com análises já realizadas na região metropolitana de São Paulo. Visamos formular interpretações mais abrangentes sobre a importância do espaço urbano para a reprodução das hierarquias e desigualdades raciais, para a constituição de barreiras entre negros e brancos e para a conformação de experiências racialmente distintas nas cidades brasileiras. Será realizada uma ampla pesquisa quantitativa nas quatro metrópoles visando: descrever o perfil das desigualdades raciais e a as condições de inserção de negros nas classes médias e altas locais; e delinear os contornos da segregação por raça através de indicadores de segregação residencial e do mapeamento das áreas de concentração de negros e brancos pertencentes a distintas classes sociais. Em seguida, com a aplicação de métodos qualitativos de entrevistas e com a coleta de redes pessoais, exploraremos a importância da segregação para as oportunidades, práticas e relações sociais de negros e brancos em duas metrópoles escolhidas a partir das análises quantitativas. Assim, podemos investigar de que maneira raça e local de residência contribuem para moldar: (a) a integração entre negros e brancos, através de suas redes pessoais; e (b) as possibilidades de acesso à cidade e seus recursos e oportunidades, através do levantamento de trajetos, deslocamentos e locais frequentados. Os questionamentos no nosso horizonte visam os significados de segregação racial no contexto brasileiro.

Ocultar
SEGURANÇA ALIMENTAR E USO DA TERRA: O DESAFIO DO TELECOUPLING

Coordenador Principal: Mateus Batistella

Início: 02/2015

Término: 01/2021


Resumo:

O Consórcio Telecoupling é composto por quatro países-chave (Brasil, China, Reino Unido e USA), países vulneráveis na África, dois grandes centros CGIAR (CIAT e IFPRI), FAO e além do envolvimento de atores interessados no tema. Este projeto irá utilizar um arcabouço integrativo inovador, Telecoupling ? interações socioeconômicas e ambientais entre os sistemas naturais e humanos acoplados, em diferentes escalas e a grandes distâncias. Essa abordagem pode transformar a concepção sobre efeitos colaterais do comércio internacional sobre segurança alimentar e dinâmica de uso da terra. Trataremos do tema 3 (Feedback Loops), com foco nas commodities mais importante para a segurança alimentar, i.e. arroz, milho, trigo, soja, batata, culturas para biocombustíveis (sobretudo cana-de-açúcar e milho) e pecuária. Serão examinados processos em diferentes escalas, desde o comércio internacional de commodities até estudos de escala regional/local em profundidade. Os colaboradores do Consórcio aportam ao projeto um enorme portfólio de projetos em segurança alimentar e uso da terra, representando quatro continentes, proporcionando um tão necessário arcabouço para abordar com os sistemas alimentares mudam através de grandes distâncias, levando em consideração as consequências socioeconômicas e ambientais ada alteração nas formas de produção de alimentos, sua comercialização e distribuição. A equipe inclui acadêmicos proeminentes em ciências sociais e naturais assim como importantes atores de diferentes setores, interessados no tema em questão. Os resultados finais deste projeto serão a melhoria de capacidade de prever os efeitos das mudanças dos fluxos alimentar e de uso da terra; ferramentas para facilitar o desenvolvimento e alterações de políticas públicas para melhoria da segurança alimentar, garantindo um ambiente mais sustentável; o aumento da cooperação entre os principais grupos de pesquisa e de partes interessadas na produção de alimentos e países consumidores; e o treinamento de uma nova geração consciente para minimizar as consequências negativas das mudanças de uso na terra em todo mundo. O projeto fornecerá um arcabouço compreensivo, uma abordagem de sistemas complexos e um sistema de suporte à decisão para encontrar soluções que melhorem a segurança alimentar para todos, assegurando um mundo sustentável. (AU)

Ocultar
SOBRE ESQUECIDOS, INVISÍVEIS E TEMIDOS: O QUE SABEMOS SOBRE A POPULAÇÃO CARCERÁRIA NO BRASIL?

Coordenador Principal: Joice Melo Vieira

Início: 06/2017

Término: 05/2020


Resumo:

O objetivo central deste projeto é mapear as fontes de dados disponíveis sobre a população carcerária no Brasil, avaliar a qualidade destas informações e a partir delas sistematizar o que sabemos sobre o crescimento e o perfil desta população, bem como sobre sua trajetória. Atenção especial será dada ao censo demográfico de 2010, que pela primeira vez possibilitou a desagregação do contingente de pessoas vivendo em instituições penais. Uma segunda fonte de dados considerada neste estudo é o levantamento sobre população carcerária, realizado pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) em 2013, que capta informação sobre a trajetória familiar, laboral e educacional de detentos de ambos os sexos. Adicionalmente, sistemas de informação do Ministério da Justiça e do Ministério da Previdência Social também serão consultados, embora tenham a limitação de se tratarem de informação divulgada apenas na forma de dados agregados. Identificamos nestas fontes de dados a possiblidade de abordar quatro aspectos fundamentais do debate sobre o sistema penitenciário nos quais a demografia pode oferecer sua contribuição: 1) Explorar diferenciais nas taxas de encarceramento entre os estados e mensurar o quanto estes diferenciais podem ser atribuídos ao efeito da composição etária, considerando que a transição demográfica tem transformado profundamente a estrutura etária brasileira, mas ocorre em tempos e intensidades diversas ao logo do território nacional. Tal como ocorre com as taxas de homicídio, o encarceramento também é mais acentuado entre os mais jovens. Áreas com proporção maior de jovens podem ter taxas de encarceramento mais altas na ausência de influência de outros fatores. Tal objetivo poderia ser cumprido aplicando-se técnicas de padronização e de decomposição da diferença entre duas taxas. 2) Investigar os diferenciais nas taxas de encarceramento entre brancos e negros e quais fatores poderiam estar a eles associados. A padronização e a decomposição da diferença entre as taxas de encarceramento de brancos e negros também poderiam ser realizadas como estratégia de investigação destes diferenciais. 3) Explorar a trajetória educacional, laboral e familiar dos detentos e se existe relação entre especificidades destas trajetórias e o tipo de crime que cometeram. Embora este objetivo possa parecer excessivamente ambicioso, o levantamento realizado pelo PNUD permite este tipo de abordagem. Esta base de dados foi bem pouco utilizada até o momento. Seu uso foi em grande parte restrito a análises descritivas e relatórios. Entretanto, como veremos a seguir, ela tem potencial para responder ao objetivo aqui delineado. 4) Avaliar o acesso e a evolução dos gastos previdenciários destinados aos dependentes dos detentos via auxílio reclusão em comparação com outros gastos previdenciários.

Ocultar
SOS CHUVA - TEMÁTICO FAPESP

Coordenador Principal: Daniel A. Vila; Luiz F. Sapucci; Rachel I. Albrecht; Thiago S. Biscaro; Roberto do Carmo; Luiz Teixeira

Início: 01/2015


Resumo:

: Este projeto visa aproveitar a oportunidade de extensão do “leasing” do radar de dupla polarização para desenvolver pesquisa em previsão imediata de tempestades com base no conhecimento adquirido sobre as propriedades físicas das nuvens no projeto temático CHUVA. A base desta pesquisa é o radar de dupla polarização operando em São José dos Campos, por 12 meses para capturar eventos intensos de precipitação que forneçam as bases para o estudo dos processos físicos no interior das nuvens visando aprimorar a previsibilidade em curto prazo e a detecção de severidade. De forma inédita esse projeto irá instalar detectores de granizo para criar uma base de dados que forneça informações não somente sobre a ocorrência de granizo, mas também do seu tamanho. Além das diversas componentes de estudo, sejam elas ligadas a eletrificação, propagação, crescimento do volume de alguns hidrometeoros, como as taxas de crescimento do topo e dos processos microfísicos, este estudo visa desenvolver o SIGMA-SOS. O SIGMA SOS é um sistema de informações geográficas que integra os dados medidos bem como as previsões em curto prazo e os avisos meteorológicos. O Brasil comprou e está ainda ampliando a rede de radares de dupla polarização para monitorar eventos extremos de tempo. Contudo, o conhecimento sobre esse sistema é ainda incipiente e este projeto irá realizar pesquisa empregando esse tipo de instrumento, formar alunos nessa área e desenvolver ferramentas inéditas para uso deste instrumento. OBS: Parte deste projeto implica no trabalho de pesquisa na área da linguagem, sobretudo no que se refere à divulgação científica e os diferentes sentidos sobre percepção de eventos e riscos. Essa parte está sendo feito a partir da análise de discurso e está sob minha coordenação.

Ocultar
TRANSFORMAÇÃO GENÉTICA DE MILHO COM GENES CANDIDATOS RESPONSIVOS AOS ESTRESSES ABIÓTICOS ASSOCIADOS ÀS MUDANÇAS CLIMÁTICAS

Coordenador Principal: Paulo Arruda

Início: 11/2018

Término: 10/2020


Resumo:

As mudanças climáticas nas últimas décadas têm acontecido de forma rápida em muitas regiões agrícolas ao redor do mundo. O prejuízo causado por essas mudanças climáticas gerou o desafio de desenvolver novos genótipos de culturas adaptadas que sejam mais produtivas nos ambientes submetidos ao estresse. O estudo investigativo em espécies silvestres adaptadas às condições extremas do meio ambiente, fornecerá conhecimento para a identificação de genes responsivos aos estresses abióticos associados a essas condições. Entre as espécies tolerantes estão as plantas extremofílicas, que ocupam ambientes com temperaturas extremas e escassez de água e/ou nutrientes. O objetivo deste projeto é a identificação de genes responsivos a estes estresses e utilizá-los na transformação genética de milho (Zea mays) para a geração dos eventos elite com desempenho melhorado para eventos de seca e calor. A modificação genética de milho via Agrobacterium tumefaciens será realizada dentro de um "pipeline" de transformação continuado e em larga escala, utilizando embriões imaturos de genótipos de milho de melhor resposta à transformação, tais como o híbrido Hi-II e a linhagem B104, corriqueiramente utilizadas devido sua resposta positiva para indução de calos embriogênicos. O desenvolvimento de uma escala rotineira de transformação genética será realizado, bem como a otimização de protocolos para progressos expressivos na geração de eventos. Os eventos transgênicos gerados serão analisados e caracterizados quanto à resposta e o efeito da inserção do transgene de interesse na presença dos estresses alvo do estudo. Portanto, as informações e produtos gerados neste projeto, utilizando ferramentas biotecnológicas, irão contribuir para a compreensão e elucidação dos processos genéticos de plantas envolvidos na resposta aos diversos estresses abióticos. Espera-se ainda, contribuir com a geração de ativos biotecnológicos que porventura possam ser aplicados no processo produtivo da agricultura.

Ocultar
TRANSFORMAÇÕES PARA A SUSTENTABILIDADE NA MINERAÇÃO DE OURO ARTESANAL E EM PEQUENA ESCALA: UMA PERSPECTIVA MULTI-ATOR E TRANS-REGIONAL

Coordenador Principal: Lúcia da Costa Ferreira

Início: 11/2018

Término: 10/2021


Resumo:

O objetivo do projeto ST-ASGM é considerar se uma abordagem transformadora para a sustentabilidade pode surgir na mineração de ouro artesanal e de pequena escala (ASGM). Essa atividade representa os meios de substancias de pessoas nos países de rendas baixa e média baixa, a ASGM tem potencial para contribuir para o desenvolvimento sustentável nos 17 SDGs. No entanto, os impactos negativos geram barreiras críticas à sustentabilidade. A antropologia é um ponto de entrada para uma abordagem interdisciplinar para melhor conceituar a realidade dinâmica e heterogênea da ASGM é identificar potenciais transformações nessas configurações sociais em mudança. Com base nas parcerias existentes da ASGM; isso constitui a base para um projeto transcontinental e transnacional organizado em 7 pacotes de trabalho para o acompanhamento comparativo integrado da sustentabilidade entre a América do Sul, África Ocidental e África Oriental. Para agregar valor aos esforços globais de pesquisa. ?Conversas sobre sustentabilidade? aumentará o impacto, coproduzindo conhecimento com autores para entender a sustentabilidade das próprias perspectivas dos mineiros. Um resumo estratégico baseado em evidencias sobre visões e vistas para sustentabilidade futura na ASGM contribui para a influência das políticas. Conferindo expressão criativa ao entendimento das pessoas sobre os futuros da mineração sustentável e construindo impactos, é uma excitante colaboração entre fotógrafos africanos da NUKU Studios, Gana e o Museu de Etnografia de Cultura da Holanda. Isso a co-produção de imagens visuais com mineradores de ouro africanos e brasileiros, como base de uma exposição que viaja ?Moving Mine Matters? entre África Ocidental, Brasil e Holanda em 2020-1. (AU)

Ocultar
USO DE SOFTWARE DE APOIO A DIAGNÓSTICO DE OBSTRUÇÃO URETRAL BASEADO EM LÓGICA PARACONSISTENTE ANOTADA

Coordenador Principal: Dra. Natália Ferreira Oshiyama


Resumo:

Estudos urodinâmicos de pressão e fluxo são geralmente realizados para diagnosticar obstrução infravesical em homens, e os dados urodinâmicos são comumente analisados pelo nomograma de Abrams-Griffiths para propósito de diagnóstico. O nomograma define três zonas de diagnóstico: obstruído, dúvida e normal. Pacientes que apresentam dados na região de dúvida necessitam que o médico analise outras informações e exames para que um diagnóstico final seja dado. Neste trabalho, será testada uma ferramenta de suporte ao diagnóstico de obstrução infravesical baseada em lógica paraconsistente anotada, que permite o estudo de sistemas que contêm indeterminações e/ou inconsistências, que é o caso de dados clínicos que se encontram na região de dúvida do nomograma. O objetivo do trabalho será avaliar se o programa desenvolvido em ExcelTM é robusto para classificação de dados de avaliação urodinâmica medidos por diferentes equipes, em diferentes condições. Caso o teste seja positivo, o programa poderá se tornar uma ferramenta importante de apoio ao diagnóstico de obstrução uretral, já que pode indicar ao médico a necessidade de análise mais aprofundada nos casos em que os estados lógicos dos diagnósticos apresentam algum tipo de inconsistência.

Ocultar
VIABILIDADE E ACEITABILIDADE DO AUTOTESTE DO HIV EM ESPAÇOS COMUNITÁRIOS NA CIDADE DE SÃO PAULO- PROJETO FAST

Coordenador Principal: Regina Maria Barbosa

Início: 07/2018

Término: 06/2019


Resumo:

A transmissão heterossexual do HIV é responsável, no Brasil, por 97% das novas infecções nas mulheres. E apesar da redução significativa da transmissão materno-infantil do HIV com a testagem no pré-natal, o acesso ao teste é ainda um obstáculo fundamental para a prevenção e o cuidado do HIV. Apenas 13% dos brasileiros relatam ser testados para o HIV nos últimos 12 meses e apenas 33% já foram testados para o HIV na vida. A recente aprovação do uso de kits de autoteste de HIV no Brasil oferece uma oportunidade para desenvolver uma estratégia voltada para jovens heterossexuais e comunidades urbanas de forma a ampliar o acesso. Face a este contexto, o presente estudo tem por objetivo avaliar a viabilidade e aceitação do autoteste de HIV entre mulheres jovens (18-24 anos) que vivem em comunidades com alta prevalência de HIV nas cidades de Porto Alegre e São Paulo. Será realizada uma pesquisa de tipo formativa, com metodologia qualitativa de investigação. Para a coleta de dados serão utilizadas diferentes técnicas: 1) observação etnográfica para mapear áreas de interação social - em termos de lazer (baile funk / raves, bares, clubes, futebol e grupos de jovens), trabalho e atividades da vida diária (mercados, escolas, salões de beleza) onde ocorrem riscos sexuais; 2) entrevistas informais com indivíduos da comunidade; 3) entrevistas semiestruturadas com informantes-chave; e 4) grupos focais com profissionais da saúde e representantes de organizações comunitárias.

Ocultar
VIOLÊNCIAS DE GÊNERO, VIOLAÇÕES DE ESTADO: UM ESTUDO SOBRE FORMAS DE GOVERNAR TERRITÓRIOS E CORPOS

Coordenador Principal: Maria Filomena Gregori

Início: 02/2018

Término: 01/2021


Resumo:

Este projeto é construído a partir do interesse em refletir sobre intervenções estatais atravessadas por violências de gênero. Parto da hipótese de que incursões em determinados territórios por agentes de Estado armados guardam estreita conexão com "invasões" de corpos femininos ou feminizados pelos mesmos agentes. Na sequência das análises que argumentam que a representação contemporânea do Estado é constituída por e constituinte de relações de gênero, a proposta desta pesquisa é perseguir determinadas imbricações políticas configuradas por duas lógicas historicamente estabelecidas: uma que confere ao Estado a legitimidade do uso da força e outra que estimula/legitima/compõe violências decorrentes de "dessimetrias de poder relativas a gênero", nos termos propostos por Debert e Gregori (2008). Serão trazidas para o centro da discussão diferentes situações de violência institucional que atingem diretamente corpos femininos ou feminizados de pessoas que habitam territórios de periferias urbanas em contextos de operações, incursões ou ocupações protagonizadas por braços armados do Estado. Nesta pesquisa, quem nomeia o que é violência e o que não é são mulheres cisgênero e transexuais moradoras de periferias de São Paulo e do Rio de Janeiro: assim o foco da análise é direcionado, através do olhar delas, para as tecnologias governamentais que se atualizam através de atos de violência cotidianos. Partindo do princípio de que os mecanismos de ordenação política inerentes aos Estados-Nação estão conectados a marcações de poder necessariamente articuladas a questões de gênero, busca-se compreender como que, através da presença do braço armado do estado junto a determinados corpos e territórios, vem sendo atualizado o contrato social - que, como bem enfatiza Das (2008), é necessariamente um "contrato sexual".

Ocultar
VOLTANDO AS RAÍZES: POLÍTICA, CORPO E CONSUMO NA VALORIZAÇÃO DOS CABELOS CACHEADOS E CRESPOS

Coordenador Principal: Isadora Lins França

Início: 08/2017

Término: 07/2020


Resumo:

O objetivo geral deste projeto é investigar os processos de subjetivação e produção de identidades relacionados a gênero, raça, política e estética, elegendo como recorte empírico o mercado de beleza para cabelos crespos e cacheados e a produção de discursos que valorizam estes tipos de cabelos. Atualmente crespas e cacheadas estão abandonando os alisamentos e passando pelo processo de transição capilar e pelo big chop. Para estas mulheres, o cabelo não é somente um elemento estético ou um objeto de preocupação individual, adquirindo relevância política na medida em que se situa como um aspecto importante da construção de identidades na intersecção entre gênero e raça. São colocadas em cena questões como a celebração de uma ancestralidade africana, o enfrentamento do racismo, o empoderamento feminino e a contestação de padrões sociais sentidos como artificiais e opressores. Neste sentido, estética é política, e os discursos sobre o cabelo e sua manipulação evidenciam muito mais que a aplicação de técnicas e a escolha de produtos, apontando para processos de subjetivação e de produção de identidades. A metodologia da pesquisa compreende a realização de etnografia multilocalizada, em contextos online - grupos de Facebook, blogs e canais do YouTube - e em salões de cabeleireiro, eventos do mercado da beleza e encontros organizados por crespas e cacheadas. (AU)

Ocultar
Voltar
COCEN Coordenadoria de Centros e Núcleos Interdisplinares de Pesquisa Rua Saturnino de Brito, nº 323, 2º andar Cidade Universitária Zeferino Vaz - Barão Geraldo, Campinas - SP CEP: 13.083-889 cocen@reitoria.unicamp.br +55 (19) 3521-4912 Equipe
Links
Voltar ao início Unicamp Serviços Escreva sua matéria
Acesse pelo celular